Publicidade

Sequência de terremotos matou ao menos 6 pessoas no Japão

Um dos tremores atingiu magnitude 7,6 e deixou a costa oeste do país, além das Coreias e da Rússia, em alerta para tsunami

Sequência de terremotos matou ao menos 6 pessoas no Japão
Publicidade

A sequência de tremores que atingiu o Japão, na tarde desta 2ª feira (1º.jan), pelo horário local, provocou a morte de ao menos 6 pessoas. O número, porém, pode ser ainda maior, devido à grande quantidade de feridos. Autoridades japonesas ainda não divulgaram dados oficiais sobre as vítimas ou a dimensão dos danos nas cidades atingidas.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O epicentro do terremoto foi na península de Noto, na província de Ishikawa. Um dos abalos chegou a atingir a magnitude de 7,6. Foram ao menos 30 tremores. Toda a costa oeste do Japão, além de partes das Coreias do Norte e do Sul e da Rússia foram colocadas em alerta para tsunami.

O nível de risco para tsunami foi o mais alto da escala do governo japonês, o mesmo usado em 2011, no terremoto que devastou o país e provocou o desastre de Fukushima.

Mesmo após a redução do nível de alerta, autoridades japonesas mantiveram a ordem para que moradores das regiões mais afetadas continuassem foram de suas casas. Além de rachaduras no solo e em prédios, ceca de 50 mil moradores estão ser energia elétrica. A rede de comunicação e transportes também foi afetada, e voos precisaram ser cancelados.

Mais de 8.500 militares foram deslocados para auxiliar nos esforços de emergência e socorro às vítimas, porém, os danos nas estradas têm dificultado o acesso a várias regiões.

Em nota, o Itamaraty afirma que está em contato com as autoridades japonesas, mas que não tem, até o momento, a informação de cidadãos brasileiros entre os mortos ou feridos.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Japão
Terremoto
Tremores
Tsunami

Últimas notícias

Barbeiro transforma ponto de taxi em barbearia após perder comércio em Porto Alegre

Barbeiro transforma ponto de taxi em barbearia após perder comércio em Porto Alegre

No dia 4 de maio deste ano, Laio viu tudo o que tinha ficar embaixo d'água, inclusive sua residência
Com hospitais alagados, gestantes e recém-nascidos são atendidos em abrigos no RS

Com hospitais alagados, gestantes e recém-nascidos são atendidos em abrigos no RS

Uma das crianças atendidas tem 11 dias de vida e nem chegou a usar o enxoval, que foi totalmente perdido nas enchentes
Imposto de renda: 17 milhões de contribuintes ainda não entregaram declaração; veja dicas

Imposto de renda: 17 milhões de contribuintes ainda não entregaram declaração; veja dicas

No dia 31 de maio, encerra-se o prazo para declarar o IRPF 2024; escritórios de contabilidade têm ampliado a capacidade de atendimento
Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca

Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca

No México, por exemplo, mais de 22 milhões de pessoas podem ficar sem água nas próximas semanas
Santa Catarina recebe mais de 400 famílias afetadas pelas chuvas no RS

Santa Catarina recebe mais de 400 famílias afetadas pelas chuvas no RS

Estado vem fazendo um mapeamento para distribuir auxílios conforme a demanda de cada um dos gaúchos
Irã mata 7 pessoas na forca; ONG denuncia aumento de execuções

Irã mata 7 pessoas na forca; ONG denuncia aumento de execuções

Penas teriam sido aplicadas neste sábado (18); das 7 vítimas, 2 seriam mulheres
Flores são projetadas no Cristo para lembrar combate ao abuso sexual de crianças

Flores são projetadas no Cristo para lembrar combate ao abuso sexual de crianças

Ação faz parte da campanha de mobilização nacional. Do início de 2024 até agora, o Disque 100 recebeu mais de 11 mil denúncias
Chuvas no RS: Força-tarefa encontra galão de água sendo vendido a R$ 80

Chuvas no RS: Força-tarefa encontra galão de água sendo vendido a R$ 80

Ação do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) contra preços abusivos autuou 65 estabelecimentos
Municípios do RS discutem plano para dar novas moradias aos afetados pelas chuvas

Municípios do RS discutem plano para dar novas moradias aos afetados pelas chuvas

Relatório da Confederação Nacional dos Municípios aponta que mais de 100 mil casas foram danificadas ou completamente destruídas
Cantor Arlindinho denuncia que filha de 9 anos foi vítima de racismo em escola

Cantor Arlindinho denuncia que filha de 9 anos foi vítima de racismo em escola

Filho de Arlindo Cruz relatou o fato nas redes sociais; escola se manifestou por meio de nota
Publicidade
Publicidade