Publicidade

Aplicativo do governo tem 3,8 mil celulares bloqueados em uma semana

Estado de São Paulo lidera pedidos, seguido pelo Rio de Janeiro, Pernambuco, Bahia e Minas Gerais

Aplicativo do governo tem 3,8 mil celulares bloqueados em uma semana
Publicidade

O Programa Celular Seguro, lançado pelo Governo Federal, teve 3.896 celulares bloqueados em uma semana. De acordo com informações divulgadas pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública à Agência Brasil, 1.658 alertas foram emitidos por roubo, 1.154 por furto, 801 por perda e 283 por motivos diversos.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O Estado de São Paulo lidera os pedidos de bloqueio (1.011), seguido pelo Rio de Janeiro (453), Pernambuco (286), Bahia (272) e Minas Gerais (259).

O Ministério da Justiça e Segurança Pública ainda mostrou que 700.697 acessaram o aplicativo Celular Seguro desde o último dia 19 de dezembro. Destes, 513.098 registram os números das linhas telefônicas que gostaria que fossem bloqueadas remotamente. Este bloqueio pode ser feito pela própria vítima via site do Celular Seguro ou com a indicação de alguém de confiança, após a vinculação do CPF da pessoa. No período de uma semana, 467,8 mil CPFs já haviam sido cadastrados.

É importante lembrar que não existe o bloqueio temporário. Depois que o aparelho foi inutilizado, em caso de recuperação, será necessário entrar em contato com a operadora de telefonia e demais parceiros do programa, como bancos e aplicativos, para reaver o acesso.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Celular
Celular seguro
Roubo

Últimas notícias

Imposto de Renda 2024: Receita abre consulta ao 1º lote de restituição nesta quinta-feira (23)

Imposto de Renda 2024: Receita abre consulta ao 1º lote de restituição nesta quinta-feira (23)

Créditos somam R$ 9,5 bilhões e serão depositados para mais de 5,5 milhões de contribuintes
Médico é afastado após negar atestado para mãe cuidar de filho doente

Médico é afastado após negar atestado para mãe cuidar de filho doente

Profissional alegou que criança de cinco anos poderia ficar sozinha em casa; Conselho Regional de Medicina do Paraná investiga o caso
RS recebe primeiras unidades de habitação emergencial enviadas pela ONU

RS recebe primeiras unidades de habitação emergencial enviadas pela ONU

Estruturas são montáveis e serão instaladas para acolher desabrigados
Tornado devasta estado e deixa cinco mortos nos EUA

Tornado devasta estado e deixa cinco mortos nos EUA

Fenômeno foi classificado na categoria EF-3 pelo Serviço Nacional de Meteorologia; cidade de Greenfield foi a mais afetada
Senado aprova projeto que cria área específica em presídios para população LGBTQIA+

Senado aprova projeto que cria área específica em presídios para população LGBTQIA+

Texto também garante capacitação continuada de profissionais do sistema penitenciário sobre direitos humanos e igualdade
SBT News na TV: RS tem alerta para novas chuvas e “repique” do Guaíba

SBT News na TV: RS tem alerta para novas chuvas e “repique” do Guaíba

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quinta-feira (23); assista!
Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes

Emirados Árabes Unidos coordenam iniciativa humanitária para auxiliar o RS a enfrentar impacto das enchentes

Ação pretende coletar pacotes de ajuda e conta com a participação de cerca de 300 voluntários
Perfis digitais de rádios e TV públicas são retirados do ar na Argentina por ordem de Milei

Perfis digitais de rádios e TV públicas são retirados do ar na Argentina por ordem de Milei

Sindicato afirma que medida é censura contra a mídia e denuncia intervenção nos meios de comunicação públicos
Comitê da Petrobras aprova Magda Chambriard para presidir empresa

Comitê da Petrobras aprova Magda Chambriard para presidir empresa

Indicada do presidente Lula ainda terá nome votado pelo Conselho de Administração da petroleira
Publicidade
Publicidade