Publicidade

Governo de São Paulo entrega 490 novas submetralhadoras para a PM

Investimento para compra do armamento foi superior a R$ 7 milhões

Governo de São Paulo entrega 490 novas submetralhadoras para a PM
Novas armas foram entregues à PM de SP
Publicidade

O governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), entregou para a Polícia Militar 490 novas submetralhadoras. A corporação recebeu o armamento em evento realizado na manhã desta 5ª feira (19.mai), no Centro de Material Bélico, no bairro da Luz, região central da capital paulista.

+ Leia as últimas notícias de Polícia no portal SBT News

A compra das submetralhadoras custou R$ 7,84 milhões, confirma o governo estadual. Presente no evento que marcou a entrega do material à PM, Garcia valorizou a aquisição. De acordo com o tucano, as novas armas vão reforçar o trabalho de policiais que ficam na linha de frente, em viaturas realizando patrulhamento. Além disso, ele destaca a estratégia de modernizar a PM.

Segundo o governo paulista, o investimento ficará restrito somente à aquisição das armas. Isso porque os carregadores das pistolas Glock G22, que já são usados pelos policiais militares de São Paulo, são compatíveis com o novo armamento.

"Maior investimento da história nas nossas polícias."

"Estamos aqui para reforçar o apoio do Governo do Estado de São Paulo à nossa força pública de segurança", afirmou Garcia diante do comando da PM paulista. "Temos feito o maior investimento da história nas nossas polícias, dotando-a de bons equipamentos, veículos, equipamentos de proteção e equipamento bélico. A chegada dessas submetralhadoras vem compor esse grande investimento", exaltou o governador.

Mais armas até o fim do ano

As 490 submetralhadoras entregues nesta 5ª formam o primeiro lote de compras de armas feito pelo governo de São Paulo junto à Brugger & Thomet (B&T), empresa suíça que venceu processo de licitação internacional. Até dezembro, a companhia entregará para a Polícia Militar outras 1.966 unidades do armamento.

Secretário de Segurança Pública de São Paulo, o general João Camilo Pires de Campos reforçou que o armamento faz parte do dia a dia de trabalho dos policiais militares. Para ele, a compra representa a valorização que o governo dá à categoria. "Estamos adquirindo ferramentas de trabalho. Isso é um respeito ao profissional que passa a ter melhores condições de trabalho."

Saiba mais:

+ No Sudeste, todos os governadores vão em busca da reeleição

+ Prefeito sofre atentado e é baleado com mais de dez tiros

+ Com prisão de Cupertino, André do Rap se torna o mais procurado pela polícia

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
rodrigo garcia
são paulo
pm
brasil

Últimas notícias

Mega-Sena não tem ganhadores e prêmio chega a R$ 47 milhões

Mega-Sena não tem ganhadores e prêmio chega a R$ 47 milhões

Prêmio acumulado será sorteado no sábado (15)
Brasília tem manifestação contra PL que equipara aborto ao crime de homicídio

Brasília tem manifestação contra PL que equipara aborto ao crime de homicídio

Grupo se reuniu em frente ao Museu Nacional da República, na Esplanada dos Ministérios, na noite desta quinta (13)
Mulher fica sem roupa em aeroporto após ser impedida de embarcar; veja vídeo

Mulher fica sem roupa em aeroporto após ser impedida de embarcar; veja vídeo

Ela estava prestes a pegar um voo de volta para o Vietnã quando se revoltou e tirou as roupas
Vítimas de violência doméstica serão prioridade em cirurgia reparadora no SUS

Vítimas de violência doméstica serão prioridade em cirurgia reparadora no SUS

A atualização na Lei Maria da Penha já garantia o direito ao procedimento e, agora, assegura a preferência na fila de espera
Na contagem regressiva para as Olimpíadas, atletas revelam ansiedade para as competições

Na contagem regressiva para as Olimpíadas, atletas revelam ansiedade para as competições

São 241 vagas garantidas para o Brasil e 219 atletas já estão classificados, sendo 127 mulheres, 85 homens e sete pessoas do hipismo, com gênero a definir
Yasmin Aparecida: família cai em golpe e perde R$ 2 milhões arrecadados para tratamento

Yasmin Aparecida: família cai em golpe e perde R$ 2 milhões arrecadados para tratamento

Menina de 11 anos foi diagnosticada com neuroblastoma -- um tipo de câncer raro, que cresce em partes do sistema nervoso ou nas glândulas adrenais
Número de refugiados no Brasil mais que dobrou em um ano, diz Ministério da Justiça

Número de refugiados no Brasil mais que dobrou em um ano, diz Ministério da Justiça

Segundo o órgão, a maioria é de origem venezuelana
Pacheco diz que aborto é diferente de homicídio e defende discussão longa no Senado

Pacheco diz que aborto é diferente de homicídio e defende discussão longa no Senado

Presidente da Casa negou possibilidade de que projeto passe com urgência, se chegar para análise dos senadores
Críticas contra PL que iguala aborto a homicídio invadem redes sociais

Críticas contra PL que iguala aborto a homicídio invadem redes sociais

Hashtags #PLdoEstuproNão e #CriançaNãoÉMãe ficaram entre os assuntos mais comentados do X nesta quinta (13)
Deputadas de esquerda e de direita debatem aborto após estupro

Deputadas de esquerda e de direita debatem aborto após estupro

Discussão entre Sâmia Bomfim (PSOL-SP) e Franciane Bayer (Republicanos-RS) ocorre em meio a aprovação da urgência de projeto de lei na Câmara sobre o tema
Publicidade
Publicidade