Publicidade

Uganda promulga lei que discrimina comunidade LGBTQIA+

Casos de homossexualidade agora poderão resultar em prisões perpétuas ou pena de morte

Uganda promulga lei que discrimina comunidade LGBTQIA+
A lei segue a versão aprovada pelo presidente Yoweri Museveni no início de maio | Pexels
Publicidade

O governo da Uganda promulgou, nesta 2ª feira (29.mai), a lei que criminaliza atos e promoção da homossexualidade. O texto, discutido no Parlamento desde março, garante amplos poderes às autoridades para reprimir e, inclusive, punir lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros e queers, que já são alvo de discriminação no país.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

A lei segue a versão aprovada pelo presidente Yoweri Museveni no início de maio. Com isso, fica descartada a punição de cidadãos que se identifiquem como LGBTQIA+, mas continua autorizada a prisão perpétua ou pena de morte para aqueles que tiverem relações sexuais com pessoas do mesmo sexo ou que "promoverem a homossexualidade".

Em comunicado, a presidente do Parlamento da Uganda, Anita Among, comemorou a promulgação da lei, dizendo que o presidente "respondeu aos gritos do povo". "Nos mantivemos fortes para defender a cultura, os valores e as aspirações de nosso povo. Agora, encorajo as autoridades a cumprir as regras da lei ant- homossexualidade."

+ Primeiro-ministro da Espanha dissolve parlamento e convoca novas eleições

A nova lei é criticada pela comunidade internacional, sobretudo por países como Estados Unidos e União Europeia. O mesmo é feito pela Organização das Nações Unidas (ONU), que classificou a medida, quando ainda estava sendo avaliada no Parlamento, como "perturbadora" e "discriminatória".

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
mundo
uganda
promulga
lei
discrimina
comunidade
lgbtqia+
prisao perpetua
pena de morte
yoweri museveni
onu
criticas
camila-stucaluc

Últimas notícias

Comerciante é vítima de fake news após assalto em joalheria

Comerciante é vítima de fake news após assalto em joalheria

Homem teve fotos e vídeos divulgados nas redes sociais como se fosse assaltante
Lula critica "taxa das blusinhas", mas sinaliza que não deve vetar medida: "Assumi compromisso"

Lula critica "taxa das blusinhas", mas sinaliza que não deve vetar medida: "Assumi compromisso"

Presidente admitiu acordo para cobrar 20% de PIS/Cofins em projeto do Mover; petista também falou sobre derrota no PL das "saidinhas"
Bill Gates aposta em startup para construir usina nuclear nos Estados Unidos

Bill Gates aposta em startup para construir usina nuclear nos Estados Unidos

Projeto visa construir unidade energética em uma antiga usina de carvão em Wyoming para atender a crescente demanda por eletricidade do país
Pauta de costumes "não tem nada a ver com realidade que estamos vivendo", comenta Lula sobre PL do aborto

Pauta de costumes "não tem nada a ver com realidade que estamos vivendo", comenta Lula sobre PL do aborto

Para presidente, debate é "cru" e assunto deveria ser razões que motivam necessidade do procedimento: "Estamos retrocedendo nesta pauta"
Lula diz que presidente do Banco Central tem lado político e trabalha para prejudicar o Brasil

Lula diz que presidente do Banco Central tem lado político e trabalha para prejudicar o Brasil

Presidente da República afirmou que Roberto Campos Neto pode se tornar um "novo Sergio Moro"
Danilo Forte fala ao Perspectivas sobre Reforma Tributária e PL do "devedor contumaz"; assista ao vivo

Danilo Forte fala ao Perspectivas sobre Reforma Tributária e PL do "devedor contumaz"; assista ao vivo

Deputado dá detalhes sobre evento em que participou com Bernard Appy, secretário extraordinário da Reforma Tributária
PL do aborto: lei poderia provocar aumento da mortalidade materna, diz pesquisadora

PL do aborto: lei poderia provocar aumento da mortalidade materna, diz pesquisadora

Mestre em direitos humanos pede que parlamentares façam leis "baseados em números, estatísticas e nas melhores evidências científicas"
Idoso é retirado após passar mais de 10 horas preso em bueiro de avenida em Manaus

Idoso é retirado após passar mais de 10 horas preso em bueiro de avenida em Manaus

Bombeiros e familiares tentavam convencer o homem a sair do local após surto e discussão com vizinho
McDonald´s desiste do uso da inteligência artificial da IBM em seu drive-thru

McDonald´s desiste do uso da inteligência artificial da IBM em seu drive-thru

Rede de restaurantes testava tecnologia que anotava pedidos de comida por meio de voz
Bebê nasce no vestiário de empresa em Santa Catarina

Bebê nasce no vestiário de empresa em Santa Catarina

Corpo de Bombeiros foi chamado para fazer o parto; mãe e filha passam bem
Publicidade
Publicidade