Publicidade

Alexandre de Moraes determina a prisão de Anderson Torres

Ex-ministro da Justiça assumiu a Segurança do DF, mudou cúpula e viajou, conforme mostrou o SBT News

Alexandre de Moraes determina a prisão de Anderson Torres
Anderson Torres
Publicidade

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a prisão preventiva do ex-secretário de Segurança do Distrito Federal Anderson Torres. Na tarde desta 3ª feira (10.jan), a Polícia Federal cumpriu mandado de busca e apreensão em sua residência, em Brasília. No final do dia, Torres informou que vai voltar dos Estados Unidos para se apresentar à polícia e cuidar de sua defesa.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O pedido de prisão foi feito pelo novo diretor-geral da PF, Andrei Passos Rodrigues. Moraes afirma que, no pedido, a PF "aponta as diversas omissões, em tese dolosas, praticadas pelos responsáveis pela segurança pública no Distrito Federal e que contribuíram para a prática dos atos terroristas desse 8 de janeiro de 2023".

Torres é ex-ministro de Justiça do governo Bolsonaro e assumiu a Secretaria e Segurança Pública (SSP-DF) na semana passada - cargo que já havia ocupado. Conforme mostrou o SBT News, ele mudou a cúpula do órgão e em seguida viajou para os Estados Unidos.

Na noite desta 3ª feira, Torres publicou uma nota em rede social, informando que voltaria dos Estados Unidos para se apresentar à PF

"Hoje (10/01), recebi notícia de que o Min Alexandre de Moraes do STF determinou minha prisão e autorizou busca em minha residência. Tomei a decisão de interromper minhas férias e retornar ao Brasil. Irei me apresentar à justiça e cuidar da minha defesa", Anderson Torres, ex-secretário de Segurança do DF e ex-ministro da Justiça

Torres afirma que sempre pautou suas ações "pela ética e pela legalidade".  "Acredito na justiça brasileira e na força das instituições. Estou certo de que a verdade prevalecerá."

torrew

Prisões

Alexandre de Moraes também pediu a prisão do ex-comandante da Polícia Militar Fábio Augusto Vieira, que estava no posto quando bolsonaristas depredaram as sedes dos Três Poderes. Ele foi exonerado e substituído pelo coronel Klepter Rosa Gonçalves, por ordem do interventor federal na área de segurança do DF, Ricardo Cappelli. 

Segundo o ministro do Supremo, "os comportamentos de Anderson Torres e Fábio Vieira são gravíssimos e podem colocar em risco, inclusive, a vida do presidente da República, dos deputados federais e seenadores e dos ministros do Supremo Tribunal Federal".

As decisões do STF foram tomadas após a invasão e destruição dos prédios do Planalto, do Congresso e do STF no último domingo (8.jan). Cerca de 1,5 mil pessoas foram detidas entre o domingo e a última 2ª feira (9.jan), data em que também foi desmontado o acampamento de apoioadores do ex-presidente Jair Bolsonaro, em frente ao quartel do Exército em Brasília.

+ Omissão dolosa e criminosa, diz Moraes em ordem de prisão contra Torres/

As invasões na Praça dos Três Poderes ocorreu no fim da tarde do domingo e resultou em destruição de bens e danos aos prédios públicos e ao patrimônio - entre eles, obras de artes.

"Circunstâncias que somente poderiam ocorrer com a anuência, e até participação efetiva, das autoridades competentes pela segurança pública e inteligência, uma vez que a organização das supostas manifestações era fato notório e sabido, que foi divulgado pela mídia brasileira", escreveu Moraes.

Na decisão, o ministro afirma que "há fortes indícios de que as condutas dos terroristas criminosos só puderam ocorrer mediante participação ou omissão dolosa -- o que será apurado nestes autos -- das autoridades públicas mencionadas". 

Interventor

O interventor para a área de segurança no DF, Ricardo Cappelli, disse na manhã desta 3ª feira que a intervenção decretada pelo governo federal foi necessária para retomar a "linha de comando e autoridade sobre as forças de segurança do Distrito Federal".

"Até porque o secretário de Segurança sequer estava no comando. Ele estava fora do Brasil. Ele exonerou boa parte da direção da secretaria, assim que assumiu, no dia, 2 e, logo em seguida, viajou."

O interventor participou da posse do novo diretor-geral da PF, que teve também a presença de Moraes e do ministro da Justiça, Flávio Dino. Cappello disse que a ausência de Torres não "parece razoável". "Não parece coincidência que o que aconteceu no domingo seja obra do acaso. Acho que tem responsabilidades graves e nós vamos apurar todas. Vamos até as últimas consequências para apurar as responsabilidades, que é, sobretudo, do comando, e não da tropa", explicou Cappelli.

Leia também

+ Poder Expresso: PF faz operação na casa do ex-ministro Anderson Torres

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

intervenção
portalnews
governo
andersontorres
atosgolpistas
alexandredemoraes
stf
ricardo-brandt
pf

Últimas notícias

Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Durante convenção partidária, Paes falou sobre ter cumprido ou não propostas feitas nas eleições municipais de 2020
Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Cristais amarelos de enxofre puro foram revelados após o rover Curiosity passar sobre uma rocha
Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Segundo as investigações, o homem utilizava o veículo para guiar os assaltantes até as casas que seriam roubadas
Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

O motim foi o primeiro em quatro anos, em São Paulo, segundo o Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (SIFUSPESP)
Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Motivos do pouso de emergência estão sendo investigados pelos órgãos competentes
Ministério da Saúde atualiza caderneta infantil; saiba qual a importância de manter a vacinação em dia

Ministério da Saúde atualiza caderneta infantil; saiba qual a importância de manter a vacinação em dia

A distribuição dos exemplares em versão física da caderneta foi retomada neste ano
PF prende homem com dinheiro falso em Minas Gerais

PF prende homem com dinheiro falso em Minas Gerais

Suspeito foi conduzido para a Delegacia de Polícia Federal de Montes Claros, no norte do estado
Dia do Amigo é celebrado no Brasil neste sábado; entenda origem da data

Dia do Amigo é celebrado no Brasil neste sábado; entenda origem da data

Celebração é diferente da comemorada pela Organização das Nações Unidas (ONU)
Morre Moacir, ex-jogador do Atlético Mineiro, aos 54 anos

Morre Moacir, ex-jogador do Atlético Mineiro, aos 54 anos

Volante ganhou o Campeonato Mineiro por três vezes e a Copa Conmebol pelo clube
Polícia Federal brasileira atua na segurança dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris

Polícia Federal brasileira atua na segurança dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris

Agentes da corporação vão executar ações de segurança pública, cooperação internacional e atividades de inteligência
Publicidade
Publicidade