Publicidade

Prefeito que invadiu casa da ex é denunciado por tentativa de feminicídio

Naçoitan Leite, de Iporá (GO), derrubou portão da casa, atirou 13 vezes e fugiu; preso cinco dias após, ele agora vira réu

Prefeito que invadiu casa da ex é denunciado por tentativa de feminicídio
prefeito
Publicidade

O Ministério Público de Goiás apresentou a denúncia criminal contra o prefeito de Iporá, Naçoitan Leite (sem partido), nesta 6ª feira (01.dez), por tentativa de feminicídio. Ele estão preso, após invadir a casa da ex-mulher e atirar 13 vezes contra ela e o namorado. A Justiça vai analisar a acusação e ele deve virar réu. 

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Imagens de câmeras de segurança registraram o prefeito, no dia 18 de novembro, quando ele invade a casa da ex, com quem foi casado por sete anos. Com uma caminhonete, força o portão e invade o imóvel. Com uma pistola calibre 9mm, começa a disparar, segundo registra a acusação do MP.

As vítimas estavam dormindo. O prefeito gritou o nome da mulher e fez os primeiros disparos, destruindo uma porta de vidro. A acusação narra que, na sequência, ele foi ao quarto dela, tentou forçar a entrada, mas foi impedido pelo namorado - ambos dormiam.

"Neste momento, o prefeito efetuou ao menos 13 disparos de arma de fogo em direção à porta do quarto. Vários tiros atravessaram a porta e atingiram a cama e outros móveis. A mulher e o namorado, contudo, escaparam ilesos", registra o MP. Leite fugiu na sequência. Com ordem de prisão, ele se apresentou à polícia cinco dias depois. 

tiros
Foram 13 disparos de arma de uso restrito, na porta do quarto da ex | Reprodução

O prefeito foi formalmente acusado na Justiça pelo MP por quatro crimes: tentativa de feminicídio, tentativa de homicídio contra o namorado dela, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e fraude processual.

Segundo a denúncia do promotor de Justiça Luís Gustavo Soares Alves, no dia do crime, o prefeito voltou à casa da ex-mulher e retirou o aparelho DVR de gravação das câmeras de segurança. "A fim de ocultar os vídeos contendo as gravações das câmeras de segurança daquele dia."

O MP pediu à Justiça, além da condenação do prefeito, que sua prisão preventiva seja mantida e seja negado o pedido de prisão domiciliar feito pela defesa. O prefeito, via seu advogado, alegou problemas de saúde e necessidade de assistência médica especializada.

Leia também:

+ GO: Prefeito que atirou na casa da ex se entrega à polícia

+ Prefeito preso por atirar na casa da ex diz que "perdeu a memória"

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbt news
policia
justiça
ipora
prefeito
feminicidio
tentativa de feminicidio
ex-mulher
namorado
9mm
arma
uso restrito
preso
cameras
mp
promotor

Últimas notícias

Festa dupla: 46 gêmeos se formam em uma única escola nos EUA; veja

Festa dupla: 46 gêmeos se formam em uma única escola nos EUA; veja

Gêmeos representam cerca de 3% dos nascidos nos Estados Unidos, segundo o Centro Nacional de Estatísticas de Saúde
Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Pacote anunciado por democrata beneficia imigrantes ilegais que são cônjuges e filhos de cidadãos norte-americanos
Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Neste momento irá ocorrer o Solstício de Inverno, termo originado do latim, que significa "sol parado". Veja como será nova estação
Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Documentos digitais estão cada vez mais presentes na rotina das pessoas
"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

Ao Perspectivas, afirmou que "não tem sentido" o país "financiar o refrigerante", em referência a subsídios dados pelo governo a indústrias já consolidadas
RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (18); idoso também morreu e um dos suspeitos foi baleado
Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Comissão de Educação e Cultura do Senado deve votar o texto na quarta-feira (19)
Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Presidente disse ter sido orientado a não citar o nome do ex-presidente Jair Bolsonaro
Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Ícone do cinema francês atuou em clássicos de grandes diretores, como Fellini, Bellocchio, Demy e Altman
Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Agressão sexual representa quase 1/3 dos casos de violência contra bebês e crianças de até 9 anos e quase metade na faixa etária de 10 a 14 anos
Publicidade
Publicidade