Publicidade

Roberto Freire é destituído da presidência do Cidadania

Ex-ministro da Cultura e ex-deputado federal estava no posto há 31 anos

Roberto Freire é destituído da presidência do Cidadania
Roberto Freire gesticula enquanto fala ao microfone (Geraldo Magela/Agência Senado)
Publicidade

O diretório nacional do Cidadania elegeu, neste sábado (9.set), o ex-secretário estadual de Educação do Rio de Janeiro Comte Bittencourt como o novo presidente nacional da sigla, em substituição ao ex-ministro da Cultura e ex-deputado federal Roberto Freire. O político deixa o posto após 31 anos.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Ainda ontem, o diretório designou o ex-governador do Distrito Federal Cristovam Buarque e a ex-deputada federal Luzia Ferreira como vice-presidentes do Cidadania. Já a ex-presidente do Sindicato dos Bancários de Campinas (SP) Ana Stela Alves de Lima foi designada como a nova secretária-geral adjunta.

O Cidadania foi fundado e registrado em 1992, como Partido Popular Socialista (PPS). A alteração deste nome para o atual ocorreu em março de 2019. Desde o ano passado, a sigla compõe federação com o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).

Em nota divulgada pelo Cidadania em 1º de setembro, Roberto Freire afirmou que havia uma crise interna e disse que a reunião de 9 de setembro, em que seria feita a eleição do novo presidente -- como ocorreu -- tinha "caráter divisionista" e iria apenas aprofundá-la.

"No próximo dia 9 de setembro, um grupo dissidente - com uma maioria circunstancial - planeja colocar um ponto final na história do Cidadania, projeto de partido-movimento, herdeiro do PPS e do PCB. Farão isso expurgando da Executiva Nacional aqueles dos quais discordam, entre eles, seu presidente, Roberto Freire, que assina a presente nota", pontuou.

"Pretendem que, assim, com uma canetada, se resolva uma crise que se arrasta há alguns anos e que ora chegou a um impasse definitivo. Uma 'solução' artificial, como foi a minha recondução à presidência em 2022, que, reitero, foi uma derradeira tentativa de unidade".

Freire prosseguiu: "E eles sabem bem. Sabem, porque votaram em mim, como votaram sempre durante todos esses anos, desde o velho PCB. Nunca fui presidente de mim mesmo nem impus eleição alguma. Mas agora que a unidade não é mais possível, a longeva liderança com a qual me agraciaram virou um dos grandes problemas. A Federação com o PSDB, que permitiu a sobrevivência do partido e que foi aprovada por alguns dos insurgentes, também".

Após a eleição do novo presidente do Cidadania, Freire publicou uma nota, destinada à Executiva Nacional da sigla, comunicando sua saída da direção nacional. "Desnecessário dizer que é irrevogável. Encerro, assim, uma longa vida nesse partido, o único desde o PCB nos idos de 1962 do século passado".

Confira a íntegra:

Nota de Roberto Freire (Reprodução/Twitter)

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
brasil
política
roberto freire
presidência
cidadania
saída
eleição
crise
nota
federação
história
trajetória
noticias
guilherme-resck

Últimas notícias

Brasil Agora: governo terá de cortar gastos, mas Lula resiste; Trump, o atentado e a convenção

Brasil Agora: governo terá de cortar gastos, mas Lula resiste; Trump, o atentado e a convenção

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta quarta-feira (17)
+Milionária sorteia prêmio de R$ 245 milhões nesta quarta-feira (17)

+Milionária sorteia prêmio de R$ 245 milhões nesta quarta-feira (17)

Apostas podem ser feitas até as 19h em casas lotéricas ou pela internet
Hóspedes são encontrados mortos em hotel 5 estrelas na Tailândia

Hóspedes são encontrados mortos em hotel 5 estrelas na Tailândia

Polícia aponta para envenenamento com cianeto; corpos são de cidadãos vietnamitas
Carpinteiro atingido por estaca de madeira na cabeça deixa o CTI

Carpinteiro atingido por estaca de madeira na cabeça deixa o CTI

Vitor Soares do Nascimento precisou passar por cirurgia de emergência para retirada do objeto; quadro de saúde é estável
Com R$ 362 milhões, "Divertida Mente 2" se torna maior arrecadação em bilheterias da história no Brasil

Com R$ 362 milhões, "Divertida Mente 2" se torna maior arrecadação em bilheterias da história no Brasil

Nova animação da Disney/Pixar já foi assistida por 18 milhões de espectadores
Nota Fiscal Paulista libera R$ 46,5 milhões em créditos; veja como resgatar

Nota Fiscal Paulista libera R$ 46,5 milhões em créditos; veja como resgatar

Valor é referente às compras realizadas em março de 2024 e ficará disponível para transferência por um ano
SBT News na TV: Chiquinho Brazão volta a alegar inocência no assassinato de Marielle

SBT News na TV: Chiquinho Brazão volta a alegar inocência no assassinato de Marielle

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (17); assista!
EUA: jovem armado com fuzil é preso perto de convenção republicana

EUA: jovem armado com fuzil é preso perto de convenção republicana

Detenção ocorreu fora do perímetro de segurança do evento; suspeito não tinha autorização de porte
Entrevista de Biden à NBC "não convenceu ninguém", afirma analista político

Entrevista de Biden à NBC "não convenceu ninguém", afirma analista político

Arick Wierson avaliou o desempenho do presidente dos Estados Unidos, marcado por respostas desencontradas e dificuldade na comunicação
Supremo atende governo e Congresso e dá mais tempo para desoneração na folha

Supremo atende governo e Congresso e dá mais tempo para desoneração na folha

Ministro Fachin deu prazo para solução até 11 de setembro; Senado quer concluir votação em agosto
Publicidade
Publicidade