Publicidade

Congresso divulga fotos inéditas de estragos provocados pelos atos golpistas do 8/1

Invasão aos prédios dos Três Poderes, em Brasília, completa um ano nesta segunda-feira (8)

Congresso divulga fotos inéditas de estragos provocados pelos atos golpistas do 8/1
Publicidade

O Congresso Nacional divulgou fotos inéditas da destruição causada na Câmara e no Senado nos atos golpistas, em 8 de janeiro de 2023. Na data, que completa um ano nesta segunda-feira (8), apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) invadiram e depredaram os locais em resposta ao resultado das eleições presidenciais de 2022.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O ato resultou na destruição de vidros quebrados, cadeiras, mesas, obras de arte, presentes protocolares de autoridades estrangeiras e maquetes. No Salão Branco, os invasores usaram mangueiras de incêndio contra policiais legislativos, alargando o local. Salas foram pichadas e um quadro de fiação quase foi queimado pelos invasores.

A partir das 14h, o SBT News exibirá uma cobertura especial sobre o evento.

Calcula-se que os danos causados ao patrimônio público cheguem à cifra de R$ 40 milhões. O Supremo Tribunal Federal (STF) foi um dos principais alvos de vandalismo, com impacto que passa dos R$ 12 milhões. Entre as ações de recuperação estiveram a troca de carpetes, cortinas e vidros. 951 objetos, por outro lado, foram furtados ou destruídos.

+ PF faz operação contra financiadores 1 ano depois do 8 de janeiro

Com mais de 2 mil prisões, os participantes dos atos foram levados para a Academia Nacional de Polícia para início dos procedimentos legais. Foram instaurados 1,3 mil processos penais, dos quais 30 pessoas já foram condenadas. As penas chegam a 17 anos de prisão e atingiram os executores e os financiadores da tentativa de golpe de Estado.

Veja as imagens:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

8 de janeiro
Congresso Nacional
Crime

Últimas notícias

Justiça proíbe Meta de usar marca no Brasil

Justiça proíbe Meta de usar marca no Brasil

Justiça de São Paulo tomou decisão porque empresa brasileira usa o nome Meta há mais de 30 anos e tem registro no INPI
Imposto de Renda 2024: o que você precisa saber para não ter problemas na hora de declarar

Imposto de Renda 2024: o que você precisa saber para não ter problemas na hora de declarar

Cidadãos com rendimentos acima de R$ 28.735,92 em 2023, que não enviarem dentro do prazo, poderão ser multados
Ouvidoria da PM vai voltar à Baixada Santista para investigar série de mortes

Ouvidoria da PM vai voltar à Baixada Santista para investigar série de mortes

Pelo menos 39 pessoas morreram em operações realizadas após o assassinato de um agente da Rota
Lula propõe envio de moção à ONU pelo “fim do genocídio” na Faixa de Gaza

Lula propõe envio de moção à ONU pelo “fim do genocídio” na Faixa de Gaza

Presidente brasileiro fez sugestão em São Vicente e Granadinas, onde participa de reunião da cúpula de países latino-americanos e do Caribe
Elon Musk processa OpenAI e acusa Sam Altman de "traidor"

Elon Musk processa OpenAI e acusa Sam Altman de "traidor"

Dono da Tesla e SpaceX diz que empresa de IA não se preocupa com o bem da humanidade e companhia virou subsidiária da Microsoft
Nunes Marques suspende concurso para soldados da PM de MG que restringia participação de mulheres

Nunes Marques suspende concurso para soldados da PM de MG que restringia participação de mulheres

Decisão foi proferida no âmbito de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade protocolada pela Procuradoria-Geral da República (PGR)
Rio: Vereadores derrubam projeto que prevê apoio a mulheres encaminhadas ao aborto legal

Rio: Vereadores derrubam projeto que prevê apoio a mulheres encaminhadas ao aborto legal

Projeto derrotado por 32 votos a 8 defendia o atendimento humanizado em casos já previsto na Legislação Federal
IA da Microsoft, Copilot, está agressivo com usuários

IA da Microsoft, Copilot, está agressivo com usuários

Chatbot chegou a chamar um usuário de mentiroso e disse para "não entrar em contato comigo novamente"
Homem é indiciado por estuprar sete vítimas; entre elas, quatro filhas

Homem é indiciado por estuprar sete vítimas; entre elas, quatro filhas

As investigações começaram depois que policiais receberam uma denúncia do Conselho Tutelar referente à filha mais nova do acusado
Saiba como baixar o aplicativo do Imposto de Renda, para ficar em dia com o "Leão"

Saiba como baixar o aplicativo do Imposto de Renda, para ficar em dia com o "Leão"

SBT News traz um passo-a-passo para obter o programa para começar a fazer a sua declaração do IRPF 2024
Publicidade
Publicidade