Publicidade

Braga Netto coordenou QG do Golpe, diz relatório da CPMI do 8 de janeiro

Eliziane Gama sustenta que o candidato a vice de Bolsonaro recebia golpistas em casa que foi comitê de campanha

Braga Netto coordenou QG do Golpe, diz relatório da CPMI do 8 de janeiro
Braga Netto, ex-ministro de Bolsonaro e candidato a vice na chapa | Presidência
Publicidade

A lista com pedido para indiciamentos tem vários militares que acompanharam o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) até o fim do mandato. A senadora Eliziane Gama (PSD-MA), relatora da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do 8 de janeiro, recomenda que o general Walter Souza Braga Netto seja responsabilizado por associação criminosa, abolição violenta do Estado Democrático de Direito e golpe de Estado, todas condutas dolosas, por aderir subjetivamente às posturas criminosas de Bolsonaro.

Segundo o documento, Braga Netto usou uma casa situada no Lago Sul, região nobre de Brasília, alugada para sediar o comitê de campanha de Jair Bolsonaro à reeleição, para discutir como implementar planos antidemocráticos. No relatório, Eliziane Gama sustenta que neste endereço funcionava o QG do Golpe. 

O militar também teria discutido com apoiadores do ex-presidente Bolsonaro a aplicação do instrumento de Estado de Defesa, fazendo a distorção do artido 136 da Constituição Federal, o que depois foi formalizado na minuta de golpe encontrada na casa do ex-ministro da Justiça Anderson Torres.

A relatora também diz que Braga Netto incentivou a permanência dos acampados em frente aos quartéis do Exército. O documento cita as declarações feitas pelo militar em 19 de novembro de 2022, quando Braga Netto esteve no Palácio da Alvorada e o general disse para apoiadores de Bolsonaro não "perderem a fé".

Braga Netto foi procurado pelo SBT News, mas não deve se posicionar sobre o relatório.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
marcia-lorenzatto
nathalia-fruet
cpmi
8dejaneiro
relatorio
braga
netto
general
vice

Últimas notícias

Dólar fecha a R$ 5,60, com alta influenciada por apagão cibernético e temor fiscal

Dólar fecha a R$ 5,60, com alta influenciada por apagão cibernético e temor fiscal

Ganho diário foi de 0,3% nesta sexta; acúmulo semanal chegou a 3,2%
Apagão interrompeu programação de veículos de comunicação pelo mundo

Apagão interrompeu programação de veículos de comunicação pelo mundo

O canal de notícias Sky News, que opera em países de língua inglesa, chegou a ficar fora do ar no mundo inteiro
Tempo deve seguir firme em quase todo o Brasil no fim de semana

Tempo deve seguir firme em quase todo o Brasil no fim de semana

Cenário deve durar até o início da semana que vem
Ataque com drone reivindicado pelos houthis do Iêmen deixa um morto em Tel Aviv

Ataque com drone reivindicado pelos houthis do Iêmen deixa um morto em Tel Aviv

O dispositivo foi detectado pelo Exército israelense, mas “uma falha humana” impediu o acionamento dos sistemas de interceptação e defesa
MG pede ao STF nova prorrogação para renegociar dívida com governo federal

MG pede ao STF nova prorrogação para renegociar dívida com governo federal

Prazo se encerra em 1º de agosto, mas estado pede mais 27 dias
Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Seis concorrentes alegam que a empresa vencedora do pregão foi beneficiada; ouvidor diz que vai pedir revisão do processo
Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Dois homens fugiam da polícia quando começou o confronto
 Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Voto é facultativo para população com 16 e 17 anos
Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Ministério declarou emergência zoossanitária no Rio Grande do Sul, por 90 dias, devido à detecção da doença
Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Presidente do PT fez uma série de acusações ao citar investigações da PF contra família Bolsonaro
Publicidade
Publicidade