Publicidade

O que é educação midiática e qual é a importância para o jornalismo?

Ensino ajuda a analisar informações e desvendar boatos principalmente nas eleições

O que é educação midiática e qual é a importância para o jornalismo?
pessoas apontando para a tela de um computador
Publicidade

Você sabe qual é a origem de cada mensagem que recebeu hoje, dentre fotos, memes, stories e vídeos? Quantas informações compartilhou sem saber qual foi a fonte, a autoria? O intenso fluxo midiático presente no dia a dia de toda a sociedade trouxe a necessidade de que todos sejam protagonistas na análise de materiais publicados, especialmente na internet. Como lidar com tantas informações? Para que seja possível, é preciso qualificar desde cedo todos que consomem conteúdos: esse processo é a educação midiática.

Saiba mais:

A proposta de ensino consiste em suscitar o pensamento crítico da sociedade ante às mídias, desenvolvendo a habilidade de identificar a natureza das informações, respondendo questões de organização, motivação e forma de produção midiática ao analisar as publicações.

O objetivo é formar cidadãos aptos não só a consumir de forma consciente todos os conteúdos informativos nas redes sociais, analisando de maneira reflexiva, mas também produzindo material de qualidade e apurado de modo ético e responsável.
 
Inspirada na orientação da Unesco, agência especializada em educação da Organização das Nações Unidas, a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) definiu a "Cultura Digital" como uma das competências gerais ao longo da Educação Básica, contendo aprendizados multidisciplinares relacionados à educação midiática.

A proposta também está presente no campo de atuação jornalístico-midiático nos Ensinos Fundamental e Médio, sendo parte do componente Língua Portuguesa da BNCC. 
 
É essencial que sejam oferecidas instruções e instrumentos para que a sociedade combata de maneira autônoma a "era da desinformação", termo cunhado por especialistas em comunicação.

Educação midiática propõe a formar o senso crítico do cidadão que faz consumo de mídia | Mike B/Pexels

A mídia-educação ganha destaque no período das eleições, quando há o aumento na quantidade corrente de informações falsas e se torna um braço direito do jornalismo profissional na luta contra os boatos e mentiras.

"A educação midiática de toda a sociedade é importante para o jornalismo, pois tal processo ajuda a complexificar a forma como as pessoas entendem o fluxo de informações e análises críticas presentes nos próprios meios de comunicação", explica Gabriel Neiva, historiador e professor de Comunicação Social da PUC-Rio. 

O desafio de checagem de veracidade das informações midiáticas aumenta conforme cresce o volume de informações. Nesse sentido, as fake news ganham os holofotes no período das eleições, gerando impactos negativos quando não combatidas.

É a partir do letramento midiático que a sociedade capta a importância de não se compartilhar conteúdo falso ou enganoso.

Interpretar e filtrar informações é essencial para que a população não seja persuadida negativamente por conteúdos mal-intencionados que possam influenciar no voto, diminuindo a credibilidade nas instituições públicas. Para Neiva, o ensino tem relação direta com a cidadania e o fortalecimento da democracia:

"Essa educação auxilia o fortalecimento da democracia, no sentido em que tal processo de compreensão dos meios de comunicação é inerente às possibilidades do "ser cidadão" dentro da sociedade brasileira. Sem dúvida, a educação midiática ajuda a combater o fluxo de desinformação, porque ajuda as pessoas a entenderem como a informação se constrói. Tendo maior possibilidade de conhecimento, combate-se a desinformação de forma mais fácil. Não é de hoje que o fluxo de informações falsas cresce na época das eleições". 

Dentre os desafios que a educação midiática enfrenta no Brasil, o professor da PUC-Rio enumera duas questões principais: o analfabetismo funcional que se espalha por boa parte da sociedade brasileira e o fluxo incessante de "fake news" que a digitalização do mundo descortinou nos últimos anos.


>> Bárbara Schneider é jornalista do SBT Rio e SBT News


Você também pode se interessar por:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

educação midiática
ensino
eleições
fake news
desinformação
boato
mídia
jornalismo
de fato
defato
de-fato
sbtnews
portalnews
educacao
midia
midiatica
fake
noticia
informacao
falsa
sbt

Últimas notícias

Governo confirma exoneração de Neri Geller de secretaria após cancelamento do leilão de arroz

Governo confirma exoneração de Neri Geller de secretaria após cancelamento do leilão de arroz

O também ex-deputado federal vinha recebendo pressão por parceria societária entre filho e negociador da arrematação
Google oferece vagas de trabalho no Brasil; saiba como se inscrever

Google oferece vagas de trabalho no Brasil; saiba como se inscrever

Postos no modo presencial e híbrido estão nos escritórios de São Paulo (SP), no novo Centro de Engenharia que abre em 2026, e em Belo Horizonte (MG)
Navios de guerra e submarino nuclear da Rússia chegam a Cuba para exercícios navais

Navios de guerra e submarino nuclear da Rússia chegam a Cuba para exercícios navais

Incursão militar acontece pouco depois dos EUA autorizarem a Ucrânia a usar armas fornecidas pelo país para atacar territórios russos
Complexo da Maré: Fachin determina que Castro explique operação

Complexo da Maré: Fachin determina que Castro explique operação

Ação para localizar envolvidos em roubos nas vias expressas da cidade terminou com três mortos, entres eles, um policial
O que é coqueluche, doença que voltou apresentar casos no Brasil?

O que é coqueluche, doença que voltou apresentar casos no Brasil?

Conhecida também como tosse convulsa, é uma doença respiratória altamente contagiosa
Presidente da Anatel fala ao Perspectivas sobre combate a ligações abusivas e ações contra pirataria; assista

Presidente da Anatel fala ao Perspectivas sobre combate a ligações abusivas e ações contra pirataria; assista

Carlos Baigorri também conversa com a jornalista Paola Cuenca sobre 5G, apoio à Justiça em ações e desinformação sobre papel da agência
Maquiadora de Djidja Cardoso diz à polícia que não faz parte de "seita"

Maquiadora de Djidja Cardoso diz à polícia que não faz parte de "seita"

Suspeita prestou depoimento em delegacia de Manaus; ela já havia sido presa em maio, mas foi solta para cuidar do filho
STF retoma julgamento da revisão do FGTS nesta quarta (12); entenda

STF retoma julgamento da revisão do FGTS nesta quarta (12); entenda

A ação tem importância fiscal para o governo; placar está 3 a 0 pelo cálculo de rendimentos equiparável ao da poupança
RJ: Professora é presa em flagrante por racismo contra aluna

RJ: Professora é presa em flagrante por racismo contra aluna

Menina tem apenas 8 anos de idade e, segundo a família, a docente já cometeu outros ataques
Setor de serviços cresce 0,5% em abril e tem segunda alta mensal seguida, diz IBGE

Setor de serviços cresce 0,5% em abril e tem segunda alta mensal seguida, diz IBGE

Responsável pela maior parte do PIB brasileiro, avanço ocorreu em 19 estados e no Distrito Federal
Publicidade
Publicidade