Publicidade

Funai planeja remover sete invasões em terras indígenas nos próximos 12 meses

Instituição destaca direitos dos povos originários na data comemorativa de 19 de abril

Funai planeja remover sete invasões em terras indígenas nos próximos 12 meses
Agentes do Ibama e da Funai trabalharam na desintrusão do território | Divulgação/Ascom
Publicidade

A Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) planeja mais sete operações para remover invasões em terras indígenas (TIs) nos próximos 12 meses.

+ Um ano da crise dos yanomamis: os erros e os acertos do governo

A informação foi divulgada pelo Centro de Monitoramento Remoto (CMR) da instituição, nesta sexta-feira (19), data comemorativa dos povos indígenas no Brasil.

A presidente da Funai, Joenia Wapichana, confia na tecnologia conectada a satélite para monitorar com precisão quase todos os TIs para reforçar o combate a invasões neste ano.

"Neste dia dos Povos Indígenas, 19 de abril, precisamos chamar atenção para a proteção dos territórios indígenas. Proteger as TIs é proteger a humanidade. Devido aos modos tradicionais de vida, essas terras são as mais conservadas, em comparação com qualquer outro tipo de ocupação do solo", disse Wapichana, em entrevista ao site da Norte Energia, empresa que mantém o funcionamento do CMR.

Em nota, a Funai diz reafirmar compromisso de atuar com "total empenho na missão de defender e garantir os direitos dos povos indígenas, demarcar espaços e lutar contra ameaças ou retrocessos na política indigenista".

Além da Funai, a PF também atuou nesta semana para remover invasões e coibir o garimpo ilegal em territórios de povos indígenas.

+ Operação combate extração ilegal de ouro em terra indígena no MT

Na quarta (17), agentes cumpriram cinco mandados de busca e apreensão e outros dois mandados de prisão preventiva em endereços nos estados de Roraima e Bahia.

Segundo a PF, as investigações apontaram a existência de uma organização criminosa que atuaria na prática da atividade de garimpo ilegal no TI Yanomami. Além dos mandados, a Justiça federal determinou o sequestro de bens e valores de mais de R$ 25 milhões do grupo investigado.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Terras Indígenas
Indígenas
Polícia Federal
Garimpo
Invasão

Últimas notícias

Buscas por presidente do Irã: drone localiza fonte de calor; vice diz que resgate fez contato com vítimas

Buscas por presidente do Irã: drone localiza fonte de calor; vice diz que resgate fez contato com vítimas

Líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, discursou e tentou tranquilizar população sobre ausência de informações concretas
Tony Ramos passa por mais uma cirurgia no cérebro

Tony Ramos passa por mais uma cirurgia no cérebro

Ator de 75 anos foi submetido ao segundo procedimento neste domingo (19)
Processo que pode cassar mandato de Chiquinho Brazão deve ser concluído na Câmara até julho

Processo que pode cassar mandato de Chiquinho Brazão deve ser concluído na Câmara até julho

Apontado como mandante do caso Marielle, deputado será notificado no presídio em Campo Grande e terá dez dias para se defender no Conselho de Ética
Rio Grande do Sul alcança a marca de 135 prisões em meio às enchentes

Rio Grande do Sul alcança a marca de 135 prisões em meio às enchentes

48 ocorrências foram de roubos e furtos de pessoas afetadas pelos temporais, afirma Secretaria de Segurança Pública do estado
Neblina e montanhas dificultam localização do helicóptero do presidente do Irã

Neblina e montanhas dificultam localização do helicóptero do presidente do Irã

Agência oficial do país chegou a afirmar que aeronave havia sido localizada, mas mudou versão
Sobe para 157 o número de mortos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

Sobe para 157 o número de mortos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

88 pessoas seguem desaparecidas e 806 foram resgatadas feridas; mais de 2,3 milhões foram afetadas em todo o estado
Propostas que colocam meio ambiente em risco avançam no Congresso, alerta Observatório

Propostas que colocam meio ambiente em risco avançam no Congresso, alerta Observatório

Coordenadora da ONG afirma que, se aprovados, projetos resultarão em “mais emissões de gases de efeito estufa”
Tribunal julga nesta segunda (20) ação decisiva contra Assange

Tribunal julga nesta segunda (20) ação decisiva contra Assange

Corte britânica analisa garantias dos EUA para extradição. Lula defende ativista nas redes sociais
Justiça determina vistoria de pet shop em que animais morreram afogados em Porto Alegre

Justiça determina vistoria de pet shop em que animais morreram afogados em Porto Alegre

Decisão tem como objetivo verificar existência de animais ainda vivos no local; loja disse que animais não sobreviveram à enchente
Elenco do SBT recebe pessoalmente doações para o Rio Grande do Sul

Elenco do SBT recebe pessoalmente doações para o Rio Grande do Sul

Patrícia Abravanel e Ratinho estiveram neste domingo (19) na sede da emissora para campanha de ajuda às vítimas das enchentes
Publicidade
Publicidade