Publicidade

PF realiza operação para monitorar ouro ilegal em Terra Indígena Yanomami

Ação visa identificar contaminação por mercúrio na região e identificar DNA do ouro, combatendo assim a venda ilegal

PF realiza operação para monitorar ouro ilegal em Terra Indígena Yanomami
Local onde agentes da Polícia Federal, Ibama e Forças Armadas coletaram amostras de ouro da Terra Indígena Yanomami
Publicidade

A Polícia Federal coletou amostras de ouro na Terra Indígena Yanomami para avaliar os níveis de contaminação por mercúrio decorrentes das atividades garimpeiras recentes, tanto na população indígena quanto em seu ambiente natural. A ação, denominada "DNA do Ouro", ocorreu durante os dias 4 a 6 de setembro e também teve o objetivo de determinar a assinatura geoquímica do ouro da região.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Segundo a PF, com essa assinatura é possível criar um sistema de certificação de origem com o intuito de fortalecer o monitoramento do ouro ilegal apreendido pela Polícia Federal e pelas Forças Armadas e fazem parte da operação 'Programa Ouro Alvo"

A ação contou com o apoio do Exército Brasileiro, da Força Aérea Brasileira, da FUNAI e da Universidade de Brasília. Foram utilizados parâmetros como: morfologia, mineralogia, composição química e isotópica, que permitem a construção de parâmetros objetivos na rastreabilidade. A partir desses resultados, todas as informações coletadas serão inseridas e bancos de dados da Polícia Federal.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
polícia federal
brasil
terra indígena yanomami
contaminação
mercúrio
atividade
garimpo
ouro
funai
unb
exército brasileiro
noticias

Últimas notícias

Frente fria atinge o Brasil no final de semana

Frente fria atinge o Brasil no final de semana

São Paulo e Curitiba devem bater recorde de temperaturas mais baixas do ano
Berinjela para conserva é o destaque da semana para compras em atacados

Berinjela para conserva é o destaque da semana para compras em atacados

Abobrinha italiana e berinjela também estão entre produtos favoráveis; confira lista completa
Exército de Israel afirma ter encontrado corpo de refém brasileiro do Hamas em Gaza

Exército de Israel afirma ter encontrado corpo de refém brasileiro do Hamas em Gaza

Forças de Defesa de Israel dizem que Michel Nisenbaum, de 59 anos, foi morto no ataque de 7 outubro de 2023
ENGANOSO: Janja não combinou cena com militar e cachorro para divulgar vídeo nas redes sociais

ENGANOSO: Janja não combinou cena com militar e cachorro para divulgar vídeo nas redes sociais

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: caos, novas inundações em Porto Alegre e alerta de mais chuvas no RS

Brasil Agora: caos, novas inundações em Porto Alegre e alerta de mais chuvas no RS

Programa do SBT News traz as primeiras notícias do dia nas primeiras horas da manhã
Incêndio atinge empresa de óleo para carros em Guarulhos (SP)

Incêndio atinge empresa de óleo para carros em Guarulhos (SP)

Foram deslocadas 18 viaturas dos Bombeiros; local fica próximo da rodovia Dutra e do aeroporto internacional
Com três dias de festa, ordem de desfile do carnaval 2025 do Rio é definida

Com três dias de festa, ordem de desfile do carnaval 2025 do Rio é definida

Próximo ano terá quatro escolas por noite na Sapucaí, de domingo a terça; promessa é de ingressos mais baratos
SBT News na TV: Chuva volta a provocar enchentes no RS; Lula diz que deve vetar taxação de importados

SBT News na TV: Chuva volta a provocar enchentes no RS; Lula diz que deve vetar taxação de importados

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta sexta-feira (24); assista!
Governo federal libera crédito de R$ 1,8 bi para recuperação do Rio Grande do Sul

Governo federal libera crédito de R$ 1,8 bi para recuperação do Rio Grande do Sul

Anúncio totalizou R$ 62,5 bilhões direcionados pela União ao enfrentamento da tragédia climática no estado
Dinheiro de acordos de leniência da Lava Jato deve ir para o RS, defende André Mendonça

Dinheiro de acordos de leniência da Lava Jato deve ir para o RS, defende André Mendonça

Ministro do STF fez a proposta nesta quinta-feira (23) em audiência de conciliação com entes públicos e empresas investigadas na operação
Publicidade
Publicidade