Publicidade

Otan vai aumentar presença militar na fronteira com a Rússia

Moscou foi classificada como "ameaça direta" à aliança, que também vê China como um desafio à segurança e valores do Ocidente

Otan vai aumentar presença militar na fronteira com a Rússia
Jens Stoltenberg durante cúpula da Otan em Madrid
Publicidade

A Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) anunciou na 4ªfeira (29.jun) um plano para aumentar em quase oito vezes o tamanho da força de reação rápida da aliança, de 40.000 para 300.000 soldados, até 2023.  Uma nova formação militar que tem como objetivo combater a Rússia, que foi classificada como "ameaça mais significativa e direta" à aliança.

+ Leia as últimas notícias sobre a guerra na Ucrânia
+ Rússia vê adesão da Suécia e Finlândia à Otan como "desestabilizadora"

As tropas estarão baseadas em seus países de origem, mas dedicadas a países específicos do leste, onde a aliança planeja acumular estoques de equipamentos e munições, isto significa o aumento de tropas na Espanha, Polônia, Romênia, nos Estados bálticos, no Reino Unido, Alemanha e Itália.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cujo país fornece a maior parte do poder de fogo da Otan, anunciou um forte aumento na presença militar do país na Europa, incluindo uma base permanente na Polônia, mais dois destróieres da Marinha baseados em Rota, na Espanha, e mais dois esquadrões F35 no Reino Unido.

A expansão manterá 100 mil soldados na Europa no futuro próximo, acima dos 80 mil antes do início da guerra na Ucrânia. Em discurso, Biden disse que Putin acreditava que os membros da aliança se separariam depois da invasão à Ucrânia, mas o líder russo obteve a resposta oposta.

"Você vai conseguir a Otanização da Europa", disse Biden. "E isso é exatamente o que ele não queria, mas exatamente o que precisa ser feito para garantir a segurança da Europa."

A cúpula também aprovou o novo Conceito Estratégico da Otan, que define o conjunto de prioridades e objetivos da aliança uma vez por década. O último documento desse tipo, em 2010, chamava a Rússia de "parceiro estratégico". Agora, a Otan está acusando a Rússia de usar "coerção, subversão, agressão e anexação" para estender seu alcance.

+ Otan formaliza convite à Suécia e Finlândia para se juntarem à aliança militar

O documento de 2010 também não fazia menção à China, mas o novo aborda o crescente alcance econômico e militar de Pequim.

"A China não é nossa adversária, mas devemos estar atentos aos sérios desafios que ela representa", disse Stoltenberg na 4ªfeira (29.jun).

A Otan disse que a China "se esforça para subverter a ordem internacional baseada em regras, inclusive nos domínios espacial, cibernético e marítimo" e alertou sobre seus laços estreitos com Moscou. A aliança disse, no entanto, que permanece "aberta a um envolvimento construtivo" com Pequim.

A China acusou a aliança de "atacar e difamar maliciosamente" o país e reagiu dizendo que a Otan era uma fonte de instabilidade, prometendo defender seus interesses.

*Com informações da Associated Press

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
guerra_na_ucrania
guerra-na-ucrania
otan
china
rússia
nato
jens stoltenberg
eua
militar
aliança
exército

Últimas notícias

União Brasil faz convenção, mas não define apoio ou candidatura própria para prefeitura de São Paulo

União Brasil faz convenção, mas não define apoio ou candidatura própria para prefeitura de São Paulo

Partido está entre lançar candidatura própria com Kim Kataguiri ou apoiar Ricardo Nunes na reeleição
Morre no Rio de Janeiro o dramaturgo Antonio de Bonis

Morre no Rio de Janeiro o dramaturgo Antonio de Bonis

Artista ficou conhecido pela direção do musical “Emilinha e Marlene - As Rainhas do Rádio"
Explorando o Rio de bike: roteiro até o Aeroporto Santos Dumont

Explorando o Rio de bike: roteiro até o Aeroporto Santos Dumont

Descubra a beleza escondida da ciclovia Mané Garrincha e suas vistas deslumbrantes pelo caminho
Missão que levou homem à Lua pela primeira vez completa 55 anos

Missão que levou homem à Lua pela primeira vez completa 55 anos

Três astronautas americanos participaram da empreitada organizada pela Nasa
"Homem que é homem" não bate em mulher, diz Lula durante evento em São Bernardo do Campo (SP)

"Homem que é homem" não bate em mulher, diz Lula durante evento em São Bernardo do Campo (SP)

Fala vem poucos dias depois de presidente dar declaração considerada machista
Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Durante convenção partidária, Paes falou sobre ter cumprido ou não propostas feitas nas eleições municipais de 2020
Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Cristais de enxofre puro amarelos foram revelados após o rover Curiosity passar sobre uma rocha
Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Segundo as investigações, o homem utilizava o veículo para guiar os assaltantes até as casas que seriam roubadas
Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

O motim foi o primeiro em quatro anos, em São Paulo, segundo o Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (SIFUSPESP)
Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Motivos do pouso de emergência estão sendo investigados pelos órgãos competentes
Publicidade
Publicidade