Publicidade

CCJ do Senado vai analisar parecer sobre PEC das Drogas na próxima quarta (13), diz relator

Proposta criminaliza a posse e o porte de drogas independentemente de quantidade

CCJ do Senado vai analisar parecer sobre PEC das Drogas na próxima quarta (13), diz relator
Relator PEC antidrogas
Publicidade

O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que criminaliza a posse e o porte de drogas independentemente de quantidade, senador Efraim Filho (União-PB), disse nesta quinta-feira (7) que o colegiado vai analisar seu parecer sobre o texto na próxima quarta-feira (13). O anúncio foi feito em entrevista coletiva após reunião de líderes da Casa.

+ Omissão de lista de deputados que assinaram pedido de impeachment contra Lula é "grotesca", diz procurador

"Houve a deliberação no Colégio de Líderes e, por consenso, quarta-feira na CCJ o meu parecer sobre a PEC antidrogas será apreciado. Já há também o compromisso do presidente da CCJ, o senador Davi Alcolumbre, e vamos partir para esse debate", pontuou o parlamentar.

Segundo ele, essa discussão interessa à sociedade brasileira e "à família brasileira", e no Congresso está a prerrogativa e a competência "para discutir o tema de descriminalização das drogas". "Não acredito que seja um tema para ser decidido pelos tribunais, mas pelo Congresso Nacional".

A PEC tem como primeiro signatário o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). O parecer de Efraim é pela aprovação da proposta. Na coletiva, ele disse que o texto não deverá ir a plenário no próprio dia 13.

Julgamento no STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) deu continuidade na quarta-feira (6) ao julgamento sobre a descriminalização do porte de maconha para uso pessoal. Após fala inicial do presidente da Corte, Luís Roberto Barroso, os ministros André Mendonça e Kássio Nunes Marques se manifestaram contra a descriminalização, deixando o placar em 5 a 3 a favor da matéria. Em seguida, porém, Dias Toffoli pediu vistas, interrompendo novamente o julgamento, que se arrasta desde 2015.

O líder da oposição no Senado, Rogério Marinho (PL-RN), disse nesta quarta-feira, que uma eventual aprovação da PEC antidrogas no Congresso não significa um "desapreço" por parte dos parlamentares "à conduta da ação do STF, mas uma afirmação de que a sociedade, representada pelo Senado da República e certamente convalidada pela Câmara dos Deputados, pensa diferente do que está sendo decidido até agora pelo STF".

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Política
Congresso Nacional
Senado
Descriminalização
Drogas
STF

Últimas notícias

Comoção e falta de respostas marcam enterro de filha de deputado morta no Mato Grosso

Comoção e falta de respostas marcam enterro de filha de deputado morta no Mato Grosso

Polícia mantém investigações para explicar morte da empresária Raquel Cattani, que estava com 26 anos
São Paulo recebe evento sobre cultura pop asiática

São Paulo recebe evento sobre cultura pop asiática

Anime Friends é o maior evento temático de cultura pop asiática na América Latina e ficará até amanhã (21) em São Paulo
Paisagens, cultura e vinho; conheça o passeio turístico Trem Pampa

Paisagens, cultura e vinho; conheça o passeio turístico Trem Pampa

Itinerário começa no Rio Grande do Sul e passa no Uruguai. O passeio custa R$ 135
Imóveis levados a leilão quase dobram em 2024 e viram opção de investimento

Imóveis levados a leilão quase dobram em 2024 e viram opção de investimento

Só de imóveis financiados pela Caixa Econômica Federal, houve um salto de 75% na oferta de leilões
Melody sofre acidente a caminho de show no Rio de Janeiro

Melody sofre acidente a caminho de show no Rio de Janeiro

Van em que cantora estava ficou destruída: veja imagens
Brasileiro da marcha atlética disputará sua quarta Olimpíada em Paris

Brasileiro da marcha atlética disputará sua quarta Olimpíada em Paris

Caio Bonfim luta pela medalha que escapou nos Jogos do Rio, em 2016, quando conquistou o 4º lugar
Exclusivo: número de denúncias de maus-tratos a animais bate recorde em 2024

Exclusivo: número de denúncias de maus-tratos a animais bate recorde em 2024

Foram 909 situações nos primeiros seis meses de 2024, quase o mesmo número de todo o ano passado, quando houveram 939 denúncias
Los Angeles abraça a automação: robôs entregam comida e carros sem motorista já são realidade

Los Angeles abraça a automação: robôs entregam comida e carros sem motorista já são realidade

Em alguns restaurantes da cidade, o pedido é na tela e a comida vem em um carrossel. Já as bebidas são trazidas por um robô, que interage com os clientes
Menina de 10 anos sobrevive a parada cardíaca que durou mais de uma hora

Menina de 10 anos sobrevive a parada cardíaca que durou mais de uma hora

Lara Sousa foi reanimada e agora recebeu um aparelho que ajuda o coração a bater no ritmo certo
Brasil conquista classificação histórica na ginástica para olimpíadas de Paris

Brasil conquista classificação histórica na ginástica para olimpíadas de Paris

Pela primeira vez na história dos Jogos, país consegue índice para disputar três categorias da modalidade
Publicidade
Publicidade