Publicidade

"Atos terroristas são absolutamente inadmissíveis", diz Márcio Macêdo

Lula decretou intervenção federal no DF, por causa da tentativa de golpe praticada por bolsonaristas

"Atos terroristas são absolutamente inadmissíveis", diz Márcio Macêdo
Márcio Macêdo (Divulgação/PT)
Publicidade

O ministro Márcio Macêdo, chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, afirmou que os atos terroristas praticados por bolsonaristas neste domingo (8.jan) em Brasília são "absolutamente inadmissíveis e devem ser punidos com todo o rigor da lei".

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Ainda de acordo com ele, tratou-se de um "atentado à democracia, o mais importante patrimônio público". No comunicado, ele ainda reforça que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) decretou intervenção federal na segurança do DF para restabelecer a ordem, devido à tentativa de golpe de Estado.

Vários ministros do governo Lula se manifestaram neste domingo sobre o atentado em Brasília. Entre eles, o da Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin (PSB), que é também vice-presidente da República. De acordo com Alckmin, "a barbárie de hoje é efeito direto da irresponsabilidade de todos que apoiam, financiam ou se omitem diante de atos antidemocráticos". "Que sejam, na forma da lei, punidos em nome da República e da democracia, covardemente atingidas mais uma vez", complementou.

Veja também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
governo
márcio macêdo
secretaria geral
presidência
lula
decreto
intervenção federal
tentativa de golpe
bolsonaristas
ministros
congresso
justica
stf
palácio do planalto
guilherme-resck

Últimas notícias

Brasil ultrapassa marca de 6 milhões de casos de dengue em 2024

Brasil ultrapassa marca de 6 milhões de casos de dengue em 2024

SP e MG seguem liderando ranking de infecções; número de mortes confirmadas chega a 4 mil
Ataques contra igrejas e sinagogas deixam mais de 15 mortos na Rússia

Ataques contra igrejas e sinagogas deixam mais de 15 mortos na Rússia

Homens armados invadiram os locais na tarde de domingo (23); autoridades investigam o caso
Caixa libera Bolsa Família de junho para beneficiários com NIS final 6

Caixa libera Bolsa Família de junho para beneficiários com NIS final 6

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente; calendário também conta com Auxílio Gás
SBT News na TV: Professores das universidades federais decidem encerrar greve

SBT News na TV: Professores das universidades federais decidem encerrar greve

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta segunda-feira (24); assista!
Netanyahu diz que combate intenso contra o Hamas está perto do fim, mas que guerra continuará

Netanyahu diz que combate intenso contra o Hamas está perto do fim, mas que guerra continuará

Primeiro-ministro israelense concedeu entrevista a uma emissora do país pela primeira vez desde o início da guerra
Universidades federais: professores decidem encerrar greve

Universidades federais: professores decidem encerrar greve

Paralisação nacional começou em abril. Retorno às aulas depende de decisão interna de cada instituição
Professores de ensino básico e técnico de instituições federais aceitam acordo e anunciam fim da greve

Professores de ensino básico e técnico de instituições federais aceitam acordo e anunciam fim da greve

Propostas de reajuste para as duas categorias foram aprovadas por 89 votos a 15
Testado na África, novo medicamento contra HIV alcança 100% de eficiência

Testado na África, novo medicamento contra HIV alcança 100% de eficiência

Ensaio clínico apontou que uma injeção semestral de lenacapavir deu proteção total contra o vírus
Número de peregrinos mortos na Arábia Saudita passa de 1.300

Número de peregrinos mortos na Arábia Saudita passa de 1.300

O ministro da Saúde saudita, Fahd bin Abdurrahman Al-Jalajel, disse que 83% das mortes são de peregrinos não autorizados
CNJ vai apurar esquema alvo da Polícia Federal de venda de sentenças no TJ paulista

CNJ vai apurar esquema alvo da Polícia Federal de venda de sentenças no TJ paulista

Luis Felipe Salomão, corregedor nacional de Justiça, abriu processo disciplinar contra desembargador Ivo de Almeida, afastado pelo STJ
Publicidade
Publicidade