Publicidade

Governo cria grupo para acompanhar ações ambientais no território Yanomami

GT terá prazo de até 12 meses para encerrar os trabalhos

Governo cria grupo para acompanhar ações ambientais no território Yanomami
Indígenas acompanham instalação de antena (Divulgação/Telebras)
Publicidade

A ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, determinou a criação de um Grupo de Trabalho (GT) para acompanhar as ações ambientais previstas no plano de ação do Comitê de Coordenação Nacional para Enfrentamento à Desassistência Sanitária das Populações em Território Yanomami. A portaria foi publicada nesta 2ª feira (3.jul) no Diário Oficial da União (DOU) e entrará em vigor na próxima 6ª feira (7.jul).

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Segundo o texto, o chamado GT Yanomami será composto por representantes de quatro secretarias do ministério, incluindo a Executiva; a de Meio Ambiente Urbano e Qualidade Ambiental; a de Povos e Comunidades Tradicionais e Desenvolvimento Rural Sustentável; e a Extraordinária de Controle do Desmatamento e Ordenamento Ambiental Territorial. Vão integrar o grupo também uma pessoa do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e uma do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.

O representante da Secretaria-Executiva vai coordenar o GT. "O coordenador poderá convidar especialistas e técnicos do Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima e de outros órgãos e entidades públicas e privadas para participar das reuniões, sem direito a voto, quando da pauta constar tema relacionado às suas áreas de atuação", ressalta a portaria.

As reuniões ordinárias do grupo serão feitas quinzenalmente, preferencialmente de forma presencial. "O encerramento dos trabalhos ocorrerá em até 12 meses contados da data de sua publicação, podendo ser prorrogado por igual período, por ato da ministra de Estado do Meio Ambiente e Mudança do Clima", diz o texto.

A participação dos integrantes do GT Yanomami será considerada prestação de serviço público relevante e não remunerada.

O Comitê de Coordenação Nacional para Enfrentamento à Desassistência Sanitária das Populações em Território Yanomami foi instituído, por decreto presidencial, em 20 de janeiro de 2023. Compete a ele, no âmbito das medidas para enfrentamento à desassistência sanitária das populações na terra indígenas e aos problemas sociais e de saúde dela decorrentes, discutir as medidas a serem adotadas e auxiliar na articulação interpoderes e interfederativa.

Veja também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
noticias
governo
portaria
grupo de trabalho
ações ambientais
comitê
território yanomami
ministério
meio ambiente
membros
dou
marina silva
guilherme-resck

Últimas notícias

Ministério Público se manifesta contra soltura de motorista de Porsche que matou um em acidente

Ministério Público se manifesta contra soltura de motorista de Porsche que matou um em acidente

Parecer foi protocolado um dia após a defesa do empresário pedir na Justiça pela revogação da prisão
Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Datena tem a última chance de ser protagonista no PSDB, diz Perillo

Ao programa Perspectivas, presidente tucano reclamou do extremismo político no Brasil atualmente
Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Voluntários mostram itens "bizarros" e estragados que são doados para o RS

Fantasia de presidiário, algema de pelúcia de sex shop e sapatos rasgados estão entre os itens; doações de roupa foram suspensas pelos Correios
Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Lula diz que deve vetar taxação de importados se projeto for aprovado no Congresso

Presidente diz que fim da isenção seria injusto com pessoas mais pobres e que "bugigangas" vendidas em sites asiáticos não competem com produtos nacionais
Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Novo Código Eleitoral será votado em 5 de junho na CCJ do Senado, diz Marcelo Castro

Projeto de Lei Complementar prevê quarentena de quatro anos para juízes, promotores, policiais e militares que quiserem concorrer em eleições
"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

"Espero que não transformem a tragédia do RS em palanque político", diz Marconi Perillo

Presidente do PSDB afirmou ao Perspectivas que torce por parceria entre Paulo Pimenta e Eduardo Leite
Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Caso Anic Herdy: celular foi usado após sumiço

Aparelho estava na casa de Lourival Fadiga, polícia crê que advogada sabia de todo o plano
Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Irmãos gêmeos são presos após sequestrar influenciadora no Rio de Janeiro

Dupla foi cercada em um motel na zona oeste, na quarta-feira (22)
PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

PF mira financiadores do 8 de janeiro em cinco estados na 27ª fase da Lesa Pátria

Na nova etapa, 20 endereços em SP, PR, MT, GO e RO são alvos de buscas e apreensões; dois investigados serão monitorados por tornozeleira eletrônica
PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

PF faz operação contra quadrilha especializada em fraudes contra INSS no Rio

Agentes cumprem nove mandados de prisão e nove de busca e apreensão de alvos suspeitos de desviar R$ 8 milhões
Publicidade
Publicidade