Publicidade

Governador de Roraima tem mandato cassado pela 3ª vez por abuso de poder político e econômico

Vice-governador também teve mandato cassado; Processo segue ao TSE, ambos podem recorrer no cargo

Governador de Roraima tem mandato cassado pela 3ª vez por abuso de poder político e econômico
Governador Antonio Denarium tem acusações de abuso de poder político e econômico | Agência Brasil
Publicidade

O Tribunal Regional de Roraima (TRE-RR) decidiu por 5 votos a 2 cassar pela terceira vez o governador Antonio Denarium, por abuso de poder político e econômico. Com a decisão tomada na última segunda-feira (22), o político terá pena de oito anos de inegibilidade. Além disso, o vice-governador Edilson Damião também teve seu cargo cassado.

Segundo a desembargadora Tânia Vasconscelos, que é relatora do processo, ela concordou em parte com o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE), no qual Denarium cometeu irregularidades ao turbinar os programas Cesta da Família e Morar Melhor em ano que concorreu à reeleição.

+ Últimas notícias sobre Roraima

A relatora apontou que o governador “praticou condutas contrárias ao direito com especial desvio de finalidade utilizando a estrutura estatal e de vultuosos recursos com o propósito de interferir no pleito eleitoral”.

Ainda no documento, a relatora acrescenta que durante o ano eleitoral de 2022, o gasto em medidas eleitoreiras pode ter ultrapassado o patamar de R$ 90 milhões, infringindo a legislação eleitoral vigente.

Esse valor seria referente a transferência de cerca de R$ 70 milhões transferidos aos municípios no período eleitoral, contra R$ 11 milhões no primeiro quadrimestre do programa Cesta da Família.

O Denarium disse em nota que respeita a decisão judicial, acredita na reversão da situação, e que está “esclarecendo todas as questões levantadas e apresentando os contrapontos necessários”.

Ambos permanecem no cargo enquanto recorrem da decisão e o caso deve ser analisado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Política
Eleições

Últimas notícias

Imposto de Renda 2024: Receita abre consulta ao 1º lote de restituição nesta quinta-feira (23)

Imposto de Renda 2024: Receita abre consulta ao 1º lote de restituição nesta quinta-feira (23)

Créditos somam R$ 9,5 bilhões e serão depositados para mais de 5,5 milhões de contribuintes
Médico é afastado após negar atestado para mãe cuidar de filho doente

Médico é afastado após negar atestado para mãe cuidar de filho doente

Profissional alegou que criança de cinco anos poderia ficar sozinha em casa; Conselho Regional de Medicina do Paraná investiga o caso
RS recebe primeiras unidades de habitação emergencial enviadas pela ONU

RS recebe primeiras unidades de habitação emergencial enviadas pela ONU

Estruturas são montáveis e serão instaladas para acolher desabrigados
Tornado devasta estado e deixa cinco mortos nos EUA

Tornado devasta estado e deixa cinco mortos nos EUA

Fenômeno foi classificado na categoria EF-3 pelo Serviço Nacional de Meteorologia; cidade de Greenfield foi a mais afetada
Senado aprova projeto que cria área específica em presídios para população LGBTQIA+

Senado aprova projeto que cria área específica em presídios para população LGBTQIA+

Texto também garante capacitação continuada de profissionais do sistema penitenciário sobre direitos humanos e igualdade
SBT News na TV: RS tem alerta para novas chuvas e “repique” do Guaíba

SBT News na TV: RS tem alerta para novas chuvas e “repique” do Guaíba

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quinta-feira (23); assista!
Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes

Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes

Ação pretende coletar pacotes de ajuda e conta com a participação de cerca de 300 voluntários
Perfis digitais de rádios e TV públicas são retirados do ar na Argentina por ordem de Milei

Perfis digitais de rádios e TV públicas são retirados do ar na Argentina por ordem de Milei

Sindicato afirma que medida é censura contra a mídia e denuncia intervenção nos meios de comunicação públicos
Comitê da Petrobras aprova Magda Chambriard para presidir empresa

Comitê da Petrobras aprova Magda Chambriard para presidir empresa

Indicada do presidente Lula ainda terá nome votado pelo Conselho de Administração da petroleira
Publicidade
Publicidade