Publicidade

EUA liberam marroquino preso em Guantánamo; 39 continuam sob reclusão

Expectativa do governo norte-americano é encerrar as atividades na penitenciária, localizada em Cuba

EUA liberam marroquino preso em Guantánamo; 39 continuam sob reclusão
Abertura da unidade foi feita depois do ataque de 11 de setembro nos EUA | Kathleen T. Rhem/Domínio Público
Publicidade

A sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos anunciou nesta 2ª feira (19.jul) a primeira soltura de um detento da prisão militar de Guantánamo durante o governo Biden. O marroquino Abdul Latif Nasir, de 56 anos, estava preso desde 2002 e já tinha tido sua soltura recomendada em 2016, mas só foi libertado agora.

A expectativa do governo norte-americano é encerrar as atividades na penitenciária, que fica localizada em território cubano. Os processos de transferências estão engatilhados desde os governos George W. Bush e Barack Obama, mas travaram sob o comando de Donald Trump.

No total, 39 presos continuam no local e seguem há mais de duas décadas sem julgamento. O centro de detenção, conhecido pelas denúncias de violação de direitos humanos, é condenado por órgãos internacionais, como a Anistia Internacional e a Cruz Vermelha.

Guantánamo

A prisão de Guantánamo foi criada em 2001, durante o governo de George W. Bush, para deter suspeitos de envolvimento com os grupos Al-Qaeda e Talibã. A abertura da unidade foi feita depois do ataque de 11 de setembro, quando chegou a deter 800 prisioneiros. O centro de detenção foi símbolo da luta contra o terrorismo nos EUA.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
mundo
eua
liberam
marroquino
prisao
guantánamo

Últimas notícias

Caso Marielle: defesas pedem ao STF rejeição de denúncia e atacam falta de provas e delação inválida

Caso Marielle: defesas pedem ao STF rejeição de denúncia e atacam falta de provas e delação inválida

Ministros da 1ª Turma decidem na terça (18) se irmãos Brazão, delegado do Rio e dois ligados à milícia do Rio sentam no banco dos réus como mandantes do crime
PL que cria cadastro nacional de agressores deve ser analisado pelo Senado

PL que cria cadastro nacional de agressores deve ser analisado pelo Senado

Previsão é de que avaliação seja realizada nos próximos dias
Comidas típicas de Festa Junina estão mais caras com inflação

Comidas típicas de Festa Junina estão mais caras com inflação

Levantamento do Instituto de Economia da Fundação Getúlio Vargas, divulgado com exclusividade para o SBT, analisou 27 itens tradicionais juninos
Procedimentos estéticos respondem por mais de 50% das queixas de serviços de saúde

Procedimentos estéticos respondem por mais de 50% das queixas de serviços de saúde

Nos últimos 12 anos, foram registrados cerca de dez mil boletins de ocorrência e processos judiciais motivados pelo crime de exercício ilegal da profissão
Policial morre após ser baleado com a própria arma depois de briga em SP

Policial morre após ser baleado com a própria arma depois de briga em SP

Segundo a investigação, o assassino disparou pelo menos 12 vezes
Lula conversa com diretor-geral da Enel, que promete investimento bilionário no Brasil

Lula conversa com diretor-geral da Enel, que promete investimento bilionário no Brasil

Reunião aconteceu após encontro do G7, na Itália, com participação e negociações bilaterais do presidente brasileiro
Chileno é preso por filmar partes íntimas de crianças na praia da Urca, no Rio

Chileno é preso por filmar partes íntimas de crianças na praia da Urca, no Rio

Javier Eduardo López Órdenes foi levado para a delegacia de Copacabana; caso foi encaminhado à Justiça
RJ: menina baleada com tiro de fuzil quando voltava de balé segue em estado grave

RJ: menina baleada com tiro de fuzil quando voltava de balé segue em estado grave

Parentes e amigos de Ana Beatriz Barcelos, de 14 anos, marcaram uma missa neste sábado (15) para pedir pela recuperação da adolescente
Oito militares israelenses morrem após explosão de veículo em Rafah

Oito militares israelenses morrem após explosão de veículo em Rafah

Em Tel Aviv, milhares de manifestantes protestaram contra o governo, pedindo o fim da guerra
Trio paulista especializado em roubar casas no Rio é preso após cerco policial

Trio paulista especializado em roubar casas no Rio é preso após cerco policial

Com os bandidos, foram apreendidos uma chave de fenda, luvas, joias e aproximadamente R$ 2 mil em espécie
Publicidade
Publicidade