Publicidade

VÍDEO: Filhote de arara azul ameaçada de extinção nasce em Zoo de SP

Zoológico da capital paulista é o único a reproduzir a arara-azul-de-lear em todo o continente americano

VÍDEO: Filhote de arara azul ameaçada de extinção nasce em Zoo de SP
Publicidade

Um filhote de arara-azul-de-lear nasceu neste sábado (16) no Zoológico de São Paulo. A espécie, natural do Brasil, está ameaçada de extinção e, por isso, faz parte de um programa de conservação para reintrodução das aves em seu habitat natural. (Veja vídeo abaixo).

O Zoo de São Paulo é o único zoológico a reproduzir a arara-azul-de-lear em todo o continente americano. O nascimento aconteceu na noite de ontem, dia especial para a instituição, que completa 66 anos.

"Nós amamos essa notícia, e ficamos ainda mais felizes que tenha acontecido em um dia tão importante como o nosso aniversário de 66 anos", afirmaram.

Ainda não é possível saber o sexo do filhote. Posteriormente, isso será verificado por meio de um exame de DNA.

Os papais, Maria Clara e Francisco, vivem no Zoo. Vítimas do tráfico de animais, eles chegaram ao local em 2004 e 2006, respectivamente.

Maria Clara e Francisco, casal de araras do Zoo de SP | Divulgação
Maria Clara e Francisco, casal de araras do Zoo de SP | Divulgação

A arara-azul-de-lear (Anodorhynchus leari), originária da caatinga baiana, é um alvo fácil de comércio ilegal e, consequentemente, está entre as aves brasileiras em perigo de extinção. Em 2022, a população da espécie era estimada em cerca de 2,2 mil indivíduos.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Animais
Zoológico
São Paulo

Últimas notícias

Polícia argentina usa gás de pimenta para reprimir protestos contra a Lei de Bases

Polícia argentina usa gás de pimenta para reprimir protestos contra a Lei de Bases

Pacote de reformas enviado pelo governo Milei está em debate no Senado
Tarcísio autoriza abertura de licitação para privatizar gestão de 33 novas escolas

Tarcísio autoriza abertura de licitação para privatizar gestão de 33 novas escolas

O prazo de concessão será de 25 anos, de acordo com a Secretaria de Educação do estado
Alexandre de Moraes prorroga mais uma vez inquéritos das fake news e milícias digitais

Alexandre de Moraes prorroga mais uma vez inquéritos das fake news e milícias digitais

O ministro deu mais 180 dias para conclusão das investigações, atendendo a pedido feito pela Polícia Federal (PF)
Lula: “O Brasil não vai desperdiçar oportunidade de se tornar uma grande economia”

Lula: “O Brasil não vai desperdiçar oportunidade de se tornar uma grande economia”

Presidente brasileiro participou de abertura de evento no Rio de Janeiro que reúne investidores árabes e brasileiros
Senado aprova projeto que obriga restaurantes a terem cartaz ensinando manobra de desengasgo

Senado aprova projeto que obriga restaurantes a terem cartaz ensinando manobra de desengasgo

Texto foi aprovado na forma de um substitutivo da relatora, senadora Damares Alves (Republicanos-DF), e volta agora à Câmara dos Deputados
Erika Hilton processa Nikolas Ferreira por crime de transfobia e cobra indenização de R$ 5 milhões

Erika Hilton processa Nikolas Ferreira por crime de transfobia e cobra indenização de R$ 5 milhões

A acusação da deputada foi após uma fala de Nikolas na reunião da Comissão da Defesa dos Direitos das Mulheres, na última quarta-feira
"Queremos liderar a transição energética", diz Mercadante, presidente do BNDES

"Queremos liderar a transição energética", diz Mercadante, presidente do BNDES

Executivo destacou investimentos do banco de desenvolvimento em energia limpa e disse que Brasil está aberto para parcerias comerciais
Câmara aprova urgência de projeto que iguala aborto ao crime de homicídio

Câmara aprova urgência de projeto que iguala aborto ao crime de homicídio

Defendida por conservadores, proposta agrava punição para pausa na gravidez com mais de 22 semanas
Câmara aprova urgência de projeto que restringe delações premiadas de presos

Câmara aprova urgência de projeto que restringe delações premiadas de presos

Texto limita ações da Justiça e coloca acordo como alternativa apenas em casos voluntários, além de oferecer recurso a afetados por delações
Dólar sobe e fecha cotado a R$ 5,40 com preocupação com os gastos do governo

Dólar sobe e fecha cotado a R$ 5,40 com preocupação com os gastos do governo

No exterior, a perspectiva de um corte mais lento na taxa de juros dos Estados Unidos também teve impacto
Publicidade
Publicidade