Publicidade

Homem é condenado por fake news sobre facada de Adélio em Bolsonaro

Justiça condenou a 10 meses de prisão engenheiro que inventou a participação de uma mulher no atentado

Homem é condenado por fake news sobre facada de Adélio em Bolsonaro
Sinal em desaprovação às fake news
Publicidade

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) condenou um homem à prisão por causa da disseminação de uma notícia falsa. Ao espalhar o boato de que uma mulher de Juiz de Fora (MG) teria participado do episódio que resultou na facada sofrida por Jair Bolsonaro (PL), em 2018, o engenheiro Renato Henrique Scheidemantel terá de cumprir 10 meses de detenção.

+ Leia as últimas notícias de Justiça no portal SBT News

A ação contra o engenheiro foi movida por Lívia Gomes. Em postagens nas redes sociais, Renato afirmou que ela teria entregado uma faca a Adélio Bispo, responsável por ter esfaqueado o então candidato à Presidência da República, em 6 de setembro de 2018. No processo, Lívia afirma que começou a receber ameaças dois dias após o episódio.

Juiz da 27ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, Flávio Itabaiana foi o responsável por analisar o caso envolvendo a fake news sobre a facada sofrida por Bolsonaro. O magistrado condenou Renato por calúnia e reforçou que as plataformas digitais não podem ser utilizadas para o compartilhamento de conteúdos enganosos e mensagens de ódio.

"Sites de internet não se constituem em 'terras sem lei'."

"É imprescindível fazer menção que o uso contínuo e nocivo das redes sociais não pode servir de desculpa para a prática de crimes contra a honra (aliás, tais delitos têm crescido exponencialmente nos últimos anos)", afirmou o magistrado em trecho de sua decisão, informa o jornal Folha de S. Paulo. "Eis que os aplicativos e sites de internet não se constituem em 'terras sem lei'", enfatizou o juiz.

Mencionada por Renato Henrique Scheidemantel, Lívia Gomes alegou à Justiça que, na ocasião da facada contra Bolsonaro, estava de repouso em sua casa, na cidade mineira de Juiz de Fora, recuperando-se de uma doença. Diante das ameaças, inclusive de morte, ela afirmou que precisou encarar um tratamento psicológico, pois chegou a sofrer de depressão.

Conta invadida

Em sua defesa, o engenheiro garantiu que o seu perfil no Facebook havia sido invadido justamente no dia em que Bolsonaro foi esfaqueado. O juiz Flávio Itabaiana, no entanto, apontou que Renato seguiu postando normalmente na rede social, o que, na visão dele, descartaria a possibilidade de conta invadida.

"Possuía plena capacidade para distinguir e evitar a falsa percepção da realidade."

"Como engenheiro, [ele, Renato] possuía plena capacidade para distinguir e evitar a falsa percepção da realidade acerca dos elementos constitutivos do tipo penal em comento, agindo o querelado com a nítida vontade de obter um resultado determinado, vale dizer, de caluniar a querelante", destacou o juiz responsável por condenar à prisão um homem que disseminou fake news.

Saiba mais:

+ Confira as sete medidas do Telegram contra a desinformação

+ Após ação de Bolsonaro, Fux elogia atuação de Moraes contra desinformação

+ Google diz que Projeto de Lei de Fake News não combate desinformação

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
justica
fake news
adélio bispo

Últimas notícias

Aulas são retomadas em mais de 120 escolas de Porto Alegre

Aulas são retomadas em mais de 120 escolas de Porto Alegre

Cerca de 30 instituições, porém, não tiveram condições de retomar as atividades
Barão Vermelho, Paula Toller e Ney Matogrosso fazem show por vítimas das enchentes no RS

Barão Vermelho, Paula Toller e Ney Matogrosso fazem show por vítimas das enchentes no RS

Evento acontece na quarta-feira (22), no teatro Vivo Rio; ingressos custam a partir de R$ 60
Brasil ultrapassa marca de 5 milhões de casos de dengue em 2024

Brasil ultrapassa marca de 5 milhões de casos de dengue em 2024

Número supera as previsões mais pessimistas feitas pelo Ministério da Saúde, que previa até 4,2 milhões de casos
Chuvas no RS: Número de pessoas fora de suas casas supera 650 mil

Chuvas no RS: Número de pessoas fora de suas casas supera 650 mil

São 76.188 cidadãos em abrigos e outros 581.633 desalojados. Número de mortos em decorrência da tragédia climática no estado segue em 157
Alckmin pede para Congresso retirar taxação de importados de projeto do Mover

Alckmin pede para Congresso retirar taxação de importados de projeto do Mover

Vice-presidente acredita que "jabutis" podem atrasar tramitação do texto que vence no dia 1º de junho; o Mover incentiva construção de carros verdes
Supostos prints mostram mensagem enviada por advogada desaparecida no RJ para marido

Supostos prints mostram mensagem enviada por advogada desaparecida no RJ para marido

Conversa é do dia 11 de março, momentos depois do empresário pagar os sequestradores
FAB transporta três recém-nascidos e dois adultos em UTI Aérea no RS

FAB transporta três recém-nascidos e dois adultos em UTI Aérea no RS

Segundo a Força Aérea Brasileira, foi a maior operação de Evacuação Aeromédica em apoio à população atingida pelas enchentes
Tony Ramos e Roque: o que causa e como prevenir sangramento intracraniano?

Tony Ramos e Roque: o que causa e como prevenir sangramento intracraniano?

Doenças pré-existentes como hipertensão e dor de cabeça intensa podem estar associadas ao problema; entenda
Festival de Cinema de Gramado mantém datas em meio às chuvas

Festival de Cinema de Gramado mantém datas em meio às chuvas

Evento está marcado para agosto. Clima no RS é fator de imprevisibilidade
Lula diz que recuperação do RS é possibilidade de fazer economia do Brasil "crescer ainda mais"

Lula diz que recuperação do RS é possibilidade de fazer economia do Brasil "crescer ainda mais"

Presidente também citou a possibilidade de criar um fundo internacional das "pessoas que poluem" para reconstruir o Rio Grande do Sul
Publicidade
Publicidade