Publicidade

Vídeo mostra enviado do governo Bolsonaro tentando retirar joias em aeroporto

Essa foi a oitava tentativa de retirada dos diamantes desde que eles foram apreendidos

Vídeo mostra enviado do governo Bolsonaro tentando retirar joias em aeroporto
joias apreendidas
Publicidade

Um vídeo mostra o momento em que um militar, enviado pelo ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro, tentou retirar os diamantes apreendidos no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e que seriam um presente para a ex-primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Ele insistiu com o funcionário da Receita Federal, mas foi embora sem levar as joias porque não tinha os documentos corretos.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O vídeo, obtido pela Globonews, mostra o momento em que o sargento da Marinha, Jairo Moreira da Silva, chega à unidade da alfândega do aeroporto. A missão dele: recuperar o conjunto de joias avaliado em mais de R$ 16 milhões.

Os diamantes eram um presente do governo da Arábia Saudita para Michelle, e estavam apreendidos porque não foram declarados. O assessor viajou em um voo oficial, a pedido do chefe de ordens de Bolsonaro, tenente-coronel Mauro Cid. 

Na imagem, é possível ver que auditor da Receita não aceita o documento apresentado -- e diz que a liberação depende de um ato de destinação de mercadoria, chamada de ADM.

"Esse ADM, que seria para incorporação, seria necessário, e não tem. Não tenho conhecimento também dessa liberação. Não sei onde estaria, talvez no cofre, mas eu não tenho acesso, então", diz o auditor.

O sargento justifica a pressa: precisa tirar tudo antes do fim do governo. "Isso aqui faz parte da passagem, não pode ter nada do antigo para o próximo. Tem que tirar tudo, tem que levar. Não pode, é burocrático, é burocracia", diz Jairo.

Ele diz que o documento para liberação está sendo providenciado, mas o auditor afirma que não irá liberar os diamantes sem a documentação correta.

Essa foi a oitava tentativa de retirada das joias desde que elas foram apreendidas, um ano antes. O presente do governo saudita continua apreendido na Receita Federal.

O que chama a atenção nesse caso, segundo a entidade que representa os próprios auditores fiscais, é a pressa em retirar as joias, algo que poderia ser feito depois da mudança de governo, se o destino dos diamantes fosse o patrimônio público.

"Se estas joias ficarem no patrimonio da União, seja do Palácio do Planalto ou qualquer outro órgão, por que a pressa? Já que na mudança de governo, nada ia mudar no patrimônio, não havia motivo nenhum, sendo esta a destinação pretendida, pra pressa", diz Mauro Silva, presidente Associação Nacional dos Auditores Fiscais. 

Leia também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
governo
brasil
bolsonaro
michelle bolsonaro
joias
receita federal
diamantes
aeroporto de guarulhos
video
apreensao

Últimas notícias

Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Pacote anunciado por democrata beneficia imigrantes ilegais que são cônjuges e filhos de cidadãos norte-americanos
Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Neste momento irá ocorrer o Solstício de Inverno, termo originado do latim, que significa "sol parado". Veja como será nova estação
Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Documentos digitais estão cada vez mais presentes na rotina das pessoas
"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

Ao Perspectivas, afirmou que "não tem sentido" o país "financiar o refrigerante", em referência a subsídios dados pelo governo a indústrias já consolidadas
RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (18); idoso também morreu e um dos suspeitos foi baleado
Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Comissão de Educação e Cultura do Senado deve votar o texto na quarta-feira (19)
Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Presidente disse ter sido orientado a não citar o nome do ex-presidente Jair Bolsonaro
Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Ícone do cinema francês atuou em clássicos de grandes diretores, como Fellini, Bellocchio, Demy e Altman
Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Agressão sexual representa quase 1/3 dos casos de violência contra bebês e crianças de até 9 anos e quase metade na faixa etária de 10 a 14 anos
Brasil registrou, em média, seis crianças desaparecidas por dia em 2022, diz Ministério da Justiça

Brasil registrou, em média, seis crianças desaparecidas por dia em 2022, diz Ministério da Justiça

Relatório tem objetivo de "compreender a fundo os padrões, causas e áreas de maior incidência dos desaparecimentos"
Publicidade
Publicidade