Publicidade

Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes

Ação pretende coletar pacotes de ajuda e conta com a participação de cerca de 300 voluntários

Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes
Emirados Árabes Unidos organizam ajuda ao RS I Agência de Notícias dos Emirados (WAM)
Publicidade

Com o lema "Apoio ao estado brasileiro do Rio Grande do Sul", os Emirados Árabes Unidos lançaram uma ação de ajuda humanitária na intenção é lidar com o impacto das recentes chuvas. O esforço é organizado em colaboração entre o Ministério das Relações Exteriores, o Departamento de Atividades Beneficentes Islâmicas em Dubai, a Expo City Dubai e inclui a participação do programa de voluntariado “Day for Dubai” – e membros da comunidade brasileira nos Emirados Árabes Unidos.

+ SBT e Agência de Notícias dos Emirados assinam acordo para reforçar intercâmbio de notícias

A iniciativa pretende coletar pacotes de ajuda, incluindo alimentos e itens essenciais para crianças e mulheres. Tal empenho conta com a participação de cerca de 300 voluntários no Centro de Exposições de Dubai, na Expo City. Os pacotes serão então enviados ao Brasil.

O ministro assistente de Relações Exteriores para Assuntos de Desenvolvimento e Organizações Internacionais, Sultan Al Shamsi declarou que "essa iniciativa reflete a parceria estratégica profundamente enraizada entre os Emirados Árabes Unidos e o Brasil e destaca os esforços contínuos dos Emirados para fornecer respostas rápidas a desastres naturais onde quer que eles ocorram no mundo".

+ Municípios do Rio Grande do Sul já receberam quase R$ 200 milhões em ajuda do governo federal

Al Shamsi ainda acrescentou que, nos últimos dias, duas aeronaves transportando 200 toneladas de alimentos e suprimentos médicos, geradores elétricos e equipamentos de iluminação solar enviados ao Brasil.

Já Sidney Leon Romeiro, embaixador da República Federativa do Brasil nos Emirados Árabes Unidos, afirmou: "Em nome do Governo do Brasil, estendo nossa sincera gratidão ao governo e ao povo dos Emirados Árabes Unidos por sua generosa doação humanitária ao estado do Rio Grande do Sul.

Cerca de 300 voluntários auxiliam na ajuda humanitária dos Emirados Arábes Unidos I Agência de Notícias dos Emirados (WAM)
Cerca de 300 voluntários auxiliam na ajuda humanitária dos Emirados Arábes Unidos I Agência de Notícias dos Emirados (WAM)

Para ele, a campanha é uma demonstração de empatia iniciada pelo xeique Mohamed bin Zayed al Nahyan, que chega em um momento crucial em que as águas começam a recuar e revelar a amplitude da devastação e as severas dificuldades que estão por vir. “O apoio imediato e oportuno oferecido pelos Emirados Árabes Unidos ressalta a forte amizade entre nossos países. Esse gesto de bondade e solidariedade será lembrado para sempre nos corações e mentes do povo brasileiro”, completou.

Ajuda de todos os lados

A nação árabe, no entanto, não foi a única a estender a mão aos gaúchos. O Uruguai, por exemplo, foi um dos primeiros parceiros internacionais a oferecer ajuda oficial. O país sul-americano emprestou um helicóptero para auxílio dos socorristas. Além do aparelho, o governo uruguaiano enviou equipes de resgates e ofereceu um avião, embarcações e drones. Por questões técnicas, nem todos os equipamentos chegaram a ser colocados em uso.

+ Governo nega que tenha recusado ajuda do Uruguai ao Rio Grande do Sul

Argentina, Chile, Paraguai e Venezuela também se prestaram para ajudar. Os Estados Unidos doaram o equivalente a R$ 619 mil para ajuda humanitária. O Vaticano enviou cerca de R$ 600 mil para as paróquias do estado sulista ajudarem afetados.

+ Presidente dos EUA se solidariza com as vítimas das enchentes no RS; veja declaração na íntegra

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Mundo
ajuda humanitária
Auxílio social
Brasil

Últimas notícias

Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 53 milhões nesta terça-feira (18)

Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 53 milhões nesta terça-feira (18)

Apostas podem ser feitas em casas lotéricas ou pela internet até as 19h
Brasil Agora: Idealizadores de plano de sequestro de Moro são mortos na prisão

Brasil Agora: Idealizadores de plano de sequestro de Moro são mortos na prisão

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta terça-feira (18)
Mauro Cid e pai prestam novo depoimento à PF sobre caso das joias sauditas

Mauro Cid e pai prestam novo depoimento à PF sobre caso das joias sauditas

Agentes identificaram mais um item que teria sido colocada à venda ilegalmente pelos auxiliares de Bolsonaro
Putin elogia Coreia do Norte por apoio em guerra contra Ucrânia

Putin elogia Coreia do Norte por apoio em guerra contra Ucrânia

Presidente russo também alfinetou países ocidentais, dizendo que o plano de isolar Moscou não funcionou
Corpo de Jacqueline Laurence será velado no Teatro Tablado, no RJ, nesta terça-feira (18)

Corpo de Jacqueline Laurence será velado no Teatro Tablado, no RJ, nesta terça-feira (18)

Cerimônia ocorrerá das 10h e 14h e será aberta ao público; crematório será reservado aos familiares
Nota Fiscal Paulista libera R$ 34,7 milhões em créditos; veja como resgatar

Nota Fiscal Paulista libera R$ 34,7 milhões em créditos; veja como resgatar

Valor é referente às compras realizadas em fevereiro de 2024 e ficará disponível para transferência por um ano
Coreia do Sul volta a fazer disparos de advertência após norte-coreanos cruzarem fronteira

Coreia do Sul volta a fazer disparos de advertência após norte-coreanos cruzarem fronteira

Militares recuaram após os tiros; Seul acredita que violação não foi intencional
SBT News na TV: chuvas voltam ao RS e provocam novos alagamentos

SBT News na TV: chuvas voltam ao RS e provocam novos alagamentos

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta terça-feira (18); assista!
Brasil se aproxima de 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue em 2024

Brasil se aproxima de 6 milhões de casos e 4 mil mortes por dengue em 2024

Números são maiores que os registrados em todo o ano de 2023
STF recebe queixa-crime de Bolsonaro contra Janones por crime de injúria

STF recebe queixa-crime de Bolsonaro contra Janones por crime de injúria

Deputado chamou ex-presidente de “assassino”, “miliciano” e “ladrãozinho de joias”; imunidade parlamentar foi rejeitada
Publicidade
Publicidade