Publicidade

Governo irá reforçar combate à discriminação contra brasileiros em Portugal

Relatório mostra que 26% dos casos de racismo e xenofobia no país são relacionados à nacionalidade brasileira

Governo irá reforçar combate à discriminação contra brasileiros em Portugal
Anielle Franco na XIII Cimeira Luso-Brasileira
Publicidade

A ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, informou que o Governo Federal, por meio de seu consulado e em parceria com autoridades portuguesas, pretende reforçar o enfrentamento à discriminação contra brasileiros que vivem em Portugal. O anúncio foi feito neste domingo (23.abr), durante a XIII Cimeira Luso-Brasileira, cúpula que reúne representantes dos dois países, e que foi retomada após um hiato de 6 anos, em Lisboa.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O racismo e a xenofobia contra brasileiros foi tema de uma reunião entre Anielle e a ministra adjunta dos Assuntos Parlamentares de Portugal, Ana Catarina Mendes. De acordo com a ministra brasileira, algumas iniciativas portuguesas, como o observatório da Universidade de Lisboa, que analisa casos de discriminação, devem ser replicados no Brasil.

Os dois países também devem firmar um acordo bilateral para desenvolver estudos sobre o tema. "Foi uma reunião bastante produtiva, onde fizemos propostas essenciais, primordiais. Acolhemos também as demandas dos brasileiros e brasileiras que vivem aqui", afirmou Anielle Franco.

O ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, e a ministra da Cultura, Margareth Menezes, também participaram do encontro.

Em vídeo publicado nas redes sociais, Anielle Franco comentou sobre sua participação na XIII Cimeira Luso-Brasileira, e listou algumas propostas apresentadas pelo Ministério da Igualdade Racial. De acordo com a ministra, dentre os tópicos discutidos estão:

- Um protocolo de cooperação entre universidades brasileiras e portuguesas para criação de um observatório para o combate ao racismo e à xenofobia no Brasil;

- Uma estratégia nacional de combate ao racismo, com as boas práticas de Brasil e Portugal, para alinhar uma agenda de cooperação;

- Ações de cooperação de combate ao discurso de ódio e à violência política;

- Um acordo para facilitar trabalho e emprego entre países de língua portuguesa.
 

Discriminação contra brasileiros

Dados do Relatório Anual de 2021, produzido pela Comissão para Igualdade e Contra a Discriminação Racial (CICDR) de Portugal, explicam a importância da iniciativa anunciada por Anielle Franco.

Conforme o CICDR, órgão especializado no combate à discriminação racial em Portugal, os brasileiros são os principais alvos do racismo e da xenofobia no país - onde o local de origem dos estrangeiros é a causa de 39,2% das ocorrências.

O estudo mostra que, entre os elementos relacionados à raiz da discriminação, a nacionalidade brasileira corresponde a 26,7% dos ataques e ocupa o topo da lista. Em seguida, totalizando 16,4%, estão os grupos ciganos. Já a cor da pele negra é a causa de 15,9% dos casos de discriminação no país.

** Com informações da Agência Brasil
 

Leia também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
governo
governo federal
portugal
brasileiros em portugal
discriminação
racismo
xenofobia
preconceito
ministra da igualdade racial
anielle franco
governo lula
comissão para igualdade e contra a discriminação racial

Últimas notícias

Paul McCartney anuncia dois shows no Brasil; saiba onde e quando comprar

Paul McCartney anuncia dois shows no Brasil; saiba onde e quando comprar

Essa será a 37º apresentação do cantor no país; A última foi em dezembro do ano passado
Ministério da Pesca abre inscrição para concurso com salário inicial de R$ 6 mil

Ministério da Pesca abre inscrição para concurso com salário inicial de R$ 6 mil

Saiba detalhes e prazos para concorrer a uma das 264 vagas temporárias de nível superior em postos de serviço em Brasília e nos 26 estados
Servidores do Ibama iniciam greve nesta segunda-feira

Servidores do Ibama iniciam greve nesta segunda-feira

Até o dia 1º de julho, servidores de 18 estados vão iniciar paralisação por aumento salarial e reestruturação de carreira
Câmara deve aprovar regulamentação da reforma tributária antes do recesso parlamentar

Câmara deve aprovar regulamentação da reforma tributária antes do recesso parlamentar

Previsão é que os grupos de trabalho sobre os projetos enviados pelo governo federal apresentem seus relatórios na próxima semana
Famílias do Rio Grande do Sul podem se inscrever no Auxílio Reconstrução até terça

Famílias do Rio Grande do Sul podem se inscrever no Auxílio Reconstrução até terça

Benefício é de R$ 5,1 mil e cadastro das famílias deve ser feito pelas prefeituras
2,6 bilhões de pessoas não estão conectadas à internet, diz ONU

2,6 bilhões de pessoas não estão conectadas à internet, diz ONU

Estudo da UIT aponta que uso da inteligência artificial pode reduzir a exclusão digital no planeta
Incêndios no Pantanal: Mato Grosso do Sul decreta situação de emergência

Incêndios no Pantanal: Mato Grosso do Sul decreta situação de emergência

Uma das medidas é dar permissão ao Corpo de Bombeiros para adentrar casas e prestar socorro às vítimas. Decreto vale por 180 dias
'Bactéria comedora de carne': mulher é infectada após cortar tornozelo no jardim

'Bactéria comedora de carne': mulher é infectada após cortar tornozelo no jardim

Britânica Louise Fawcett passou por 6 cirurgias após ser diagnosticada com fasciíte necrosante
Prefeitura do Rio de Janeiro desapropria terreno do Gasômetro para construir estádio do Flamengo

Prefeitura do Rio de Janeiro desapropria terreno do Gasômetro para construir estádio do Flamengo

Imóvel está localizado na zona portuária da cidade; decreto foi publicado nesta segunda (24)
AliExpress e Magalu fecham acordo inédito e venderão produtos em ambos marketplaces; entenda

AliExpress e Magalu fecham acordo inédito e venderão produtos em ambos marketplaces; entenda

Mudança foi anunciada por meio de comunicado ao mercado; ações da varejista da família Trajano disparam
Publicidade
Publicidade