Publicidade

Empresas em Cuba são "atualização do socialismo", dizem especialistas

Objetivo das 32 companhias privadas é conseguir melhorar a combalida economia do país

Empresas em Cuba são "atualização do socialismo", dizem especialistas
a imagem mostra o prédio do Capitólio de Cuba
Publicidade

Em entrevista ao SBT News, especialistas avaliam que o surgimento de 32 novas empresas privadas em Cuba são uma "atualização do socialismo". As novas medidas adotadas pelo governo de Miguel Díaz-Canel tentam reformular o sistema econômico cubano, plano este que teve início com Raúl Castro, ex-presidente do país.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Segundo a professora doutora em História Econômica pela Universidade São Paulo (USP), Joana Salém Vasconcelos, a aprovação não é uma surpresa e sim uma continuidade de um trabalho que ruma a política interna à maior abertura para o setor privado. "As novas empresas representam o avanço do experimento de um socialismo capaz de conviver com o setor privado dentro de uma economia planificada e controlada pelo Estado", concluiu a estudiosa.

Para Elias Jabbour, professor da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FCE-UERJ), as medidas de Cuba vão além de uma tentativa de legalização da propriedade privada, mas também consiste na criação de leis para regulamentar e fiscalizar esse tipo de empresa. O que os cubanos estão fazendo atualmente, para o especialista, é tentar criar marcos institucionais que viabilizam uma segurança jurídica para o acúmulo privado. 

Novas medidas

Após 52 anos das estatizações, Cuba anunciou, em 29.set, a aprovação da criação de 35 novas micro, pequenas e médias empresas (MPMEs), entre elas as 32 primeiras entidades privadas. A autorização está baseada em normas que entraram em vigor em 20.set, que consolidam a regulamentação jurídica do setor privado individual e cooperativo no país.

Segundo o Vice-Primeiro Ministro e chefe do Ministério de Economia e Planificação de Cuba (MEP), Alejandro Gil, em fala divulgada na Prensa Latina, o objetivo das medidas é conseguir uma economia eficiente e diversificada, com maior competitividade através de incentivos financeiros. Entre as novas possibilidades está a reconversão do trabalho por conta própria em MPMEs, o que beneficia os mais de 600 mil trabalhadores autônomos cubanos. 

Sobre as empreas

As novas entidades estão distribuídas em 11 das 15 províncias de Cuba. O MEP destaca que, nesse primeiro grupo de novos negócios, será priorizada a produção de alimentos, empresas de base tecnológicas ligadas à manufatura aditiva, robótica, geração de novos materiais e em parques tecnológicos. Das 35 MPMEs criadas 20 são uma reconversão do trabalho autônomo, enquanto as outras 15 são novas criações. 

De acordo com Jabbour as medidas de abertura econômica ao setor privado vão em busca de tentar solucionar a questão do abastecimento alimentar do país, principal problema cubano na atualidade. Nesse viés, vale observar que, desses novos negócios abertos, 13 empresas são dedicadas à produção de alimentos. 

Impactos no PIB

Jabbour ressalta que o Produto Interno Bruto (PIB) cubano ainda é movido pelo do turismo, setor afetado pela pandemia, ocasionando em uma queda de aproximadamente 11% em 2020, segundo maior decréscimo da história do país. Dessa forma, ele afirma que as medidas econômicas ainda são primárias para um impacto no PIB. Joana Salém ainda complementa que a mudança é lenta e que os impactos das novas regulamentações são sutis. 

Desde o primeiro dia de vigor das novas normas jurídicas, Alejandro Gil afirma que 75 solicitações para a criação de MPMEs foram recebidas. Ele ressalta que nenhum pedido foi negado e os que ainda não foram aprovados seguem em tramitação. Para viabilizar a implantação das novas medidas o MEP desenvolveu a Plataforma de Atores Econômicos (PAE), que está disponível desde o dia 20.set, sendo esse o principal meio de realizar pedidos de constituição de micro, pequenas e médias empresas no país. 
 

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
gabriel-sponton
abre
autoriza
empresas
privadas
criação
sbtnews
mundo
economia
cuba

Últimas notícias

Caixa libera Bolsa Família de junho para beneficiários com NIS final 3

Caixa libera Bolsa Família de junho para beneficiários com NIS final 3

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Mega-Sena acumula e chega a R$ 60 milhões; veja os números sorteados

Mega-Sena acumula e chega a R$ 60 milhões; veja os números sorteados

Quina teve 75 apostas ganhadoras, que vão receber mais de R$ 41 cada
De nudez no SuperBowl a aborto forçado: relembre polêmicas de Justin Timberlake

De nudez no SuperBowl a aborto forçado: relembre polêmicas de Justin Timberlake

Cantor foi detido por dirigir embriagado. Mas a prisão foi somente mais um episódio controverso na carreira do astro
Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Cinco cidades baianas estão à frente. Taxas superaram 50 homicídios por 100 mil habitantes em 2022, segundo Atlas da Violência
Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Atualmente no cargo, Marinho se afasta do cargo por 120 dias para se dedicar às eleições municipais
Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Presidente do Senado se posicionou acerca do polêmico tema diante de parte da bancada feminina da Casa
Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Agentes realizavam operação contra estabelecimentos comerciais que receptavam e revendiam roupas de grifes roubadas
Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação
Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Nove equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e conseguiram conter o fogo no local
Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

No ranking com 56 países, o Brasil aparece na 44ª colocação, empatado com Peru, Panamá e Arábia Saudita
Publicidade
Publicidade