Publicidade

Da porta do quartel ao Congresso: como foi o ato golpista em Brasília

Invasores depredaram Congresso, Palácio do Planalto e STF neste domingo

Da porta do quartel ao Congresso: como foi o ato golpista em Brasília
Publicidade

Após dias combinando uma invasão ao Congresso Nacional através de aplicativos de mensagens, manifestantes golpistas saíram da frente do QG do Exército em Brasília e se dirigiram para o ato na Esplanada dos Ministérios, no início da tarde deste domingo (8.jan).

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Cerca de duas horas depois, os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) furaram o bloqueio policial e se dirigiram ao Congresso Nacional. Sabendo da possibilidade de invasão, o ministro da Justiça, Flávio Dino, autorizou o uso da Força Nacional para reprimir o ato, mas a medida não teve efeito nenhum.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram policiais militares agindo amigavelmente com os golpistas.

A primeira atitude dos golpistas foi subir a rampa do Congresso e ocupar o teto do prédio. Momentos depois, os criminosos conseguiram invadir o local, iniciando os atos de vandalismo.

Com a depredação do Congresso em curso, os golpistas ampliaram os atos de terrorismo para o Palácio do Planalto e para o Supremo Tribunal Federal (STF).

Após a repercussão da invasão e da atitude pacífica dos policiais, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), exonerou o secretário da Segurança Pública, Anderson Torres.

A suposta omissão das forças de segurança também foi alvo da Advocacia-Geral da União, que pediu a prisão de Torres.

Quase três horas após as invasões, o presidente Lula (PT), que estava em Araraquara, no interior de São Paulo, fez seu primeiro pronunciamento sobre o caso e determinou intervenção federal na segurança do Distrito Federal.

De acordo com o presidente, o que aconteceu na tarde deste domingo foi uma "barbárie", com vândalos destruindo "o que viram pela frente".

Ele ainda afirmou que todos os golpistas serão identificados e punidos. O petista disse que o governo também vai descobrir quem são os financiadores por trás da invasão.

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que acompanhava o ataque golpista, afirmou que trabalharia para identificar e condenar o maior número possível de golpistas envolvidos no caso.

Com o aumento do efetivo policial para reprimir os criminosos, Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal (STF) foram retomados e os vândalos foram dispersos.

Já de noite, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, afirmou que ao menos 400 criminosos foram presos em flagrante. Os detidos foram conduzidos para o Departamento de Polícia Especializada (DPE) da Polícia Civil, que confirma a prisão de apenas 300 pessoas.

Leia também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
policia
brasil
congresso
golpistas
golpe
invasao
palacio do planalto
stf
brasilia
paulo-sabbadin
cezar-camilo

Últimas notícias

Mais da metade dos alunos negros estuda sem biblioteca, quadra esportiva e laboratório no Brasil

Mais da metade dos alunos negros estuda sem biblioteca, quadra esportiva e laboratório no Brasil

Pesquisa comparou a infraestrutura de escolas em que predominam alunos brancos com unidades em que a maioria é de negros
Ataque russo atinge prédio residencial e deixa 10 mortos na Ucrânia

Ataque russo atinge prédio residencial e deixa 10 mortos na Ucrânia

Presidente Volodymyr Zelensky voltou a apelar pelo envio de sistemas de defesa aérea
Laudo diz que mulher acusada de envenenar parentes tinha “total consciência” de atos

Laudo diz que mulher acusada de envenenar parentes tinha “total consciência” de atos

Amanda Partata ofereceu alimentos envenenados a quatro pessoas e duas morreram; crime foi registrado em Goiânia, em dezembro do ano passado
Boulos recebe dois milhões de interações nas redes, ganhando de Tabata e Nunes

Boulos recebe dois milhões de interações nas redes, ganhando de Tabata e Nunes

No intervalo de 30 dias, o prefeito de São Paulo conseguiu 170 mil interações; militância de Bolsonaro ainda não aderiu a Nunes
FALSO: É falso que Lula tenha inaugurado obra da transposição do São Francisco já inaugurada por Bolsonaro

FALSO: É falso que Lula tenha inaugurado obra da transposição do São Francisco já inaugurada por Bolsonaro

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Mega-Sena acumula pela oitava vez e prêmio vai a R$ 72 milhões

Mega-Sena acumula pela oitava vez e prêmio vai a R$ 72 milhões

Apostas para o próximo concurso podem ser feitas até as 19h00 de quinta-feira (18)
Greve em universidades: governo espera chegar a acordo com professores na sexta-feira (19)

Greve em universidades: governo espera chegar a acordo com professores na sexta-feira (19)

Categoria reivindica reestruturação de carreira e recomposição salarial
Pagodeiro "proibidão" era "empresário" dos negócios ligados ao PCC, diz MP

Pagodeiro "proibidão" era "empresário" dos negócios ligados ao PCC, diz MP

Latrell Brito usava empresas dele e de laranjas para simular concorrência em contratações de prefeituras alvos da Operação Munditia
Brasil Agora: Lula na Colômbia, PEC antidrogas e cadáver em agência bancária

Brasil Agora: Lula na Colômbia, PEC antidrogas e cadáver em agência bancária

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta quarta-feira (16)
Tribunal define primeiros jurados para julgamento de Trump em NY

Tribunal define primeiros jurados para julgamento de Trump em NY

Ex-presidente dos EUA é acusado de subornar atriz pornô durante período eleitoral; júri será composto por 12 pessoas
Publicidade
Publicidade