Publicidade

Operação contra importação ilegal de celular acontece em 6 estados e no DF

Foram enviados R$ 1,6 bilhão ao exterior; Cerca de 250 agentes da PF e 120 servidores da Receita Federal cumprem 51 mandados de busca e apreensão

Operação contra importação ilegal de celular acontece em 6 estados e no DF
Ação acontece nos estados de São Paulo, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Maranhão, Rio Grande do Norte e no Distrito Federal | Marcelo Camargo/Agência Brasil
Publicidade

Cerca de 250 policiais federais e 120 servidores da Receita Federal fazem na manhã desta quarta-feira (10) uma operação contra um esquema de importação ilegal de celulares.

A ação acontece nos estados de São Paulo, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Maranhão, Rio Grande do Norte e no Distrito Federal.

+ Pacheco apresenta projeto para renegociar dívidas dos estados com a União; veja como vai funcionar

São cumpridos 51 mandados de busca e apreensão, 25 ordens de sequestro de bens imóveis, 42 ordens de sequestro de veículos, além do bloqueio de 280 milhões de reais nas contas dos alvos da operação.

Também foram determinadas pela 12ª Vara Federal do Distrito Federal, medidas cautelares diversas de prisão dos principais investigados, tais como proibição de deixarem o país, com a entrega dos passaportes em 24 horas, proibição de se deixarem o município de domicílio, comparecimento mensal ao Juízo Federal para informar suas atividades e proibição de manterem contato uns com os outros.

As investigações da operação nomeada “Corisco Turbo”, apontam indícios de envio ilegal de mais de R$ 1,6 bilhão ao exterior e estima que foram trazidos para o país mais de 500 mil telefones celulares nos últimos 5 anos.

+ Regime de urgência para texto da reforma tributária é aprovado na Câmara

Os suspeitos devem responder pelos crimes de falsidade ideológica, descaminho, evasão de divisas, lavagem de dinheiro e organização criminosa, que possuem penas máximas que podem chegar a 37 anos de reclusão.

O nome da operação, Corisco Turbo, faz referência ao modelo do avião apreendido durante a prisão em flagrante que originou as investigações, em fevereiro de 2022, no aeródromo Botelho, em São Sebastião-DF.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Polícia Federal
Receita Federal
celular
São Paulo
Goiás
Paraná
Maranhão
Rio Grande do Norte

Últimas notícias

Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Ele é suspeito de aplicar um golpe de rifa virtual que causou prejuízo de R$ 5 milhões a clientes
Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

O diretor da polícia dos Estados Unidos declarou que as autoridades “não deixarão pedra sobre pedra” na investigação sobre a tentativa de assassinato
Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

19º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo terminou neste domingo (14), em São Paulo
Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Corey Comperatore, de 50 anos, era bombeiro e tinha duas filhas. Ele morreu pelos disparos de Thomas Crooks. Outros dois homens foram feridos gravemente
Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Em nota de pesar, o presidente da República ressaltou, entre outros atributos, a “irreverência” na carreira do jornalista, que faleceu aos 87 anos
Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Segundo analistas, chance de retorno do ex-presidente ao poder aumentou, e ele é a favor da desregulamentação do mercado financeiro
Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Thomas Matthew Crooks, de 20 anos, foi o atirador que tentou assassinar Donald Trump
Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Esta é a primeira visita de um chefe de Estado italiano ao país em 24 anos
Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

O político faleceu na tarde deste domingo (14) em decorrência de complicações da diabetes
Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

"Deixem o FBI fazer o seu trabalho", diz presidente dos EUA. Segurança de convenção republicana será reforçada
Publicidade
Publicidade