Publicidade

Adolescente que matou família planejou crime "há anos", diz polícia

Crime teria sido motivado após pais retirarem celular e computador do rapaz de 16 anos; pai, mãe e irmã foram mortos a tiros

Adolescente que matou família planejou crime "há anos", diz polícia
Publicidade

Uma fonte da Polícia Militar, que conversou de forma informal com o adolescente que matou o pai, a mãe e a irmã na zona oeste de São Paulo, afirmou que o rapaz planejava o crime "há anos". Ele tem 16 anos.

+ Motociclista que roubou Rolex de motorista de Lamborghini é identificado De acordo com o Boletim de Ocorrências, o jovem declarou que matou os pais adotivos e a irmã porque estava com raiva deles, já que haviam retirado o computador e o celular que ele utilizava. Além disso, ele teria sido chamado de vagabundo pelos pais.

Segundo o relato do adolescente à polícia, o pai foi baleado na nuca e, depois, ele subiu para o outro andar da casa e disparou contra a irmã, que saía do quarto. A jovem foi atingida com um tiro na cabeça.

A mãe não estava em casa no momento. A arma usada no crime pertence ao pai, que era GCM. De acordo com o Boletim de Ocorrências, ela pertence à GCM de Jundiaí (SP).

As duas primeiras mortes ocorreram por volta das 13h30 de sexta-feira (17). A mãe voltou por volta das 19h. Ela foi recepcionada pelo adolescente na porta de casa. Ao entrar, encontrou o companheiro morto. Tentou socorrê-lo, mas foi baleada pelo filho com um tiro na nuca.

O rapaz relatou aos policiais, de maneira informal, que, além de ter ido à padaria, pediu comida por aplicativo, ou seja: o entregador foi ao local sem saber que tinham três pessoas mortas dentro do imóvel. No dia seguinte, foi à academia.

adolescente-mata-familia-sp.jpg
adolescente-mata-familia-sp.jpg

O crime

Um adolescente de 16 anos matou o pai, a mãe e a irmã, na Vila Jaguara, zona oeste de São Paulo. A tragédia familiar ocorreu na sexta-feira (17).

Após cometer os assassinatos, o autor ainda foi à padaria comprar pão e à academia. Três dias depois, o próprio suspeito ligou para a polícia e confessou o crime.

O carro da família foi visto estacionado, pela mãe, na sexta. Desde então, os vizinhos não viram movimentação na casa. O silêncio durou três dias até que o filho de 16 anos, que se diz adotivo, ligou para a Polícia Militar dizendo que havia assassinado o pai - um Guarda Civil Municipal (GCM) da cidade de Jundiaí - a mãe e a irmã.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Polícia
Crime
Investigação
Adolescente
Tragédia
Zona Oeste
São Paulo

Últimas notícias

Enfermeira que desapareceu após dívidas do “jogo do tigrinho” volta para casa

Enfermeira que desapareceu após dívidas do “jogo do tigrinho” volta para casa

Mulher estava desaparecida há oito dias; ela saiu de Piracicaba, no interior de SP, e foi para o Mato Grosso do Sul
Suspeito de matar PM durante discussão em adega é preso

Suspeito de matar PM durante discussão em adega é preso

Policial foi morto com tiros da própria arma durante briga na zona leste de SP; dono do local também foi detido
Novo Ensino Médio: relator na Câmara critica carga horária em cursos técnicos e espanhol obrigatório

Novo Ensino Médio: relator na Câmara critica carga horária em cursos técnicos e espanhol obrigatório

Mendonça Filho (União Brasil-PE) quer reverter mudanças feitas pelo Senado no texto e que votação ocorra antes do recesso parlamentar
André Mendonça toma posse como titular do TSE nesta terça (25)

André Mendonça toma posse como titular do TSE nesta terça (25)

O ministro, que já compõe a corte eleitoral como substituto, ocupará a cadeira deixada por Alexandre de Moraes
Incêndio destrói centenas de moradias na zona sul de SP

Incêndio destrói centenas de moradias na zona sul de SP

Foram necessárias 16 equipes do Corpo de Bombeiros para combater as chamas; ninguém se feriu na tragédia
CONTEXTUALIZANDO: Hotel em que Lula ficou na Itália tem diárias de até R$ 2,5 mil, e não de mais de R$ 71 mil

CONTEXTUALIZANDO: Hotel em que Lula ficou na Itália tem diárias de até R$ 2,5 mil, e não de mais de R$ 71 mil

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: STF volta a julgar porte de maconha, fogo no Pantanal e mais notícias do dia

Brasil Agora: STF volta a julgar porte de maconha, fogo no Pantanal e mais notícias do dia

Confira esses e outros destaques no programa matinal do SBT News, com apresentação de Murilo Fagundes e comentários de Iasmin Costa
STF retoma julgamento sobre descriminalização da maconha nesta terça (25)

STF retoma julgamento sobre descriminalização da maconha nesta terça (25)

Os ministros estão a um voto de derrubar o caráter criminal do porte da erva para consumo próprio; faltam votar Luiz Fux e Cármen Lúcia
SBT News na TV: Cidades do Rio Grande do Sul entram em alerta para novas inundações

SBT News na TV: Cidades do Rio Grande do Sul entram em alerta para novas inundações

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta terça-feira (25); assista!
Condenado por matar pai e madrasta, Gil Rugai passeia com família e amigos durante saidinha

Condenado por matar pai e madrasta, Gil Rugai passeia com família e amigos durante saidinha

SBT acompanhou com exclusividade a rotina de Gil Rugai durante sua última saída temporária do presídio
Publicidade
Publicidade