Publicidade

Peru decreta estado de emergência por 30 dias para conter protestos

Atos de vandalismo, violência e bloqueios de rodovias são registrados no país

Peru decreta estado de emergência por 30 dias para conter protestos
protesto no peru
Publicidade

O novo governo do Peru decretou, nesta 4ª feira (14.dez), estado de emergência em todo o território nacional por 30 dias para conter os protestos contra a prisão de Pedro Castillo, presidente deposto do cargo por tentar dissolver o Congresso do país.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Atos de vandalismo, violência e bloqueios de rodovias são registrados no Peru. Milhares de cidadãos estão nas ruas pedindo por novas eleições.

O decreto suspende os direitos de reunião e de circulação e autoriza a polícia e militares a revistarem casas das pessoas sem autorização ou ordem judicial. Até o momento não foi determinado um toque de recolher noturno.

A Suprema Corte do Peru rejeitou, na 3ª feira (13.dez), o recurso de apelação apresentado pela defesa do ex-presidente Pedro Castillo contra a prisão preventiva de sete dias. Segundo o tribunal, as ações promovidas pelo político, que caracterizaram "crime de rebelião e conspiração", devem ser respondidas com a detenção.

Castillo foi detido no último dia 7 após ser destituído do cargo de presidente por tentar dissolver o Congresso Nacional, onde ocorreria a votação de um terceiro pedido de  impeachment contra o então mandatário. A ação, no entanto, fracassou e Castillo pode ser julgado por tentativa de golpe de Estado.

*com informações da Associated Press

Leia também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
mundo
peru
protestos
estado de emergencia
pedro castillo
eleicoes

Últimas notícias

ENGANOSO: Presos que aparecem em vídeo não são ex-membros da Suprema Corte de El Salvador

ENGANOSO: Presos que aparecem em vídeo não são ex-membros da Suprema Corte de El Salvador

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: governo terá de cortar gastos, mas Lula resiste; Trump, o atentado e a convenção

Brasil Agora: governo terá de cortar gastos, mas Lula resiste; Trump, o atentado e a convenção

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta quarta-feira (17)
+Milionária sorteia prêmio de R$ 245 milhões nesta quarta-feira (17)

+Milionária sorteia prêmio de R$ 245 milhões nesta quarta-feira (17)

Apostas podem ser feitas até as 19h em casas lotéricas ou pela internet
Hóspedes são encontrados mortos em hotel 5 estrelas na Tailândia

Hóspedes são encontrados mortos em hotel 5 estrelas na Tailândia

Polícia aponta para envenenamento com cianeto; corpos são de cidadãos vietnamitas
Carpinteiro atingido por estaca de madeira na cabeça deixa o CTI

Carpinteiro atingido por estaca de madeira na cabeça deixa o CTI

Vitor Soares do Nascimento precisou passar por cirurgia de emergência para retirada do objeto; quadro de saúde é estável
Com R$ 362 milhões, "Divertida Mente 2" se torna maior arrecadação em bilheterias da história no Brasil

Com R$ 362 milhões, "Divertida Mente 2" se torna maior arrecadação em bilheterias da história no Brasil

Nova animação da Disney/Pixar já foi assistida por 18 milhões de espectadores
Nota Fiscal Paulista libera R$ 46,5 milhões em créditos; veja como resgatar

Nota Fiscal Paulista libera R$ 46,5 milhões em créditos; veja como resgatar

Valor é referente às compras realizadas em março de 2024 e ficará disponível para transferência por um ano
SBT News na TV: Chiquinho Brazão volta a alegar inocência no assassinato de Marielle

SBT News na TV: Chiquinho Brazão volta a alegar inocência no assassinato de Marielle

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (17); assista!
EUA: jovem armado com fuzil é preso perto de convenção republicana

EUA: jovem armado com fuzil é preso perto de convenção republicana

Detenção ocorreu fora do perímetro de segurança do evento; suspeito não tinha autorização de porte
Entrevista de Biden à NBC "não convenceu ninguém", afirma analista político

Entrevista de Biden à NBC "não convenceu ninguém", afirma analista político

Arick Wierson avaliou o desempenho do presidente dos Estados Unidos, marcado por respostas desencontradas e dificuldade na comunicação
Publicidade
Publicidade