Publicidade

"Todo mundo sabe que não vai cumprir a meta", diz líder da oposição sobre déficit de contas

Senador Rogério Marinho disse que PT não tem responsabilidade fiscal e criticou possível mudança em gastos

"Todo mundo sabe que não vai cumprir a meta", diz líder da oposição sobre déficit de contas
Rogério Marinho | Agência Senado
Publicidade

O senador Rogério Marinho (PL-RN), que lidera a oposição no Senado, criticou a possibilidade de mudança no déficit das contas públicas por parte do governo. Em declarações dadas nesta 3ª feira (14.nov), o congressista disse acreditar que o déficit deve deixar de ser zero, e que o governo não deve cumprir a meta.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

"Todo mundo sabe que não vai cumprir a meta, que vai aumentar geometricamente a nossa dívida pública, que vamos perder o controle da inflação, dos juros, que vai resolver de forma negativa o tracionamento da economia, que nós vamos ter dificuldades para fechar as contas públicas e o governo continua gastando como se não houvesse amanhã", declarou Marinho.

O senador também defendeu que uma possível alteração do estipulado ao déficit deve ser levada adiante pelo próprio governo, e não definida pelo Congresso. "Foi o governo quem estabeleceu essa meta através da votação no arcabouço", declarou. Marinho ainda acusou o Partido dos Trabalhadores de não ter "responsabilidade fiscal".

A possibilidade de mudança na meta fiscal zero segue incerta. O tema ganhou destaque no início do mês, após falas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que dificilmente o governo chegaria ao déficit fiscal zero. A meta foi estabelecida pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e levada adiante nas votações da nova regra de gastos. Líderes do Congresso pressionam para que não haja mudança.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
congresso
rogério marinho
fiscal
déficit fiscal
contas públicas
orçamento
contas 2024

Últimas notícias

Dólar fecha a R$ 5,60, com alta influenciada por apagão cibernético e temor fiscal

Dólar fecha a R$ 5,60, com alta influenciada por apagão cibernético e temor fiscal

Ganho diário foi de 0,3% nesta sexta; acúmulo semanal chegou a 3,2%
Apagão interrompeu programação de veículos de comunicação pelo mundo

Apagão interrompeu programação de veículos de comunicação pelo mundo

O canal de notícias Sky News, que opera em países de língua inglesa, chegou a ficar fora do ar no mundo inteiro
Tempo deve seguir firme em quase todo o Brasil no fim de semana

Tempo deve seguir firme em quase todo o Brasil no fim de semana

Cenário deve durar até o início da semana que vem
Ataque com drone reivindicado pelos houthis do Iêmen deixa um morto em Tel Aviv

Ataque com drone reivindicado pelos houthis do Iêmen deixa um morto em Tel Aviv

O dispositivo foi detectado pelo Exército israelense, mas “uma falha humana” impediu o acionamento dos sistemas de interceptação e defesa
MG pede ao STF nova prorrogação para renegociar dívida com governo federal

MG pede ao STF nova prorrogação para renegociar dívida com governo federal

Prazo se encerra em 1º de agosto, mas estado pede mais 27 dias
Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Seis concorrentes alegam que a empresa vencedora do pregão foi beneficiada; ouvidor diz que vai pedir revisão do processo
Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Dois homens fugiam da polícia quando começou o confronto
 Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Voto é facultativo para população com 16 e 17 anos
Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Ministério declarou emergência zoossanitária no Rio Grande do Sul, por 90 dias, devido à detecção da doença
Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Presidente do PT fez uma série de acusações ao citar investigações da PF contra família Bolsonaro
Publicidade
Publicidade