Publicidade

Apreensão de pistolas sobe 73% no DF após decretos de Bolsonaro

Exclusivo: arsenal apreendido em 5 anos contém metralhadora, lançador de granada e até canhão

Apreensão de pistolas sobe 73% no DF após decretos de Bolsonaro
armas
Publicidade

O número de pistolas apreendidas no Distrito Federal cresceu 73% nos últimos três anos, período de validade dos decretos editados pelo governo de Jair Bolsonaro para flexibilizar o acesso a armamentos pelos civis. O modelo de arma tem maior poder de fogo se comparado a revólveres, que apresentaram queda de 7% nas apreensões em 2021. Os números exclusivos da Polícia Civil foram obtidos pelo SBT News por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI).

O modelo de pistola com maior aumento percentual dos registros feitos pela Polícia Civil foi a 9mm. Antes de 2019 a arma estava restrita às forças de segurança, mas passou a ser autorizada para civis com as novas regras. Apenas em 2021 foram apreendidas 236 dessas pistolas, contra 41 registros feitos dois anos antes, um crescimento de 475%.

Além do crescimento nas apreensões de armamentos mais pesados, o levantamento mostra uma mudança do perfil das armas recolhidas pela Polícia Civil no Distrito Federal. Se até 2019, para cada pistola aprendida mais de dois revólveres eram encontrados, em 2021 tal proporção chegou a quase um para um, o que demonstra maior circulação desse modelo de armas.

quadro de armas apreendidas no DF
Evolução do número de armas apreendidas no Distrito Federal

Pelo levantamento não é possível identificar a origem das armas, mas pesquisadores entrevistados pelo SBT News se baseiam em estudos anteriores para levantar a hipótese de que tal tipo de armamento teve origem no mercado legal - ou seja, foi comprado por civis ou integrantes das forças de segurança e acabaram na mão de quadrilhas. Os dados têm como base registros similares no Rio e em São Paulo.

"As nossas pesquisas mostram que as armas apreendidas com grande poder de fogo, como fuzis e metralhadoras, chegam a partir do tráfico internacional e são vendidas para quadrilhas. A arma que é a principa vilã do crime, que assalta o trabalhador ou é usada para roubos de carros, é a arma curta, as pistolas e os revólveres, que em boa parte chegam pelo mercado legal", diz Bruno Langeani, gerente do Instituto Sou da Paz.

Há outro problema na mudança dos perfis das apreensões e, por tabela, na compra pelos civis. "Se o cidadão opta por comprar uma arma em casa para defender a família, a pistola não é a arma mais indicada porque exige uma manutenção frequente ao contrário do revólver. E esse cidadão não vai ter o hábito de fazer essa manutenção", afirma Arthur Trindade, ex-secretário de Segurança do DF e professor de Sociologia da Universidade de Brasília (UnB).

O levantamento exclusivo mostra que desde 2017 a Polícia Civil recolheu lançador de granada, metralhadoras e até canhão de 28mm. Ao todo, no período, foram apreendidas 8.348. O aumento nos últimos três anos representa um percentual de 20%. Segundo Trindade, a partir de pesquisas, é possível verificar que o cidadão que tem uma arma em casa tem três vezes mais chances de ter a casa roubada. "A arma é um objeto do desejo do bandido."

Tanto Trindade quanto Langeani concordam que o aumento de apreensões está relacionado às mudanças no Estatuto do Desarmamento e ao crescimento das autorizações para compra de armas. Ao longo dos últimos meses, reportagens do SBT News mostram o aquecimento do comércio de armamentos, principalmente na liberação de revólveres e pistolas e autorizações de caçadores, atiradores e colecionadores (CACs) e clubes de tiros por parte do Exército.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

brasil
leonardo-cavalcanti
armas
apreendidas
distrito
federal
df
policia
pistola
portalnews

Últimas notícias

Senado aprova Novo Ensino Médio com carga de 2.400 horas e espanhol obrigatório

Senado aprova Novo Ensino Médio com carga de 2.400 horas e espanhol obrigatório

Como o texto foi alterado, o projeto, agora, retorna à Câmara dos Deputados para uma nova votação
Conselho de Ética arquiva processo contra Fernanda Melchionna por “familícia Bolsonaro”

Conselho de Ética arquiva processo contra Fernanda Melchionna por “familícia Bolsonaro”

Ação foi movida pelo PL por ofensas em discussão com deputado Eduardo Bolsonaro e com senador Flávio Bolsonaro
Polícia apreende 200 kg de cocaína em supermercado de São Paulo

Polícia apreende 200 kg de cocaína em supermercado de São Paulo

Investigadores surpreenderam os traficantes que faziam a entrega da droga no estacionamento do local
Câmara do DF aprova projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Câmara do DF aprova projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Se sancionada, a lei liberará que prédios no setor hoteleiro possam aumentar de 3 para 12 andares e que comércios se instalem em área de embaixadas
Argentina retira sigilo de documento sobre atentados em associação judaica

Argentina retira sigilo de documento sobre atentados em associação judaica

Mais de 80 pessoas morreram no ataque; investigação mostra que os explosivos passaram Brasil
Moraes recua e libera conteúdo com denúncias contra Lira

Moraes recua e libera conteúdo com denúncias contra Lira

O ministro havia mandado derrubar um vídeo e dois textos sobre supostas agressões do presidente da Câmara à ex-esposa
Câmera de clínica de saúde mental flagra funcionário assediando paciente

Câmera de clínica de saúde mental flagra funcionário assediando paciente

Polícia de Pernambuco indiciou o homem por estupro de vulnerável, mas ele está foragido
Justiça de SP prende suspeitos de falsificar assinatura para soltar narcotraficante do PCC

Justiça de SP prende suspeitos de falsificar assinatura para soltar narcotraficante do PCC

O documento é um habeas corpus que autorizava a libertação de "Fuminho", braço direito do PCC
Governo da Argentina entrega ao Itamaraty lista de foragidos pelos ataques de 8 de janeiro

Governo da Argentina entrega ao Itamaraty lista de foragidos pelos ataques de 8 de janeiro

Relação com cerca de 60 nomes foi redirecionada ao Supremo Tribunal Federal (STF). Brasil deve pedir extradição de investigados e condenados
Veja o que e quem está por trás de Divertida Mente 2

Veja o que e quem está por trás de Divertida Mente 2

Reunimos 14 (ou mais) curiosidades sobre um dos filmes mais fofos do ano
Publicidade
Publicidade