Publicidade

Polícia mata homem que tentava incendiar sinagoga na França

Suspeito foi atingido após avançar contra os policiais com uma faca

Polícia mata homem que tentava incendiar sinagoga na França
Polícia respondeu chamado às 6h45 (horário local) | Flickr
Publicidade

A polícia francesa matou um homem que tentava incendiar uma sinagoga na cidade de Rouen, na Normandia, nesta sexta-feira (17). As equipes responderam ao chamado por volta das 6h45 (horário local), quando encontraram o suspeito. Ele foi atingido por um disparo após avançar contra os policiais com uma faca e uma barra de metal.

+ Geóloga diz ter desvendado local onde Mona Lisa foi pintada

Pelas redes sociais, o prefeito de Rouen, Nicolas Mayer-Rossignol, disse que o homem teria subido em um contêiner de lixo e jogado "uma espécie de coquetel molotov" dentro da sinagoga, iniciando um incêndio. O fogo foi extinto pouco tempo depois, mas, segundo o prefeito, as chamas causaram "danos significativos" no templo religioso.

“Quando a comunidade judaica é atacada, é um ataque à comunidade nacional, um ataque à França, um ataque a todos. É um susto para toda a nação", disse Mayer-Rossignol.

Duas investigações separadas foram abertas pela promotoria da cidade, sendo uma sobre o incêndio na sinagoga e outra sobre as circunstâncias da morte do indivíduo morto pela polícia. A última, comandada pela Inspetoria Nacional da Polícia Francesa (IGPN), é aberta automaticamente sempre que um cidadão é morto pela polícia.

A França vem registrando milhares de atos antissemitas desde outubro do ano passado, quando Israel declarou guerra contra o grupo extremista Hamas. Os atos acontecem, sobretudo, contra judeus, em resposta ao ataque sem precedentes de Israel à Faixa de Gaza. Mais de 1,5 mil ocorrências já foram registradas, sendo 366 apenas em 2024.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

França
Polícia
Crime

Últimas notícias

Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Cinco cidades baianas estão à frente. Taxas superaram 50 homicídios por 100 mil habitantes em 2022, segundo Atlas da Violência
Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Atualmente no cargo, Marinho se afasta do cargo por 120 dias para se dedicar às eleições municipais
Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Presidente do Senado se posicionou acerca do polêmico tema diante de parte da bancada feminina da Casa
Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Agentes realizavam operação contra estabelecimentos comerciais que receptavam e revendiam roupas de grifes roubadas
Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação
Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Nove equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e conseguiram conter o fogo no local
Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

No ranking com 56 países, o Brasil aparece na 44ª colocação, empatado com Peru, Panamá e Arábia Saudita
Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Segundo a polícia, integrante de um grupo criminoso que gerenciava um laboratório de drogas em Castelo Branco foi localizado por equipes do Depom
80 milhões de pessoas estão sob alerta para altas temperaturas nos Estados Unidos

80 milhões de pessoas estão sob alerta para altas temperaturas nos Estados Unidos

Onda de calor extremo afeta quase todo o território americano
Lira anuncia que debate de projeto antiaborto só ocorrerá no segundo semestre

Lira anuncia que debate de projeto antiaborto só ocorrerá no segundo semestre

Presidente da Câmara afirma que projeto não "irá retroagir nos direitos já garantidos e nada irá avançar que traga qualquer dado aos diretos das mulheres"
Publicidade
Publicidade