Publicidade

Diário da Guerra 10: siga as últimas informações sobre o ataque à Ucrânia

Acompanhe a cobertura em tempo real do SBT News no conflito entre russos e ucranianos

Diário da Guerra 10: siga as últimas informações sobre o ataque à Ucrânia
tanques de guerra
Publicidade

RESUMO:

  • Zelensky pede aviões de guerra para os Estados Unidos
  • Tentativa de Zelenskiy de garantir ajuda direta da Otan não beneficia as negociações, diz ministro russo
  • Sistemas de segurança da Usina Nuclear de Zaporizhzhia estão intactos, afirma a Agência Internacional de Energia Atômica
  • "Não reconhecem nosso direito de existir", afirma o Ministro ucraniano Dmytro Kuleba  
  • Rússia fará cessar-fogo temporário na Ucrânia para saída de civis
  • Ucrânia acusa Rússia de não cumprir cessar-fogo
  • Jornalistas britânicos são baleados por "esquadrão da morte" russo em Kiev
  • Conselho de segurança da ONU fará reunião de emergência na 2ª feira (07)
  • "Vamos responsabilizar os culpados por crimes de guerra", afirma G7
  • Zelensky critica Otan por não fechar espaço aéreo ucraniano
  • Forças armadas da Ucrânia publicam vídeo de helicóptero russo abatido
  • Conselho de Direitos Humanos cria comissão para apurar violação em guerra

-------------
>>> ACOMPANHE O TEMPO REAL DA COBERTURA DA GUERRA
-------------

21h00 - O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky e senadores dos Estados Unidos fizeram uma reunião por videoconferência neste sábado (05.mar). O líder ucraniano "fez um pedido desesperado para que países europeus providenciem aviões para a Ucrânia"

-----------

20h40 - O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse neste sábado (05.mar) que a tentativa do presidente ucraniano Volodymyr Zelenskiy de garantir ajuda direta da Otan no conflito entre seus países não está ajudando nas negociações 

-----------

20h27 -  O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Rafael Mariano Grossi, disse, neste sábado (05.mar) que os sistemas de segurança da Usina Nuclear de Zaporizhzhia estão intactos e os níveis de radiação estão normais. Além disso, dois dos seis reatores da usina nuclear ucraniana seguem operando. 

-----------

18h10 - O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, falou sobre a situação da guerra no país. Na conversa com jornalistas, ele voltou a pedir um cessar-fogo: "Pare a guerra. A Ucrânia não precisa desta guerra. Nós estamos lutando porque fomos atacados e entendemos que temos que defender nossa terra porque, hoje, não reconhecem o nosso direito de existir", afirmou.

-----------

17h55 - O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, anunciou que o governo está confiscando 140 milhões de euros em bens de oligarcas russos. A medida faz parte da retaliação internacional contra a guerra na Ucrânia.

-----------

15h26 -  O primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett se reuniu neste sábado (05.mar) com o presidente russo Vladmir Putin para discutir a situação da guerra na Ucrânia. Os israelenses se ofereceram para mediar o conflito entre os dois países em conflito. As informações são da publicação Times of Israel.

-----------

15h08 -  O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse neste sábado (05.mar) que o principal objetivo russo neste momento é destruir parcialmente as forças armadas do país ucraniano. Putin reforçou, inclusive, que qualquer tentativa ocidental de bloqueio aéreo na Ucrânia resultaria em um conflito para além do país ucraniano. "As sanções sendo impostas se assemelham a uma declação de guerra, mas graças a Deus não chegamos a isso", disse Putin, referindo-se à adoção de sanções pelos Estados Unidos, em coordenação com aliados como a União Europeia, Reino Unido, Canadá e outros, que vem sendo uma das principais ferramentas de pressão sobre o governo russo para interromper a invasão.


"Tudo está indo como planejado", disse Vladimir Putin | Valter Campanato/Agência Brasil

----------

14h10 - Segundo a agência Unian, a aldeia de Yakovilivka, em Kharkiv, foi destruida pela força aérea russa. 21 das 45 casas da aldeia foram destruídas e 24 ficaram sériamente danificadas. Quatro pessoas morreram e 14 estão feridas. A polícia regional diz que vai abrir processo pelo artigo 'vioação das leis da guerra'.

???????----------


13h45 - O secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, visitou a fronteira entre a Polônia e Ucrânia. Na região acontece um grande fluxo de refugiados vindo do conflito com a Rússia. Além disso, ele se encontrou com o ministro das Relações Exteriores da Polônia Zbigniew Rau, para discutir a situação da guerra e oferecer seu apoio e apreciação à solidariedade polonesa aos esforços de acolher os refugiados vindos da Ucrânia.


