Publicidade

Ministério de Portos e Aeroportos dá 10 dias para companhias apresentarem plano para reduzir valor das passagens

Ministro Silvio Costa Filho reconheceu que empresas estão praticando preços abusivos, mas evitou falar sobre punições

Ministério de Portos e Aeroportos dá 10 dias para companhias apresentarem plano para reduzir valor das passagens
aviões
Publicidade

O ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, se reuniu, na noite desta 3ª feira (14.nov), com representantes de quatro companhias aéreas e deu prazo de 10 dias para que elas apresentem um plano para a redução no preço das passagens aéreas de trechos nacionais.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Dirigentes da Latam, Gol, Azul e Voepass justificaram que a elevação dos valores está acontecendo ainda por causa do prejuízo financeiro que as aéreas tiveram durante a pandemia, quando o setor ficou impossibilitado de voar para evitar a propagação do vírus da Covid-19. 

Segundo o ministro, algumas empresas alegaram não ter dinheiro nem para a manutenção dos aviões e parte da frota está parada. "Algumas companhias aéreas estão com 15, 20 aviões em solo porque elas não têm o dinheiro para poder fazer a manutenção ou comprar motor novo para voar pelo Brasil. Menos aeronave, menor oferta", destacou Silvio Costa Filho. 

No entanto, o ministro ponderou que os argumentos não podem embasar reajustes abusivos e afirmou que o governo já identificou casos em que os bilhetes custavam R$ 1,5 mil no início do ano e, agora, estão sendo vendidos por R$ 3 mil. O titular da pasta destacou que valores abusivos não serão tolerados. "O que nós não podemos aceitar e permitir são os aumentos abusivos que têm prejudicado a população brasileira."
Silvio Costa Filho também lembrou que a Petrobras, a pedido das companhias, reduziu em 14% o preço do querosene, combustível utilizado na aviação, e ponderou que a medida não se refletiu no preço das tarifas. 

Apesar de admitir os casos de cobrança abusiva, o ministro evitou falar sobre punição para as empresas e sinalizou que o governo irá esperar o prazo dado às aéreas para a apresentação do plano. 

Além disso, o governo estuda uma linha de financiamento por meio do BNDES para que as empresas possam ter acesso a recursos para a manutenção da frota. 

O ministro também indicou que o programa Voa Brasil, anunciado ainda pelo antecessor dele, o ex-ministro Márcio França, que promete oferecer passagens aéreas com preços acessíveis para idosos, pensionistas e servidores públicos, deve ser lançado em janeiro de 2024. 

Dados do Ministério de Portos e Aeroportos indicam que o setor irá crescer mais de 15% neste ano. O número de passageiros deve passar de 89 milhões em todo o ano passado para mais de 100 milhões em 2023.
 

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
portal news
sbtnews
sbt news
noticias
portos e aeroportos
preços abusivos
passagem de avião
companhia aérea
nathalia fruet

Últimas notícias

Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Ao programa Perspectivas, presidente tucano reclamou do extremismo político no Brasil atualmente
Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Fantasia de presidiário, algema de pelúcia de sex shop e sapatos rasgados estão entre os itens; doações de roupa foram suspensas pelos Correios
Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Presidente diz que fim da isenção seria injusto com pessoas mais pobres e que "bugigangas" vendidas em sites asiáticos não competem com produtos nacionais
Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Projeto de Lei Complementar prevê quarentena de quatro anos para juízes, promotores, policiais e militares que quiserem concorrer em eleições
"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

Presidente do PSDB afirmou ao Perspectivas que torce por parceria entre Paulo Pimenta e Eduardo Leite
Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Aparelho estava na casa de Lourival Fadiga, polícia crê que advogada sabia de todo o plano
Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Dupla foi cercada em um motel na zona oeste, na quarta-feira (22)
PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

Na nova etapa, 20 endereços em SP, PR, MT, GO e RO são alvos de buscas e apreensões; dois investigados serão monitorados por tornozeleira eletrônica
PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

Agentes cumprem nove mandados de prisão e nove de busca e apreensão de alvos suspeitos de desviar R$ 8 milhões
Personal trainer é preso após afastar biquini de aluna durante atendimento

Personal trainer é preso após afastar biquini de aluna durante atendimento

Homem ainda tocou partes íntimas da vítima; crime de importunação sexual foi registrado em Goiás
Publicidade
Publicidade