Publicidade

Seis suspeitos morrem em suposto confronto após assalto a concessionária

Oito foram presos em flagrante. Crime foi registrado em Várzea Grande (MT)

Seis suspeitos morrem em suposto confronto após assalto a concessionária
Carros estacionados com vidros destruídos e com marcas de tiros
Publicidade

Um tiroteio em uma concessionária de veículos em Várzea Grande (MT) deixou seis suspeitos mortos. O local foi invadido por 14 criminosos armados, que visavam roubar 40 carros zero quilômetro. 

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O crime ocorreu durante a madrugada, com a quadrilha invadindo o pátio da concessionária. Cerca de 700 carros novos estavam estacionados. Após a invasão, o bando dominou e amarrou os seguranças. 

Policiais militares da Força Tática e do Batalhão de Rondas Ostensivas foram acionados. Os criminosos ainda não tinham conseguido sair com os veículos quando os agentes chegaram.  

Carros com vidros destruídos em concessionária de Várzea Grande (MT) | Reprodução/Polícia Militar de Mato Grosso

Segundo a corporação, houve confronto e seis suspeitos mortos. Dois morreram no local e quatro foram levados ao hospital, mas não resistiram. Nenhum policial ficou ferido no suposto tiroteio. 

Oito criminosos foram presos em flagrante e armas e munições foram apreendidas. 

LEIA TAMBÉM:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

policia
crime
concessionária
tiroteio
troca de tiros
quadrilha
criminosos
confronto
polícia militar
varzea grande
mato grosso
prisão
flagrante
mortos
suspeitos
sbt
sbt news
portalnews
noticias

Últimas notícias

Implosão do submersível Titan completa 1 ano: relembre a tragédia

Implosão do submersível Titan completa 1 ano: relembre a tragédia

Cinco pessoas morreram no acidente; investigações sobre a expedição continuam nos Estados Unidos
Justin Timberlake é preso em Nova York

Justin Timberlake é preso em Nova York

Cantor foi detido por estar dirigindo embriagado e está sob custódia da polícia local
Brasil registrou 127 homicídios por dia em 2022, diz Atlas da Violência

Brasil registrou 127 homicídios por dia em 2022, diz Atlas da Violência

Estudo também destaca mais de cinco mil mortes classificadas como "ocultas", quando a causa não foi esclarecida
Comerciante é vítima de fake news após assalto em joalheria

Comerciante é vítima de fake news após assalto em joalheria

Homem teve fotos e vídeos divulgados nas redes sociais como se fosse assaltante
Lula critica "taxa das blusinhas", mas sinaliza que não deve vetar medida: "Assumi compromisso"

Lula critica "taxa das blusinhas", mas sinaliza que não deve vetar medida: "Assumi compromisso"

Presidente admitiu acordo para cobrar 20% de PIS/Cofins em projeto do Mover; petista também falou sobre derrota no PL das "saidinhas"
Bill Gates aposta em startup para construir usina nuclear nos Estados Unidos

Bill Gates aposta em startup para construir usina nuclear nos Estados Unidos

Projeto visa construir unidade energética em uma antiga usina de carvão em Wyoming para atender a crescente demanda por eletricidade do país
Pauta de costumes "não tem nada a ver com realidade que estamos vivendo", comenta Lula sobre PL do aborto

Pauta de costumes "não tem nada a ver com realidade que estamos vivendo", comenta Lula sobre PL do aborto

Para presidente, debate é "cru" e assunto deveria ser razões que motivam necessidade do procedimento: "Estamos retrocedendo nesta pauta"
Lula diz que presidente do Banco Central tem lado político e trabalha para prejudicar o Brasil

Lula diz que presidente do Banco Central tem lado político e trabalha para prejudicar o Brasil

Presidente da República afirmou que Roberto Campos Neto pode se tornar um "novo Sergio Moro"
Danilo Forte fala ao Perspectivas sobre Reforma Tributária e PL do "devedor contumaz"; assista ao vivo

Danilo Forte fala ao Perspectivas sobre Reforma Tributária e PL do "devedor contumaz"; assista ao vivo

Deputado dá detalhes sobre evento em que participou com Bernard Appy, secretário extraordinário da Reforma Tributária
PL do aborto: lei poderia provocar aumento da mortalidade materna, diz pesquisadora

PL do aborto: lei poderia provocar aumento da mortalidade materna, diz pesquisadora

Mestre em direitos humanos pede que parlamentares façam leis "baseados em números, estatísticas e nas melhores evidências científicas"
Publicidade
Publicidade