Publicidade

Alexandre de Moraes vota pela inelegibilidade e Bolsonaro é condenado

Ex-presidente não poderá disputar eleições por oito anos, por ter cometido abuso de poder político

Alexandre de Moraes vota pela inelegibilidade e Bolsonaro é condenado
Alexandre de Moraes (Alejandro Zambrana/Secom/TSE)
Publicidade

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, votou nesta 6ª feira (30.jun) para tornar o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) inelegível por oito anos. Com o voto, o julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) terminou, e o integrante do PL foi condenado por abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação. O placar ficou em 5 votos a 2. Walter Braga Netto, por sua vez, foi absolvido, por unanimidades, das acusações feitas pela Aije.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Ao votar, Moraes disse que nenhum pré-candidato, nenhum candidato e especialmente Bolsonaro poderia alegar desconhecimento sobre o posicionamento do TSE sobre as principais premissas que deveriam ser observadas para as eleições de 2022.

Todos os pré-candidatos e candidatos, segundo o ministro, tinham consciência dos parâmetros estabelecidos e que deveriam ser "rigorasamente observados" no pleito. O TSE, ressaltou, já havia decidido que agentes públicos que realizassem ataques mentirosos ao sistema eletrônico de votação para iludir o eleitor sobre fraude inexistente, disseminando essa desinformação, gerando incertezas sobre a lisura da eleição, em benefício eleitoral, incorreriam em abuso de poder político.

"A definição do fato que levaria à cassação e ineligibilidade já estava prevista desde 2021. Quando o agente público, qualquer que fosse, se utilizasse da sua prerrogativa para indevidamente usar os meios de comunicação, inclusive as redes sociais", pontuou Moraes. O ministro ressaltou que Bolsonaro organizou e promoveu a reunião com embaixadores, em julho de 2021, e fez na ocasião "um monólogo eleitoreiro". A pauta do encontro, afirmou, era "pessoal, eleitoral". "Num período, repito, a dois meses e meio faltando para o primeiro turno das eleições. E qual foi essa pauta? Essa pauta foi instigar o seu eleitorado e eleitores indecisos contra o sistema eleitoral, contra a Justiça Eleitoral, contra as urnas eletrônicas".

Conforme Moraes, toda a produção da reunião foi realizada para que a TV Brasil divulgasse esta, mas mais do que isso, para que "a máquina de desinformação existente nas redes sociais" levasse a mensagem ao eleitorado, e esta chegou aos eleitores.

Veja também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
noticias
justica
tse
jair bolsonaro
condenado
política
walter braga netto
alexandre de moraes
voto
abuso de poder
inelegível
guilherme-resck

Últimas notícias

Forças de Defesa de Israel interceptam míssil lançado do Iêmen

Forças de Defesa de Israel interceptam míssil lançado do Iêmen

Caças israelenses atacarem alvos houthis na área do porto de Hodeida, no Iêmen, no sábado (20)
Novo oficializa candidatura de Marina Helena à prefeitura de São Paulo

Novo oficializa candidatura de Marina Helena à prefeitura de São Paulo

Convenção do partido aconteceu no centro da capital paulista neste domingo
Melody recebe alta e faz show depois de acidente de trânsito no Rio

Melody recebe alta e faz show depois de acidente de trânsito no Rio

"Está todo mundo bem", disse a cantora nas redes sociais; acidente aconteceu no sábado (20)
Ministério da Agricultura descarta três casos suspeitos de doença de Newcastle no RS

Ministério da Agricultura descarta três casos suspeitos de doença de Newcastle no RS

Amostras foram analisadas no Laboratório Federal de Defesa Agropecuária de São Paulo
Homem-aranha é agredido e joga passageiro no trilho do metrô de Belo Horizonte

Homem-aranha é agredido e joga passageiro no trilho do metrô de Belo Horizonte

Super-herói relatou à polícia que agressor achou que ele o havia ofendido: "se você é o Homem-Aranha, eu sou o Batman"
Ator Iran Lima, o seu Candinho da Escolinha do Professor Raimundo, morre no Rio

Ator Iran Lima, o seu Candinho da Escolinha do Professor Raimundo, morre no Rio

Corpo do ator será cremado na segunda-feira (22), no Cemitério Vertical Memorial do Carmo, no Caju
Imagens mostram acidente de Thommy Schiavo, ator de Pantanal, em sacada de Cuiabá

Imagens mostram acidente de Thommy Schiavo, ator de Pantanal, em sacada de Cuiabá

Circuito de segurança foi obtido com exclusividade pela equipe de reportagem do MT Play, portal de notícias SBT Cuiabá
Polícia Federal apreende 77 kg de droga em embarcação comercial de passageiros no AM

Polícia Federal apreende 77 kg de droga em embarcação comercial de passageiros no AM

Entorpecente estava com uma mulher, que foi presa em flagrante e está à disposição da Justiça
Policial é baleado de raspão na cabeça após reagir a assalto no Rio

Policial é baleado de raspão na cabeça após reagir a assalto no Rio

Uma guarda municipal, de 53 anos, ficou ferida, mas já recebeu alta do Hospital Municipal Souza Aguiar
Serviço Secreto dos EUA diz que negou pedidos de Trump para mais segurança

Serviço Secreto dos EUA diz que negou pedidos de Trump para mais segurança

Segundo porta-voz, os pedidos negados não eram especificamente para o comício em que o político sofreu uma tentativa de assassinato no dia 13 de julho
Publicidade
Publicidade