 

???????----------

13h20 - Durante a manhã deste sábado (05.mar) diversos ucranianos sairam às ruas de Kherson para protestar contra a guerra e os invasores russos.  "Milhares de ucranianos pacíficos protestam contra a ocupação russa na frente de soldados russos armados? Admiro o espírito destemido de meus compatriotas e peço a todos ao redor do mundo que os apoiem! Os russos devem voltar para casa", disse o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba para a agência ucraniana Unian.


----------

12h13 - De acordo com o reporter da publicação The Kyiv Independent, um vídeo nas redes sociais mostra russos abrindo fogo contra civis na cidade de Novopskov, na região de Luhansk. A agência Interfax informa que três pessoas ficaram feridas no ataque. 

----------

11h47 - O Chipre proibiu 5 navios da marinha da Rússia de atracar e abastecer em Limassol. Segundo a publicação The Kyiv Independent. Proibição é por causa das sanções aplicadas pela União Europeia. Os cipriotas fazem parte da comunidade. 

----------

11h05 - A agência de refugiados das Nações Unidas, Acnur, divulgou na manhã deste sábado (5.mar) que ao menos 1,3 milhão de pessoas já deixaram a Ucrânia. Até este final de semana, marca deve superar 1,5 milhão de refugiados. Segundo a agência Reuters, a Acnur alerta que a situação da guerra na Ucrânia permanece grave com registros de ações militares em várias regiões do país.

----------

10h58 - Vídeo publicado nas redes sociais mostra manifestantes ucranianos em Kherson tomando um tanque de guerra russo. Um dos manifestantes que está com a bandeira da Ucrânia, sobe em cima do veículo e anda pela via.

------------

10h47 - Nas redes sociais, moradores de Mariupol lamentam e ficam indignados com o ataque à cidade. Eles dizem: 'Com licença, mas Mariupol também fica "pelo Donbas"?'

------------

10h33 - As forças armadas do exército da Ucrânia divulgaram nas redes sociais neste sábado (5.mar) um vídeo que seria um helicóptero da Rússia abatido no momento em que faz um voo em baixa altitude. "É assim que os invasores russos morrem! Desta vez em um helicóptero! Vença os picles! (forma depreciativa de se referir aos russos) Juntos vamos vencer!", diz a publicação na conta oficial dos militares ucranianos.

------------

10h05 -  Autoridades da Ucrânia acusam as forças russas de não cumprir o acordo combinado neste sábado (5.mar) de fazer um cessar-fogo parcial para retirada de civis na cidade de Mariupol, na região sudeste ucraniana. Seria a primeira pausa na guerra desde 24 de fevereiro. Moscou tinha anunciado que faria a interrupção dos ataques em cidades da Ucrânia para formar os corredores humanitários e, assim, permitindo a fuga de civis. 

-------------

09h55 -  Autoridades da Ucrânia acusam as forças russas de não cumprir o acordo combinado neste sábado (5.mar) de fazer um cessar-fogo parcial para retirada de civis na cidade de Mariupol, na região sudeste ucraniana. Seria a primeira pausa na guerra desde 24 de fevereiro. Moscou tinha anunciado que faria a interrupção dos ataques em cidades da Ucrânia para formar os corredores humanitários e, assim, permitindo a fuga de civis. 

-------------
09h35 - O cessar-fogo na Ucrânia está em vigor desde as 10h, no horário de Moscou, 4h em Brasília. Segundo o site MilitaryMaps, o possível trajeto do corredor humanitário passaria pelas cidades de Mariupol, Nikolskoye, Rozivka, Pologi, Orekhov e Zaporozhye.

-------------

09h23 - O deputado estadual Arthur do Val (Podemos), mais conhecido como "Mamãe Falei", confirmou a autoria dos áudios em que fala que mulheres ucranianas são "fáceis, porque são pobres". Ele reconheceu o erro, mas ressaltou que não é isso que pensa. "Tá errado o que eu falei, não é isso que eu penso, o que falei foi um erro, em momento de empolgação", disse o pré-candidato ao governo de São Paulo ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos (SP), na manhã deste sábado (05.mar). O político estava no país acompanhando a situação do conflito contra a Rússia, e chegou a afirmar que ajudou na produção de coquetéis molotov para o exército da Ucrânia.

-------------

04h09 - A Rússia anunciou, neste sábado (5.mar), um cessar-fogo temporário nas cidades ucranianas de Mariupol e Volnovakha, a partir das 10 horas, horário de Moscou - GMT+3-, para que seja formado o chamado "corredor humanitário", no qual civis podem deixar áreas de conflito, sem o risco de serem atacados por tropas hostis.

------------------

03h01 - Uma equipe de reportagem da rede de televisão britânica 'Sky News' sofreu um ataque de um suposto grupo paramilitar russo durante a cobertura da guerra na Ucrânia. Dois membros da equipe de TV britânica foram atingidos pelos disparos do chamado "esquadrão da morte" russo.

