Publicidade

Brasil defende acordo para redução da poluição de plásticos no mar

Ministro do Meio Ambiente discursou em Portugal durante a Conferência dos Oceanos das Nações Unidas

Brasil defende acordo para redução da poluição de plásticos no mar
Imagem de poluição por plástico no fundo do mar
Publicidade

Durante esta 3ª feira (28.jun), o Ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, discursou na Conferência dos Oceanos das Nações Unidas (ONU). Leite defendeu a criação de dois acordos internacionais para preservar a vida marinha. A Conferência acontece em Lisboa, na Altice Arena, entre os dias 27 de junho e 1 de julho.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Durante o evento, o Ministro reforçou a importância da redução da poluição causada por plásticos nos mares. E lembrou que o Brasil tem uma área marinha de 5,7 milhões de quilômetros quadrados, destes, 27% está protegido atualmente.

"Um acordo juridicamente vinculante sobre a conservação e o uso sustentável da biodiversidade marinha em áreas além da jurisdição nacional. E um instrumento global para reduzir a poluição plástica, inclusive no ambiente marinho."

 | Ministro Joaquim Leite durante discurso na conferência da ONU sobre Oceanos em Portugal / Reprodução/ONU

Programas no Brasil

Joaquim mencionou que o Brasil tem vários programas para redução da poluição causada por plásticos, como "Lixão Zero", que encerrou 20% dos lixões a céu aberto desde 2019. Outro projeto mencionado pelo ministro, é um envolvendo a população brasileira a partir de voluntariado, que retirou das praias e manguezais 637 mil itens, sendo 355 mil itens de plásticos.

Conferência em Portugal

A Conferência dos Oceanos da ONU segue até  a 6ª feira (01.jul), quando será divulgado o acordo final firmado entre os países para proteger a vida marinha, da economia azul e da recuperação do ecossistema marítimo. O evento foi organizado com parceria entre os governos de Portugal e da Quênia.

*Estagiário sob supervisão de Cido Coelho


Leia também:
+ "Emergência" nos oceanos: plástico e pesca predatória preocupam ONU

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portal news
sbt news
mundo
brasil
onu
ministro
vida marinha
poluição
portugal

Últimas notícias

PF prende 4 pessoas que vendiam ilegalmente animais silvestres

PF prende 4 pessoas que vendiam ilegalmente animais silvestres

Gato-mourisco, felino em risco de extinção, foi apreendido pelos agentes neste domingo (23), em Laranjeiras, no Rio de Janeiro
Viciada no 'Jogo do Tigrinho' perdeu mais de R$ 170 mil e vendeu até brinquedos do filho

Viciada no 'Jogo do Tigrinho' perdeu mais de R$ 170 mil e vendeu até brinquedos do filho

Transtorno do jogo é considerado uma patologia; problema cresceu tanto que já causa fila de espera para tratamento médico em SP
Idoso é morto a facadas e assassino deixa bilhete ao lado do corpo

Idoso é morto a facadas e assassino deixa bilhete ao lado do corpo

Polícia Civil do Paraná prendeu o autor do crime, que confessou ter matado João Pedro dos Santos, de 66 anos
Veja vídeo: meteoro risca o céu de cidade no Paraná

Veja vídeo: meteoro risca o céu de cidade no Paraná

Fenômeno foi flagrado em Telêmaco Borba na madrugada deste sábado (22)
Pequinês é eleito o cachorro mais feio do mundo; veja fotos

Pequinês é eleito o cachorro mais feio do mundo; veja fotos

Wild Thang já havia participado da competição outras quatro vezes e foi premiado com US$ 5 mil
Recém-nascidos são fotografados em clima de São João em hospital na Bahia

Recém-nascidos são fotografados em clima de São João em hospital na Bahia

Ensaio tem objetivo de promover a humanização, socialização e acolhimento das mães e bebês
Portabilidade da dívida do cartão de crédito passa a valer em 1º de julho

Portabilidade da dívida do cartão de crédito passa a valer em 1º de julho

Cliente vai poder pedir a transferência do saldo do rotativo para outro banco, com melhores condições de pagamento, de graça
Morre Ronald Antonucci, da dupla Os Vips, aos 81 anos

Morre Ronald Antonucci, da dupla Os Vips, aos 81 anos

Cantor fez sucesso na Jovem Guarda com o irmão Márcio Antonucci, falecido em 2014
Entenda as polêmicas do projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Entenda as polêmicas do projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Proposta foi aprovada pela Câmara Legislativa do Distrito Federal e, agora, irá para sanção do governador Ibaneis Rocha
Quina de São João: 3 apostas dividem prêmio de R$ 229,9 milhões; confira o resultado

Quina de São João: 3 apostas dividem prêmio de R$ 229,9 milhões; confira o resultado

Ganhadores são de Gouveia (MG), Viamão (RS) e São José do Rio Preto (SP)
Publicidade
Publicidade