Publicidade

MPF defende continuidade de investigação no STJ contra Paulo Dantas

Subprocurador-geral diz que provas indicam crimes na Assembleia e nega pedido da defesa do governador de AL

MPF defende continuidade de investigação no STJ contra Paulo Dantas
Dantas
Publicidade

O Ministério Público Federal (MPF) pediu nesta 6ª feira (4.nov) o prosseguimento das apurações da Polícia Federal (PF) que têm como o alvo do governador reeleito de Alagoas, Paulo Dantas (MDB).

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O subprocurador-geral da República Carlos Frederico Santos apresentou parecer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), em que defende o prosseguimento das investigações da Operação Edema, sobre desvios de recursos da Assembleia Legislativa de Alagoas, por meio de esquema de servidores "fantasmas".

Dantas foi afastado do cargo de governador a 20 dias do segundo turno das eleições, por ordem da ministra Laurita Vaz, que atendeu pedido da da PF. O governador assumiu o cargo em março, na vaga do aliado Renan Filho (MDB), que deixou o cargo para disputa ao Senado. 

Aliado de Renan, Dantas disputou o segundo turno contra o candidato Rodrigo Cunha (União Brasil), aliado do deputado Arthur Lira (PP-AL). Venceu, com 52% dos votos válidos.

+ Após reeleição de Dantas, em Alagoas, PGR recorre e pede afastamento

+ STF derruba afastamento de Paulo Dantas do governo de Alagoas 

O Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu o afastamento de Dantas, a uma semana no segundo turno, alegando que como candidato ele não poderia ser alvo de medida cautelar naquele período. O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu nesta 5ª feira (3.nov) que o afastamento volte a ser aplicado.

Crimes

A manifestação desta 6ª, assinada por Carlos Frederico Santos, é uma resposta a um pedido da defesa de Dantas, que havia pedido ao STJ trancar as apurações do inquérito 1.582/DF.

O subprocurador-geral informou o STJ que o "grande número de provas que indicam cometimento de crimes de organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro" impedem que o caso seja parado.

dantas
Trecho dos autos do STJ | Reprodução

 O MPF ainda destacou que os crimes em investigação têm relação com o mandato e que houve descoberta de supostas tentativas de atrapalhar as apurações no cargo de governador. Por isso, o caso deve ser mantido no STJ.

"Se não há determinação da Suprema Corte para que sejam sobrestados todos os autos que tramitam perante esse Colendo Tribunal e tampouco não salta aos olhos qualquer nulidade que possa tisnar as investigações, de modo a causar prejuízo ou violar direitos fundamentais do investigado, o pedido do douto advogado carece de fundamento fático e jurídico."

Dantas é investigado desde o início do ano pela Polícia Federal (PF) por supostos desvios de mais de R$ 54 milhões da Assembleia Legislativa de Alagoas, de 2019 a 2022, por meio de contratações de assessores "fantasmas", quando foi deputado.

O esquema teria funcionado de 2019 a 2021 e prosseguido, mesmo depois que ele virou governador, em março. Dantas, sua mulher, Maria Thereza Dantas, prefeita de Batalha (AL), e o cunhado, Theobaldo Cavalcanti Lins, prefeito de Major Izidoro (AL), seriam os principais beneficiários.

st
Trecho dos autos do STJ | Reprodução

No inquérito, que a defesa tenta trancar, a PF reuniu trocas de mensagens entre os investigados, dados da quebra de sigilo telefônico e de e-mails, planilhas sobre saques e transferências, anotações de contabilidade, imagens dos sistemas internos das agências bancárias e lotérica onde foram feitos os saques, fotografias das ações criminosas, comprovantes bancários das movimentações, relatórios de inteligência financeira do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), entre outras provas.

Dantas tem negado todas as acusações. Atribui a ação da PF a uma perseguição política contra ele.

"Revela-se grotesca a 'ação', na verdade, 'encenação' de uma ala da Polícia Federal, que permitiu ser aparelhada para atender interesses político-eleitorais, tentando dar um golpe na minha candidatura à reeleição de governador de Alagoas", afirmou Dantas, em nota divulgada antes do segundo turno, ao ser alvo da operação da PF.

Leia também:

+ Paulo Dantas é suspeito de usar cargo para atrapalhar a PF

+ STJ mantém afastamento de Paulo Dantas do governo de AL

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
paulo dantas
ricardo-brandt
alagoas
renan calheiros
arthur lira
stf
pgr
mpf
stj
operação edema

Últimas notícias

SBT News na TV: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

SBT News na TV: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (29); assista!
"Últimas ações de Israel em Rafah não cruzam linha vermelha", dizem EUA

"Últimas ações de Israel em Rafah não cruzam linha vermelha", dizem EUA

Governo afirmou que ainda não viu danos extensos ou grande número de mortos deixados por ofensiva israelense
Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Compras internacionais: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

Compras internacionais: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

Proposta estabelece imposto para compra em sites internacionais, como Shein, AliExpress e Shopee
JBS deverá indenizar família de funcionário morto após sair do trabalho, decide TST

JBS deverá indenizar família de funcionário morto após sair do trabalho, decide TST

Para a corte, a empresa negligenciou condições adequadas de transporte a trabalhador assassinado enquanto pedalava para casa de madrugada
VÍDEO: clientes têm celulares roubados durante arrastão em restaurante de Pinheiros (SP)

VÍDEO: clientes têm celulares roubados durante arrastão em restaurante de Pinheiros (SP)

Imagens da câmera de segurança registraram o momento em que um criminoso, armado, abordou um funcionário na rua e entrou com ele no estabelecimento
VÍDEO: Tornados deixam 25 mortos em dois dias nos EUA

VÍDEO: Tornados deixam 25 mortos em dois dias nos EUA

Americanos registraram chegada dos ventos e estragos deixados nas cidades. Novas tempestades devem ocorrer na noite desta terça (28)
Frente Nacional de Prefeitos se mobiliza para a compra de medicamentos no RS

Frente Nacional de Prefeitos se mobiliza para a compra de medicamentos no RS

Secretário da Frente Nacional dos Prefeitos fala ao programa Perspectivas do SBT News
Novo ataque de Israel a acampamento de refugiados em Rafah deixa ao menos 21 mortos

Novo ataque de Israel a acampamento de refugiados em Rafah deixa ao menos 21 mortos

Ataque aconteceu enquanto manifestantes, em várias partes do mundo, ainda protestavam contra as 45 mortes provocadas por bombardeio no domingo
Covid-19 já matou mais que a dengue no Brasil em 2024

Covid-19 já matou mais que a dengue no Brasil em 2024

Principais vítimas da covid-19, segundo o Ministério da Saúde, são pessoas que não se vacinaram ou que não completaram o ciclo de imunização
Publicidade
Publicidade