Publicidade

Human Rights Watch diz que governo Lula corrigiu danos de Bolsonaro, mas tem falhas

Organização de defesa dos direitos humanos diz que gestão do petista tem acertos, mas deixou de tomar medidas contra problemas importantes como a violência policial

Human Rights Watch diz que governo Lula corrigiu danos de Bolsonaro, mas tem falhas
Manifestantes contra violência policial no Rio de Janeiro
Publicidade

A ONG internacional Human Rights Watch apontou avanços e destacou inconsistências do primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na defesa dos direitos humanos. No capítulo reservado ao Brasil na 34ª edição de seu relatório mundial, divulgado nesta quinta-feira (11), a organização destaca a reversão de medidas do governo Jair Bolsonaro que prejudicavam os direitos das mulheres e a proteção ao meio ambiente, mas também evidencia a inação da gestão do petista contra a violência policial e discursos contraditórios na política externa.

"Sem dúvida houve avanços importantes e significativos, mas, em áreas com problemas crônicos no país, o governo não tomou as medidas necessárias", diz César Muñoz, diretor do escritório da HRW no Brasil.

O SBT News listou os principais pontos positivos e as maiores falhas do governo Lula na área de direitos humanos em 2023, segundo a organização.

Pontos positivos

Falhas do governo

  • Não liderou nem adotou medidas contundentes para enfrentar a violência policial. "Governo federal tem papel muito importante de coordenar os estados para ter política eficiente na segurança pública e isso não tem acontecido", disse Muñoz;
  • Falhou em defender de forma consistente os direitos humanos na política externa, com declarações controversas sobre a guerra na Ucrânia e a situação na Venezuela. O presidente "perdeu a oportunidade de defender os direitos humanos sem viés ideológico", destaca o diretor do escritório da HRW no Brasil.
  • Lula "seguiu exemplo negativo do ex-presidente Bolsonaro" e escolheu nome fora da lista tríplice para o cargo de procurador-geral da República;
  • Não cumpriu a promessa de restabelecer a Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos;
  • Apesar de conceder títulos de terras, quilombolas seguem enfrentando violência - como no caso da morte de Mãe Bernadete, liderança quilombola na Bahia;
  • País contribui para a crise climática como um dos 10 maiores emissores de gases de efeito estufa do mundo;
  • Não conseguiu conter o crescimento de 43% do desmatamento no Cerrado, em comparação com 2022;
  • Lula se comprometeu a impulsionar a transição ecológica, mas anunciou investimentos em exploração de petróleo e gás. "É perturbador que o ministro de Minas e Energia tenha anunciado a ambição de ser o 4º maior produtor de petróleo do mundo", disse Canineu, lembrando ainda da contradição de anunciar a entrada na Opep+ em plena COP.
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Violência Policial
Violência
Governo Lula
Direitos Humanos
ONG
Política
Brasil

Últimas notícias

Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Ao programa Perspectivas, presidente tucano reclamou do extremismo político no Brasil atualmente
Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Fantasia de presidiário, algema de pelúcia de sex shop e sapatos rasgados estão entre os itens; doações de roupa foram suspensas pelos Correios
Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Presidente diz que fim da isenção seria injusto com pessoas mais pobres e que "bugigangas" vendidas em sites asiáticos não competem com produtos nacionais
Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Projeto de Lei Complementar prevê quarentena de quatro anos para juízes, promotores, policiais e militares que quiserem concorrer em eleições
"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

Presidente do PSDB afirmou ao Perspectivas que torce por parceria entre Paulo Pimenta e Eduardo Leite
Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Aparelho estava na casa de Lourival Fadiga, polícia crê que advogada sabia de todo o plano
Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Dupla foi cercada em um motel na zona oeste, na quarta-feira (22)
PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

Na nova etapa, 20 endereços em SP, PR, MT, GO e RO são alvos de buscas e apreensões; dois investigados serão monitorados por tornozeleira eletrônica
PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

Agentes cumprem nove mandados de prisão e nove de busca e apreensão de alvos suspeitos de desviar R$ 8 milhões
Personal trainer é preso após afastar biquini de aluna durante atendimento

Personal trainer é preso após afastar biquini de aluna durante atendimento

Homem ainda tocou partes íntimas da vítima; crime de importunação sexual foi registrado em Goiás
Publicidade
Publicidade