Publicidade

Alckmin responde cobrança de Lula com meme de desenho animado: “Pé na tábua”

Presidente havia cobrado vice-presidente e ministros agilidade e para melhorarem articulações com o Congresso Nacional

Alckmin responde cobrança de Lula com meme de desenho animado: “Pé na tábua”
Lula e Alckmin se cumprimentando (Ricardo Stuckert)
Publicidade

O vice-presidente Geraldo Alckmin respondeu nesta terça (23) a cobrança feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), na última segunda-feira, para que Alckmin e seus ministros sejam mais ágeis e melhorem as relações e articulações no Congresso Nacional. No Twitter, Alckmin postou uma montagem do personagem Papa-Léguas com o seu rosto e a fala: “O presidente Lula pediu para acelerar. Pé na tábua!”

´+Pimenta critica imprensa e diz que Lula “brincou” ao cobrar Alckmin e Haddad

Na legenda da postagem, Alckmin escreveu: “Ele tem toda razão de cobrar de seu governo empenho para acelerar as negociações com o Congresso. Tenho dialogado todos os dias com parlamentares que estão nos ajudando a negociar a aprovação de projetos estruturantes. Somente este ano foram 52 reuniões, com 75 parlamentares”.

Entre os comentários feitos por Lula, o presidente chegou a sugerir que Fernando Haddad, ministro da Fazenda, deveria “perder algumas horas conversando no Senado e na Câmara”, ao invés de ler um livro.

Em café com jornalistas nesta terça, o presidente minimizou a cobrança. Paulo Pimenta, ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social, afirmou que o comentário foi uma “brincadeira”.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Lula
Geraldo Alckmin

Últimas notícias

PEC retira propriedade exclusiva da União sobre terrenos no litoral; entenda ponto a ponto

PEC retira propriedade exclusiva da União sobre terrenos no litoral; entenda ponto a ponto

O senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) apresentou parecer favorável ao texto, que tramita na Comissão de Constituição e Justiça do Senado
Taxação das blusinhas: por falta de acordo, Câmara vai votar Mover na última semana

Taxação das blusinhas: por falta de acordo, Câmara vai votar Mover na última semana

Programa de Mobilidade Verde precisa ser votado até dia 31 de maio, para que medida provisória não deixe de valer; deputados analisam nesta terça-feira
Foguete lançado pela Coreia do Norte para implantar satélite espião explode após a decolagem

Foguete lançado pela Coreia do Norte para implantar satélite espião explode após a decolagem

Moradores do Japão receberam alerta para procurarem abrigo por conta do lançamento
“Temos que começar a pensar em prevenção”, diz Marcos Pontes sobre desastres naturais

“Temos que começar a pensar em prevenção”, diz Marcos Pontes sobre desastres naturais

Em entrevista ao SBT News, senador discutiu as lições que podem ser aprendidas com calamidade vivida no RS
Professores criticam e governo assina proposta de reajuste com apenas um sindicato

Professores criticam e governo assina proposta de reajuste com apenas um sindicato

Acordo estabelece adequações entre 13,3% e 31,2% e foi recusado por docentes de universidades federais
Lula conversa com Oliver Stone e agradece por documentário

Lula conversa com Oliver Stone e agradece por documentário

Cineasta americano lançou filme sobre presidente no Festival de Cannes
“Biden prioriza Israel em detrimento da própria vitória eleitoral”, analisa especialista sobre ataque a Rafah

“Biden prioriza Israel em detrimento da própria vitória eleitoral”, analisa especialista sobre ataque a Rafah

Recente ataque de Israel a Rafah foi tema de discussão no Poder Expresso desta segunda-feira (27)
Lewandowski se reúne com secretários de Segurança para debater o uso de recursos públicos

Lewandowski se reúne com secretários de Segurança para debater o uso de recursos públicos

Segundo o Ministério da Justiça, cerca de quatro bilhões que foram repassados aos estados pelo governo federal precisam ser utilizados até o fim deste ano
Paris tem quase tudo pronto para a realização dos Jogos Olímpicos

Paris tem quase tudo pronto para a realização dos Jogos Olímpicos

Estruturas dos locais de competição estão sendo finalizadas; cidade terá medidas especiais de segurança
Caso Marielle: em depoimento, Ronnie Lessa diz que poderia ganhar R$ 100 milhões com assassinato

Caso Marielle: em depoimento, Ronnie Lessa diz que poderia ganhar R$ 100 milhões com assassinato

Ex-policial militar afirmou ainda que o ex-deputado federal Marcelo Freixo era alvo dos mandantes do crime antes da vereadora
Publicidade
Publicidade