Publicidade

Inflação desacelera e sobe 0,21% em junho, diz IBGE

Em 12 meses, alta acumulada é de 4,23%; preços dos alimentos contribuíram para índice menor que em maio (0,46%)

Inflação desacelera e sobe 0,21% em junho, diz IBGE
Alimentos puxaram inflação oficial em junho | Tânia Rego/Agência Brasil
Publicidade

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, desacelerou para 0,21% em junho, após subir 0,46% em maio. No ano, o índice acumula alta de 2,48%. O dado foi divulgado nesta quarta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O índice veio abaixo do esperado pelo mercado, que previa alta de 0,30%. Mas, segundo Maykon Douglas, analista de research da Highpar, novos aumentos previstos para o segundo semestre devem impactar o IPCA até o fim do ano.

"Apesar desse bom qualitativo na margem, há uma série de pressões 'contratadas' para o segundo semestre, no caso: alta na energia elétrica em razão da mudança de bandeira tarifária, reajuste na gasolina e GLP a partir de julho e um ritmo mais forte do núcleo de serviços. O IPCA para o fim do ano deve ser maior do que se esperava há algum tempo", afirma.

Alta na alimentação e queda nos transportes

Sete dos nove grupos pesquisados registraram alta em junho. Segundo o IBGE, o grupo de produtos e serviços que teve o principal impacto foi Alimentação e bebidas, que apresentou alta de 0,44%, menor que em maio (0,62%). Os alimentos contribuíram com 0,10 ponto percentual (p.p.) para o índice de junho.

A alimentação no domicílio desacelerou de 0,66% em maio para 0,47% em junho. Foram observadas altas nos preços da batata inglesa (14,49%), leite longa vida (7,43%), café moído (3,03%) e arroz (2,25%). No lado das quedas, destacam-se a cenoura (-9,47%), a cebola (-7,49%) e as frutas (-2,62%).

A maior variação (0,54%) veio de Saúde e cuidados pessoais, com 0,07 p.p. de contribuição, influenciada pela alta dos planos de saúde (0,37%), decorrente do reajuste de até 6,91% autorizado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) no início de junho.

Grupo de produtos e serviços que teve o principal impacto foi Alimentação e bebidas | Divulgação/IBGE
Grupo de produtos e serviços que teve o principal impacto foi Alimentação e bebidas | Divulgação/IBGE

Os dois grupos que registraram retração no mês foram os de Transportes (-0,19%) e Comunicação (-0,08%). A queda no índice de transportes foi ocasionada pelo impacto da redução na passagem aérea, de 9,88% e -0,06 p.p. de contribuição no índice geral. Os combustíveis tiveram alta de 0,54%, com o óleo diesel (-0,64%) e o gás veicular (-0,61%) apresentando recuo e a gasolina (0,64%) e o etanol (0,34%) com alta.

Das 16 áreas pesquisadas, 13 apresentaram alta em junho. A maior variação foi registrada em Goiânia (0,50%), por conta das altas do etanol (5,19%) e da gasolina (2,86%). Já o menor resultado ocorreu em Porto Alegre (-0,14%), que apresentou queda nos preços das passagens aéreas (-9,62%) e no gás de botijão (-5,02%).

Das 16 áreas pesquisadas, 13 apresentaram alta em junho | Divulgação/IBGE
Das 16 áreas pesquisadas, 13 apresentaram alta em junho | Divulgação/IBGE

No ano, a inflação acumula alta de 2,48% e, em 12 meses, de 4,23% – ficando acima dos 3,93% registrados nos 12 meses anteriores. Em junho de 2023, a taxa foi de -0,08%.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Inflação
IBGE
IPCA
Brasil
Economia

Últimas notícias

Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Ele é suspeito de aplicar um golpe de rifa virtual que causou prejuízo de R$ 5 milhões a clientes
Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

O diretor da polícia dos Estados Unidos declarou que as autoridades “não deixarão pedra sobre pedra” na investigação sobre a tentativa de assassinato
Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

19º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo terminou neste domingo (14), em São Paulo
Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Corey Comperatore, de 50 anos, era bombeiro e tinha duas filhas. Ele morreu pelos disparos de Thomas Crooks. Outros dois homens foram feridos gravemente
Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Em nota de pesar, o presidente da República ressaltou, entre outros atributos, a “irreverência” na carreira do jornalista, que faleceu aos 87 anos
Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Segundo analistas, chance de retorno do ex-presidente ao poder aumentou, e ele é a favor da desregulamentação do mercado financeiro
Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Thomas Matthew Crooks, de 20 anos, foi o atirador que tentou assassinar Donald Trump
Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Esta é a primeira visita de um chefe de Estado italiano ao país em 24 anos
Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

O político faleceu na tarde deste domingo (14) em decorrência de complicações da diabetes
Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

"Deixem o FBI fazer o seu trabalho", diz presidente dos EUA. Segurança de convenção republicana será reforçada
Publicidade
Publicidade