Publicidade

Procurador diz que fala de Bolsonaro no G-20 pode ser crime de responsabilidade

Em entrevista ao SBT News, Marco Antonio de Almeida diz que combate ao racismo é um princípio básico e cabe ao Congresso avaliar o caso

Procurador diz que fala de Bolsonaro no G-20 pode ser crime de responsabilidade
O procurador Marco Antonio Delfino de Almeida. Foto: Reprodução/MPF
Publicidade
O procurador da República Marco Antonio Delfino de Almeida afirmou neste sábado (21.nov) que o discurso de Jair Bolsonaro no G-20 justifica uma análise do Congresso para determinar se o presidente cometeu crime de responsabilidade. Em conferência com as maiores economias do mundo, o presidente reclamou do que chama de "ódio e a divisão entre raças, sempre mascarados de luta por igualdade ou justiça social".

A fala do presidente vem no momento em que o país registra uma série de protestos antirracistas, desencadeados pela morte de João Alberto Silveira Freitas, homem negro que morreu ao ser espancado por dois seguranças em um supermercado Carrefour, em Porto Alegre.

De acordo com o procurador, a Constituição Brasileira "não tem palavras inúteis" e estabeleceu o combate ao racismo como um princípio básico das relações internacionais. Marco Antonio, que coordena em todo o país um grupo de trabalho no Ministério Público Federal de combate ao racismo, sustenta que a Constituição é clara e obriga a todo agente público o enfrentamento ao racismo. 

"Cabe às autoridades do Congresso verificar se isso caracteriza ou não uma ofensa à Constituição", diz o procurador. "O racismo não é uma questão ideológica, o racismo não é uma questão esquerdista, a Constituição não é um projeto globalista ou da esquerda. A Constituição é a lei suprema e deve ser observada por todo e qualquer cidadão".

Junto com outros três colegas do Ministério Público Federal, Marco Antonio Delfino de Almeida assinou nota de repúdio à morte de João Alberto Silveira Freitas. Leia aqui na íntegra.
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
nathalia-fruet
justica
marco antonio delfino de almeida
mpf
racismo
crime de responsabilidade

Últimas notícias

Nunes reforça laço com "irmão" Tarcísio em agenda conjunta na periferia de SP

Nunes reforça laço com "irmão" Tarcísio em agenda conjunta na periferia de SP

O governador destacou "afinação" de sua gestão com a prefeitura antes de anunciar nome para vice na chapa que disputará reeleição
Extrato bancário terá mudanças a partir de julho; saiba como vai ficar

Extrato bancário terá mudanças a partir de julho; saiba como vai ficar

Operações de saque e depósito serão as primeiras a passar por padronização
Detran apreende mais de 100 dedos de silicone que eram usados por autoescolas

Detran apreende mais de 100 dedos de silicone que eram usados por autoescolas

Moldes eram utilizados para fraudar o sistema de controle biométrico no processo de emissão da carteira de habilitação
VÍDEO: Influencer americana é surpreendida por sons de tiros e descobre execução de irmão nos EUA

VÍDEO: Influencer americana é surpreendida por sons de tiros e descobre execução de irmão nos EUA

Rebecca Olugbemi ouviu o tiroteio que tirou a vida de seu irmão, o boxeador Isaiah Olugbemi, de 27 anos
Piloto de avião morre durante voo e copiloto avisa passageiros antes de pousar

Piloto de avião morre durante voo e copiloto avisa passageiros antes de pousar

O caso aconteceu na última quarta-feira (12), enquanto o avião sobrevoava a Arábia Saudita
Universidades federais começam a encerrar greve

Universidades federais começam a encerrar greve

Segundo levantamento do SBT News, pelo menos 37 das 62 universidades federais paralisadas decidiram retomar as aulas
Anatel determina medidas de combate à venda de celulares sem homologação em sites brasileiros

Anatel determina medidas de combate à venda de celulares sem homologação em sites brasileiros

Empresas têm até 15 dias para realizar mudanças e estão sujeitas a multa diária de até R$ 6 milhões
Tarcísio confirma coronel Mello como vice na chapa de Nunes

Tarcísio confirma coronel Mello como vice na chapa de Nunes

Governador e prefeito participaram de agenda oficial nesta sexta-feira (21), onde foi feito o anúncio do nome, preferido de Jair Bolsonaro (PL)
Poder Expresso: entenda os detalhes do julgamento do STF sobre o porte de maconha

Poder Expresso: entenda os detalhes do julgamento do STF sobre o porte de maconha

Discussão no Supremo Tribunal Federal (STF) acende novamente tensão com o Congresso Nacional
Eleições Municipais 2024: Pré-candidato do PT à Prefeitura de Teresina ganha apoio de Lula em caravana

Eleições Municipais 2024: Pré-candidato do PT à Prefeitura de Teresina ganha apoio de Lula em caravana

Presidente da República passou pelo Piauí para fortalecer Fábio Novo (PT), em empate técnico com ex-prefeito Silvio Mendes (União), de acordo com pesquisa
Publicidade
Publicidade