Publicidade

Jovem grávida é encontrada morta sem o bebê; amiga assume o crime bárbaro

Vítima foi assassinada a tijoladas e teve o filho arrancado do ventre ao cair em uma emboscada

Jovem grávida é encontrada morta sem o bebê; amiga assume o crime bárbaro
Publicidade
O desaparecimento de um jovem grávida de 9 meses teve um fim trágico, na manhã de sexta-feira (28), com a localização do corpo em uma fábrica desativada de Canelinhas, na Grande Florianópolis. Ela foi morta a tijoladas e tinha marcas de cortes de estilete na barriga. O bebê não estava no corpo da vítima. 

Em coletiva de imprensa, agentes da Polícia Militar e o delegado da Polícia Civil responsável pelo caso, Paulo Alexandre Freyesleben e Silva esclareceram como ocorreu o crime bárbaro. 

O assassinato foi premeditado e, pelo o que se sabe até o momento, executado por uma amiga da jovem, que, ao ser questionada pela polícia, confessou o homicídio. De acordo com a suspeita, ela e vítima eram amigas há anos e, depois de sofrer um aborto em janeiro, após dois meses de gestação, forjou o restante da gravidez e começou a cogitar o assassinato da amiga em razão das datas próximas de gestação.

Ela afirmou que, na quinta-feira (27), atraiu a amiga grávida para o local do crime sob a desculpa de ter organizado um chá de bebê e que a golpeou com um tijolo na cabeça, o que a fez cair. Apesar disso, continuou com as tijoladas até a vítima perder a consciência, e, com um estilete, extraiu a criança do ventre da mulher.

Com a criança em sua posse, mandou mensagens para o serviço de saúde de Canelinhas, afirmando que havia acabado de dar à luz em via pública. Citou, inclusive, em seu primeiro depoimento, que recebeu a ajuda de populares que a levaram para a porta do condomínio onde mora com o marido para que ele pudesse levar ela e o bebê para o hospital.

Ao darem entrada no pronto-socorro, foi constatado lesões profundas no corpo do recém-nascido. A equipe médica acionou a Polícia Militar, que lavrou um boletim de ocorrência por lesão corporal. Mas, horas depois, ao receber o caso do desaparecimento de uma mulher grávida e a informação de que a última pessoa a fazer contato com a desaparecida era a suposta grávida com o recém-nascido machucado, realizou guarnições no hospital e próximo da região onde ambas moravam. Com ajuda da comunidade da região, conseguiu localizar o corpo da vítima e o canivete usado no crime. 

A mulher foi presa e confessou o crime premeditado. Ela relatou que o marido e familiares não tinham conhecimento da situação e acreditavam que ela estaria grávida. A polícia, porém, autuou o marido em flagrante. Os agentes trabalham com a hipótese de que ele possa ter ajudado no crime, já que o período de gestação relatado pela assassina, de outubro ao final de agosto, passaria dos nove meses de gestação e chegaria a quase um ano de gravidez. O homem nega que tenha participado do crime. 

O bebê foi internado no Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis, e seu estado de saúde não foi divulgado. 

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

primeiro impacto
cidades
crime
assassinato
amiga
homicídio
bebê
recém-nascido

Últimas notícias

Do protagonismo na Lava-Jato à suspensão pelo CNJ: quem é Gabriela Hardt?

Do protagonismo na Lava-Jato à suspensão pelo CNJ: quem é Gabriela Hardt?

Juíza foi substituta de Sergio Moro na 13ª Vara Federal, em Curitiba, durante o auge da operação
Chuva forte pode atingir 161 cidades de Minas Gerais

Chuva forte pode atingir 161 cidades de Minas Gerais

Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta para risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos
Teto de supermercado desaba e deixa feridos em Diadema

Teto de supermercado desaba e deixa feridos em Diadema

Duas pessoas ficaram gravemente feridas e foram socorridas ao Hospital Municipal da cidade; outras nove tiveram ferimentos leves
Tutor de pitbull morre após ser atacado pelo próprio cachorro

Tutor de pitbull morre após ser atacado pelo próprio cachorro

Vítima sofria ataque de epilepsia enquanto foi mordida pelo animal
Governo propõe aumento de R$ 90 no salário mínimo e déficit zero em 2025

Governo propõe aumento de R$ 90 no salário mínimo e déficit zero em 2025

Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) de 2025 foi apresentado nesta segunda-feira (15)
Adolescente de 17 anos é estuprada pelo cunhado no interior de SP

Adolescente de 17 anos é estuprada pelo cunhado no interior de SP

Vítima estava na casa da irmã e cuidava dos sobrinho quando sofreu a violência, neste final de semana
Poder Expresso: Irã ataca Israel, conflito pode ter reflexos econômicos no Brasil

Poder Expresso: Irã ataca Israel, conflito pode ter reflexos econômicos no Brasil

A edição desta segunda-feira (15) analisa como a escalada do confronto no Oriente Médio pode atingir brasileiros
Por que existem gêmeos siameses? Entenda

Por que existem gêmeos siameses? Entenda

As causas dessa anomalia rara ainda não são bem explicadas pela ciência, mas a descoberta pode vir durante a gestação
Conflito entre Irã e Israel pode impactar preço do petróleo no Brasil

Conflito entre Irã e Israel pode impactar preço do petróleo no Brasil

Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira afirmou que criou grupo de trabalho para acompanhar possível acirramento do conflito e suas consequências
Detran-RJ volta a cobrar pagamento de Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo digital

Detran-RJ volta a cobrar pagamento de Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo digital

Após determinação judicial, os motoristas vão precisar quitar taxas de 2023 e 2024 no valor de R$ 76,77 por ano
Publicidade
Publicidade