Publicidade

Homem morre esfaqueado após defender casal gay dentro de ônibus

Crime aconteceu em Curitiba; dois suspeitos foram presos

Homem morre esfaqueado após defender casal gay dentro de ônibus
Ônibus faz a linha Santa Cândida/Capão Raso | Leo Coelho/Rede Massa
Publicidade

Um homem de 40 anos morreu esfaqueado dentro de um ônibus em Curitiba na noite deste domingo (16). Segundo testemunhas, ele foi agredido até a morte ao tentar defender um casal gay que era vítima de ataques homofóbicos. Dois suspeitos foram presos.

De acordo com a Polícia Militar, o crime foi cometido por uma dupla que estava dentro do ônibus que faz a linha Santa Cândida/Capão Raso. No trajeto, os bandidos começaram a provocar e ofender o casal homoafetivo que também era passageiro do coletivo.

Quando o veículo chegou na estação-tubo da Avenida João Gualberto, no Alto da Glória, o homem ficou inconformado com a homofobia praticada pelos criminosos e tentou defender o casal. Ele foi brutalmente esfaqueado e morreu dentro do ônibus.

Os assassinos fugiram logo após o crime. Minutos depois, duas pessoas com características parecidas com as dos autores do crime foram encontradas por uma equipe da PM. Um deles é adolescente e o outro usava tornozeleira eletrônica. Os suspeitos foram detidos e levados até a Central de Flagrantes.

O casal vítima de homofobia não sofreu lesões físicas. Eles também foram até a delegacia para serem ouvidos pelo delegado de plantão. Até a publicação desta matéria, o nome do homem morto dentro do ônibus não tinha sido divulgado oficialmente.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Morte
Curitiba
Homofobia

Últimas notícias

IPCA-15: preços aumentam 0,30% julho, mas alimentos seguram alta; veja os itens que ficaram mais baratos

IPCA-15: preços aumentam 0,30% julho, mas alimentos seguram alta; veja os itens que ficaram mais baratos

Alta foi impulsionada pelos setores de Transporte (+1,12), Habitação (+0,49%) e Saúde e Cuidados Pessoais (+0,33%)
Pessoas estão usando o ChatGPT para regular o sono: prática é confiável? Entenda

Pessoas estão usando o ChatGPT para regular o sono: prática é confiável? Entenda

Segundo postagens, ferramenta indica quantidade ideal de ciclos do sono por noite; veja como dormir bem
Brasil bate Nigéria em estreia tímida nas Olimpíadas de Paris

Brasil bate Nigéria em estreia tímida nas Olimpíadas de Paris

Com gol decisivo de Gabi Nunes e assistência de Marta, Seleção supera primeiro desafio por placar mínimo de 1 a 0 no futebol feminino
Alckmin diz que reforma tributária estimula investimentos e exportação

Alckmin diz que reforma tributária estimula investimentos e exportação

Vice-presidente da República discursou na abertura do Fórum de Comércio e Inovação Coreia-ALC, no Rio de Janeiro
PF apreende R$ 15 mil em dinheiro falso e faz buscas contra suspeito de envolver menor de idade em esquema

PF apreende R$ 15 mil em dinheiro falso e faz buscas contra suspeito de envolver menor de idade em esquema

Mandado de busca e apreensão foi realizado em Cariacica, Espírito Santo, e faz parte da fase ostensiva da Operação Mico Leão
PF intima líder do MBL a depor em inquérito que apura suposta difamação contra Lula

PF intima líder do MBL a depor em inquérito que apura suposta difamação contra Lula

Renan Santos deve ser ouvido em setembro; movimento contesta acusações
Polícia pede prisão preventiva de suspeitos de matar motorista de aplicativo

Polícia pede prisão preventiva de suspeitos de matar motorista de aplicativo

Felipe Gambeta Malheiro e Gustavo Moreira Cardozo são acusados de provocar acidente que resultou na morte de Ednaldo de Souza Mendes, no dia 13 de julho
Brian Rodríguez: atacante uruguaio cobiçado pelo Corinthians é investigado por estupro

Brian Rodríguez: atacante uruguaio cobiçado pelo Corinthians é investigado por estupro

Caso teria ocorrido em maio, no México. Time paulista está disposto a pagar 5 milhões de euros por 50% dos direitos econômicos do atleta
25 de julho: entenda em 5 pontos a importância do Dia da Mulher Negra

25 de julho: entenda em 5 pontos a importância do Dia da Mulher Negra

No Brasil, mulheres pretas e pardas sofrem mais violência, são maioria dos desempregados e minoria entre políticos e juízes
Operação da Polícia Militar deixa três mortos no morro do Juramento (RJ)

Operação da Polícia Militar deixa três mortos no morro do Juramento (RJ)

Outros cinco suspeitos foram presos; foram apreendidos três fuzis, duas pistolas e drogas
Publicidade
Publicidade