Publicidade

No Amazonas, presidente do STF visita presídio e conversa com indígenas

Rosa Weber esteve nas regiões do Alto Solimões e do Vale do Javari (AM) onde Bruno e Dom foram mortos

No Amazonas, presidente do STF visita presídio e conversa com indígenas
Ministra Rosa Weber
Publicidade

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Rosa Weber, visitou nesta 3ª feira (21.mar) uma terra indígena em Tabatinga, cidade do Amazonas. Desde 2ª feira (20.mar), a magistrada cumpre agenda oficial na região do Alto Solimões e do Vale do Javari. 

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Na Câmara Municipal da cidade, participou do lançamento de cartazes, nas línguas indígenas, com informações sobre os direitos das pessoas presas e audiências de custódia. O material foi traduzido para as etnias: Tikuna, Marubo, Matis e Kanamari. 

Para a ministra, a ação demonstra o protagonismo dos indígenas. "Essa ação conjunta do CNJ reflete a caminhada e a vocação do Poder Judiciário para a garantia dos direitos constitucionais destacando o acesso à informação, à Justiça, ao reconhecimento cultural e linguístico dos povos indígenas", afirmou. "Não abriremos mão do respeito aos povos e nações indígenas, que são a história viva do nascimento do Brasil. Imensurável o nosso orgulho de sermos uma das nações de maior diversidade étnica do planeta", concluiu Weber.

Visita ao presídio

Em Tabatinga, Weber também foi a uma unidade prisional, que conta com 92 detentos, entre eles 12 indígenas. Ela conversou com os detentos, ouviu reivindicações de melhorias das condições carcerárias e disse que o CNJ vai analisar a situação junto às autoridades locais. 

A presidente do STF ainda inaugurou um escritório social na cidade, um espaço dedicado ao atendimento aos presos e familiares. As iniciativas integram o programa Fazendo Justiça, do CNJ. 

"Ao promover a inclusão, buscamos vencer vulnerabilidades e estamos contribuindo para quebra do ciclo de violência e, quiçá, de reincidência", destacou a ministra. 

Na passagem pela Amazônia, Rosa Weber ainda se reuniu com representantes dos indígenas e magistrados que acompanham o caso do assassinato do indigenista Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips, em junho de 2022. 

As audiências de instrução dos acusados dos assassinatos começaram nesta 2ª feira (20.mar). As partes e testemunhas foram ouvidas remotamente.

Weber conversou com juízes e falou sobre as dificuldades de mobilidade no interior do Amazonas, além das preocupações com a segurança dos magistrados que atuam em casos envolvendo tráfico de drogas e crime organizado na região. 

Foi a primeira agenda de Rosa Weber fora da capital federal, desde que tomou posse como presidente do STF e do CNJ, em setembro do ano passado.

r
Ministra Rosa Weber e juízes, em visita ao presídio de Tabatinga (AM) | Chico Batata/TJAM
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
rosa weber
stf
supremo
justiça
tabatinga
amazonas
cnj
vale do javari

Últimas notícias

Exército reduz número de armas que podem ser compradas por policiais e bombeiros

Exército reduz número de armas que podem ser compradas por policiais e bombeiros

Regra anterior, que permitia a compra de até seis armas, foi suspensa por Ricardo Lewandowski
"Tatuzão" abre cratera em condomínio durante obras da Linha-6 Laranja do Metrô de SP

"Tatuzão" abre cratera em condomínio durante obras da Linha-6 Laranja do Metrô de SP

Em fevereiro de 2022, um acidente durante a construção da mesma estação deixou a Marginal Tietê interditada após a abertura de um buraco
Batagaika: "porta para o submundo" cresce 1 milhão de metros cúbicos por ano

Batagaika: "porta para o submundo" cresce 1 milhão de metros cúbicos por ano

Imagens de satélite descobriram o local em 1991, na República de Sakha, centro oriente da Rússia
Ministério da Saúde envia kits emergenciais para atender 195 mil pessoas no RS

Ministério da Saúde envia kits emergenciais para atender 195 mil pessoas no RS

Cada kit tem 32 tipos de medicamentos e 16 tipos de insumos, como luvas, seringas e ataduras
Morte por leptospirose é confirmada em cidade do Rio Grande do Sul

Morte por leptospirose é confirmada em cidade do Rio Grande do Sul

Município de Travesseiro é o primeiro a confirmar óbito; mais três pessoas recebem o tratamento para a doença
Poder Expresso: doenças e acúmulo de lixo são os próximos desafios do Rio Grande do Sul

Poder Expresso: doenças e acúmulo de lixo são os próximos desafios do Rio Grande do Sul

Esta edição discute as repercussões e os próximos passos do Irã após acidente de helicóptero que matou o presidente
Espanha ameaça romper relações diplomáticas com a Argentina após falas de Milei

Espanha ameaça romper relações diplomáticas com a Argentina após falas de Milei

Presidente argentino usou Begoña Gomez, mulher do primeiro-ministro Pedro Sánchez, para atacá-lo
Ex-advogado de Donald Trump, Michael Cohen admite ter roubado R$ 153 mil da empresa do ex-presidente

Ex-advogado de Donald Trump, Michael Cohen admite ter roubado R$ 153 mil da empresa do ex-presidente

Principal testemunha de julgamento criminal de Trump confirmou o ato em depoimento nesta segunda-feira (20)
Governo zera imposto de importação para garantir abastecimento e frear preço do arroz

Governo zera imposto de importação para garantir abastecimento e frear preço do arroz

Afetado por enchentes, Rio Grande do Sul é responsável por 70% da produção nacional do grão
Estados Unidos prestam apoio ao povo do Irã após morte do presidente

Estados Unidos prestam apoio ao povo do Irã após morte do presidente

Governo americano afirmou que está ao lado do povo iraniano em sua luta por direitos humanos
Publicidade
Publicidade