Publicidade

Cesta de Natal sobe acima da meta de inflação do ano, aponta Fipe

Maior variação foi no azeite de oliva, com alta de 48,28%; preço médio da cesta é de R$ 402, 45

Cesta de Natal sobe acima da meta de inflação do ano, aponta Fipe
Publicidade

Os preços da cesta de Natal apurados pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) da Usp, subiram 4,86% este ano. A medida é o segundo índice para o mês de dezembro (2ª quadrissemana) e a comparação é com o período de festas de fim de ano de 2022. Em termos da economia em geral, o resultado ficou acima do teto da meta estabelecida para a inflação pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), que é de 4,75%. 

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

A maior variação de preços foi do azeite de oliva extra virgem, 500 ml, que subiu 48,28%. Entre itens específicos das festas, o champagne, garrafa de 660 ml, teve alta de 15,71%. E o atum sólido, embalagem de 170g, subiu 11,48%. A caixa de morangos também teve alta expressiva, de 26,52%.

Os produtos da cesta de natal realmente subiram acima da inflação no período. Deve-se considerar que esses itens são bastante específicos e consumidos, em grande parte, apenas nesta época do ano. A maior contribuição para essa elevação veio do azeite de oliva (48,3%), causada por fatores climáticos nas áreas produtoras - Guilherme Moreira, Coordenador do Índice de Preços da Fipe

A maior queda apurada pela Fipe foi da caixa do kilo da uva, que baixou 17,47% de preço. Veja abaixo as tabelas completas.

Para efeito de comparação, a cesta básica pesquisada pelo convênio Procon-SP / Dieese subiu 0,87% em novembro. Em 12 meses,a mesma apuração registrou queda de 4,65%. O preço médio desta cesta básica passou de R$ 1.181,85 (31 de outubro) para R$ 1.192,08 (30 de novembro), último dado disponibilizado. É uma referência importante para que os consumidores avaliem as oscilações de preços e se programem para as compras. 

"No final de ano, tradicionalmente, os preços dos alimentos sobem. A causa é uma maior demanda em dezembro motivada pelas comemorações de final de ano. A expectativa é que esses preços tenham ligeira queda no início de 2024, devolvendo assim parte desses aumentos", completa Guilherme Moreira.  
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Economia

Últimas notícias

Frente fria atinge o Brasil no final de semana

Frente fria atinge o Brasil no final de semana

São Paulo e Curitiba devem bater recorde de temperaturas mais baixas do ano
Berinjela para conserva é o destaque da semana para compras em atacados

Berinjela para conserva é o destaque da semana para compras em atacados

Abobrinha italiana e berinjela também estão entre produtos favoráveis; confira lista completa
Exército de Israel afirma ter encontrado corpo de refém brasileiro do Hamas em Gaza

Exército de Israel afirma ter encontrado corpo de refém brasileiro do Hamas em Gaza

Forças de Defesa de Israel dizem que Michel Nisenbaum, de 59 anos, foi morto no ataque de 7 outubro de 2023
ENGANOSO: Janja não combinou cena com militar e cachorro para divulgar vídeo nas redes sociais

ENGANOSO: Janja não combinou cena com militar e cachorro para divulgar vídeo nas redes sociais

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: caos, novas inundações em Porto Alegre e alerta de mais chuvas no RS

Brasil Agora: caos, novas inundações em Porto Alegre e alerta de mais chuvas no RS

Programa do SBT News traz as primeiras notícias do dia nas primeiras horas da manhã
Incêndio atinge empresa de óleo para carros em Guarulhos (SP)

Incêndio atinge empresa de óleo para carros em Guarulhos (SP)

Foram deslocadas 18 viaturas dos Bombeiros; local fica próximo da rodovia Dutra e do aeroporto internacional
Com três dias de festa, ordem de desfile do carnaval 2025 do Rio é definida

Com três dias de festa, ordem de desfile do carnaval 2025 do Rio é definida

Próximo ano terá quatro escolas por noite na Sapucaí, de domingo a terça; promessa é de ingressos mais baratos
SBT News na TV: Chuva volta a provocar enchentes no RS; Lula diz que deve vetar taxação de importados

SBT News na TV: Chuva volta a provocar enchentes no RS; Lula diz que deve vetar taxação de importados

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta sexta-feira (24); assista!
Governo federal libera crédito de R$ 1,8 bi para recuperação do Rio Grande do Sul

Governo federal libera crédito de R$ 1,8 bi para recuperação do Rio Grande do Sul

Anúncio totalizou R$ 62,5 bilhões direcionados pela União ao enfrentamento da tragédia climática no estado
Dinheiro de acordos de leniência da Lava Jato deve ir para o RS, defende André Mendonça

Dinheiro de acordos de leniência da Lava Jato deve ir para o RS, defende André Mendonça

Ministro do STF fez a proposta nesta quinta-feira (23) em audiência de conciliação com entes públicos e empresas investigadas na operação
Publicidade
Publicidade