Publicidade

"As urnas são auditáveis e são confiáveis", afirma Bruno Dantas

Ao SBT, vice-presidente do TCU defendeu sistema eleitoral e criticou a reunião de Bolsonaro com embaixadores

"As urnas são auditáveis e são confiáveis", afirma Bruno Dantas
Bruno Dantas
Publicidade

Auditáveis, confiáveis e sob análise constante de órgãos competentes, como o Tribunal de Contas da União (TCU) e a justiça eleitoral. Com essas características, o ministro Bruno Dantas, vice-presidente do TCU, saiu em defesa do sistema eleitoral brasileiro e questionou as críticas sem provas contra as urnas. As declarações do magistrado, que citaram relatórios do tribunal, foram dadas neste sábado (23.jul), durante o 12º Encontro Nacional de Jornalismo no SBT, em São Paulo.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

"Decidimos fazer seis relatórios de auditoria para que de aqui até dezembro nós repetíssemos para a população brasileira: as urnas são auditáveis, as urnas são confiáveis", afirmou Bruno Dantas.

Ao longo de uma apresentação feita aos jornalistas, Bruno Dantas destacou o encontro promovido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) com embaixadores na última 2ª feira (18.jul), e questionou a falta de argumentos científicos apresentados. O magistrado também apontou que a reunião não demonstrou intenção em aperfeiçoar o sistema eleitoral, sendo simplesmente baseada em questionamentos.

"Tomei o cuidado de assistir [a reunião], e qual o argumento científico? Qual o argumento técnico foi apresentado lá? E voltamos ao começo. Talvez o que se queira não é melhorar o sistema de votação. Quando se quer melhorar o sistema, chama-se pesquisadores", declarou o ministro.

+ Fachin manda Bolsonaro se justificar sobre encontro com embaixadas

Dantas também destacou a participação do Tribunal de Contas na análise da segurança do processo eleitoral, e afirmou que todas as sugestões apresentadas pelo TCU foram acatadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No entender do ministro, o tratamento diferenciado entre o órgão e a recusa aos pedidos das Forças Armadas se dá pelas sugestões militares não terem sido consolidadas cientificamente. O ministro ainda apontou que as contribuições do TCU foram feitas com 1 ano de antecedência.

"O TCU expediu dezenas de recomendações ao TSE, e o TSE acatou todas. Uma coisa é o debate sincero sobre o aperfeiçoamento do sistema, uma outra coisa é colocar em xeque fundações de toda a sistemática, não para melhorá-la mas para tumultuar, para criar um ambiente que crie nas pessoas uma dúvida", disse. "Se eu for discutir o material que faz o chip da urna, não vou parar nunca. Vou parar no infinito", completou. 

Dantas ainda declarou que todas as conclusões do TCU foram encaminhadas ao Palácio do Planalto ? com envio à Casa Civil ? e para os demais Poderes, como Congresso e Supremo Tribunal Federal.

Segurança nas eleições

O ministro defendeu a segurança no sistema eleitoral e apontou que eventuais desconfianças estão relacionadas à falta de conhecimento sobre o funcionamento das urnas e à propagação em massa de informações falsas. "As pessoas desconhecem que as urnas eletrônicas espalhadas pelo Brasil inteiro não são conectadas a rede alguma. A urna eletrônica é um dispositivo absolutamente isolado, individual, que recebe uma aplicação chamada de software, as duas são testadas à exaustão, inclusive com TSE convidando especialistas em tecnologia da informação, aqueles "hackers" para tentar danificar ou modificar informações que por ventura estejam cadastradas. e todas as fases são testadas", apontou.

Dantas também destaca que, no atual sistema, é praticamente impossível que haja uma organização para que as votações passem por interferência de terceiros.

"Para ter um resultado que impacte uma eleição nacional, você precisaria ter 200 mil presidentes de mesa fraudando a sua eleição, de uma maneira coordenada, de uma maneira treinada, e como isso iria acontecer sem que ninguém soubesse?", questiona. "Se um presidente de seção tiver o intuito deliberado de fraudar a primeira coisa é: o fiscal dos partidos avisa a coordenação do partido, e rapidamente o juiz eleitoral está na seção para apurar", emendou.

Encontro Nacional de Jornalismo

O vice-presidente do TCU foi um dos convidados para o 12º Encontro Nacional de Jornalismo no SBT. O evento, que ocorre em São Paulo neste sábado (23.jul), conta com a participação de profissionais de todo o país, e busca conectar e capacitar as diferentes instâncias de jornalismo do SBT. 
 

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
eleições
tcu
dantas
bruno dantas
ministro
vice-presidente tcu
sbt
encontro nacional de jornalismo do sbt

Últimas notícias

Dior e Armani são investigadas por explorar trabalhadores em fábricas na Itália

Dior e Armani são investigadas por explorar trabalhadores em fábricas na Itália

Marcas negaram irregularidades, mas disseram que colaborarão com as apurações
MEC divulga edital do Prouni referente ao segundo semestre de 2024; veja cronograma

MEC divulga edital do Prouni referente ao segundo semestre de 2024; veja cronograma

Programa ofertará mais de 243 mil bolsas em universidade privadas do país
EUA: vice de Trump aceita formalmente nomeação para chapa do Partido Republicano

EUA: vice de Trump aceita formalmente nomeação para chapa do Partido Republicano

Em discurso, JD Vance expressou gratidão ao ex-presidente pela indicação e fez críticas à administração Biden
SBT News na TV: Ramagem presta depoimento à PF sobre "Abin paralela"

SBT News na TV: Ramagem presta depoimento à PF sobre "Abin paralela"

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quinta-feira (18); assista!
Caixa inicia pagamentos do Bolsa Família de julho; veja quem recebe

Caixa inicia pagamentos do Bolsa Família de julho; veja quem recebe

Recurso pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Passageiro de carro envolvido em acidente em SP comprou três garrafas de bebida em bar

Passageiro de carro envolvido em acidente em SP comprou três garrafas de bebida em bar

Comanda do bar mostra que Felipe Gambeta Malheiro, que inicialmente se apresentou como condutor do veículo, comprou duas garrafas de vodka e uma de licor
Vídeo: Idoso de 84 anos é agredido por homem na zona sul de São Paulo

Vídeo: Idoso de 84 anos é agredido por homem na zona sul de São Paulo

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento da discussão e das agressões
Ramagem deixa a Polícia Federal após seis horas de depoimento sobre "Abin paralela"

Ramagem deixa a Polícia Federal após seis horas de depoimento sobre "Abin paralela"

Ex-diretor da Abin é apontado com um dos supostos chefes do núcleo político montado na agência para espionar ilegalmente desafetos do governo Bolsonaro
Procurador de Minas Gerais pede desculpas em vídeo por agressão a funcionária em cinema

Procurador de Minas Gerais pede desculpas em vídeo por agressão a funcionária em cinema

A gravação é parte de um acordo extrajudicial firmado entre o agressor e a vítima, de 25 anos
Lula se reúne com INSS e PF para tratar de ‘pente-fino’ nos benefícios sociais

Lula se reúne com INSS e PF para tratar de ‘pente-fino’ nos benefícios sociais

Encontro será realizado nesta quinta-feira (18), às 9h30, e terá ainda a presença de seis ministros
Publicidade
Publicidade