-------------------

02h06 - O Conselho de Segurança das Nações Unidas (ONU) irá realizar uma reunião de emergência na próxima 2ª feira (7.mar) para discutir a crise humanitária provocada pela guerra na Ucrânia. Uma segunda reunião, a portas fechadas, será realizada no mesmo dia para debater uma possível solução para o conflito

--------------------

01h45 - Em reunião, os ministros das Relações Exteriores dos países integrantes do G7 -- grupo formado por sete das maiores economias do mundo -- reiteraram posição contrária à guerra iniciada pela Rússia na Ucrânia, chamada por eles de "infundada e injustificável", afirmaram que Moscou deve encerrar o conflito imediatamente e pontuaram que responsabilizarão os culpados por crimes de guerra.

---------------------

01h27 - O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, fez duras críticas contra a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), depois que a aliança decidiu descartar a possibilidade de estabelecer zona de exclusão aérea na Ucrânia. Fechar o espaço aéreo significaria proibir a circulação de aeronaves e abater qualquer uma que sobrevoasse a área.

---------------------

00h50 - O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas anunciou que irá criar uma comissão para investigar alegações de violações dos direitos humanos e abusos praticados durante a invasão russa à Ucrânia, além das causas dos crimes, e recomendar punições.

_______________________________________________________________________

TUDO SOBRE A GUERRA ENTRE RÚSSIA E UCRÂNIA

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
guerra-na-ucrania
guerra na ucrânia
diario da guerra
ucrania
russia
ataque
invasao
europa
guerra
noticias
conflito
vladimi putin
volodymyr zelensky
joe biden
eua
otan
uniao europeia
kiev
moscou
kremlin
usina nuclear
zaporizhzhia

Últimas notícias

Debate, troca de nomes e saúde: o que levou Biden a desistir das eleições nos EUA

Debate, troca de nomes e saúde: o que levou Biden a desistir das eleições nos EUA

Desempenho em pesquisas e situações ‘confusas’ pressionaram para que presidente deixasse tentativa de reeleição; entenda
Kamala Harris se diz “honrada” com apoio de Biden “para derrotar Trump”

Kamala Harris se diz “honrada” com apoio de Biden “para derrotar Trump”

Atual vice-presidente dos Estados Unidos depende do sinal verde do partido Democrata para assumir candidatura principal
Bill Clinton anuncia apoio a Kamala Harris após desistência de Biden

Bill Clinton anuncia apoio a Kamala Harris após desistência de Biden

O ex-presidente dos Estados Unidos afirmou que o país já viveu muitos altos e baixos, "mas nada o preocupa mais do que a ameaça de mais um mandato de Trump"
Conheça cotados para substituir Biden na corrida eleitoral dos EUA

Conheça cotados para substituir Biden na corrida eleitoral dos EUA

Com desistência por reeleição, partido democrata escolherá novo representante. Kamala Harris e governadores estão entre cotados
Obama se pronuncia sobre desistência de Joe Biden e não menciona Kamala Harris

Obama se pronuncia sobre desistência de Joe Biden e não menciona Kamala Harris

Ex-presidente dos Estados Unidos elogiou Biden, mas advertiu que decisão deixa os democratas em "águas desconhecidas"
Após incentivar desistência de Joe Biden, ex-presidente da Câmara elogia decisão do atual presidente

Após incentivar desistência de Joe Biden, ex-presidente da Câmara elogia decisão do atual presidente

Para Nancy Pelosi, Biden é um patriota que “sempre colocou” os Estados Unidos em primeiro lugar
Boletim médico revela melhora de Biden em meio a desistência do presidente à reeleição

Boletim médico revela melhora de Biden em meio a desistência do presidente à reeleição

Líder democrata continua desempenhando todas as funções presidenciais, segundo comunicado divulgado neste domingo (21)
“É o interesse do meu partido e do país que eu me afaste”: leia a carta de desistência de Biden

“É o interesse do meu partido e do país que eu me afaste”: leia a carta de desistência de Biden

Presidente dos Estados Unidos abriu mão da disputa eleitoral e apoiou que a disputa fique com Kamala Harris, atual vice
Presidente da Câmara dos EUA pede que Joe Biden renuncie ao cargo

Presidente da Câmara dos EUA pede que Joe Biden renuncie ao cargo

Líder democrata desistiu da candidatura à reeleição
Trump diz ser "mais fácil" derrotar Kamala Harris após Biden desistir

Trump diz ser "mais fácil" derrotar Kamala Harris após Biden desistir

Candidato à presidência dos Estados Unidos comentou saída de democrata em entrevista a canal americano
Publicidade
Publicidade