Publicidade

Exército e Polícia Federal começam integração dos sistemas de armas

Aguardada desde 2004, a união das plataformas promete o aperfeiçoamento Da rede do controle de armas

Exército e Polícia Federal começam integração dos sistemas de armas
arma
Publicidade

A integração entre o Sistema Nacional de Armas (SINARM) e o Sistema de Gerenciamento Militar de Armas (SIGMA) foi iniciada na última 5ª feira (9.dez), segundo a Polícia Federal. No entanto, houve um atraso de cerca de 17 anos para a união das plataformas. Em 2004, por meio do decreto n° 5.123/2004, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva definiu que os dados dos dois sistemas fossem interligados e compartilhados no prazo máximo de um ano. 

O prazo foi ignorado até o ano passado. Em 2020, o presidente Jair Bolsonaro (PL) editou um novo decreto (n° 9.847/2020) para estabeler, em até um ano desde a publicação do texto, o compartilhamento de informações entre os dois sistemas, o que não ocorreu.

"Os dados do Sinarm e do Sigma serão compartilhados entre si e com o Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - Sinesp. Parágrafo único. Ato conjunto do Diretor-Geral da Polícia Federal e do Comandante do Exército estabelecerá as regras para interoperabilidade e compartilhamento dos dados existentes no Sinarm e no Sigma, no prazo de um ano, contado da data de entrada em vigor deste Decreto", destaca o texto.

Em 2019, a Polícia Federal autorizou que o Exército tenha acesso ao Sinarm, já os militares não permitiram a liberação das informações do Sigma para os agentes da PF. A integração permitirá a realização de consultas simultâneas nos dois sistemas, aperfeiçoando a rede de controle de armas e facilitando a consulta sobre a propriedade e origem das armas apreendidas no país, de acordo com a Polícia Federal.

Sinarm x Sigma

No Brasil, existem duas formas para conseguir o acesso a armas por civis: por meio do Sistema Nacional de Armas (Sinarm), no qual a autorização é concedida pela Polícia Federal; e a outra é por meio do Sistema de Gerenciamento Militar de Armas (Sigma), coordenado pelo Exército. No Sinarm é possível requisitar a posse de arma e o porte (para casos excepcionais), já no Sigma, é preciso solicitar o pedido de registro como caçador, atirador ou colecionador (CACs) para ter acesso a armas.

O Sinarm possui informações sobre armas de empresas de segurança privada, policiais civis, guardas municipais e pessoas físicas que fazem uso da defesa pessoal (porte). Já o Sigma conta com dados de armamento de CACs, ou seja,  armas utilizadas na atividade de tiro, caça e coleção.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
brasil
sistema de armas
sinarm
sigma
exercito
policia federal
armas
armamento

Últimas notícias

Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Exclusivo: SBT mostra testes das novas câmeras corporais da PM que permitem apagar ocorrências

Seis concorrentes alegam que a empresa vencedora do pregão foi beneficiada; ouvidor diz que vai pedir revisão do processo
Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Idosa é baleada no Rio de Janeiro após assalto a casa lotérica

Dois homens fugiam da polícia quando começou o confronto
 Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Número de eleitores jovens no Brasil aumenta 78,16%

Voto é facultativo para população com 16 e 17 anos
Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Brasil suspende parte de exportações de frango após caso da doença de Newcastle no RS

Ministério declarou emergência zoossanitária no Rio Grande do Sul, por 90 dias, devido à detecção da doença
Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Michelle Bolsonaro aciona STF contra Gleisi Hoffmann após post sobre roubo de joias

Presidente do PT fez uma série de acusações ao citar investigações da PF contra família Bolsonaro
Descubra a beleza rústica do nordeste brasileiro em Paripueira, Alagoas

Descubra a beleza rústica do nordeste brasileiro em Paripueira, Alagoas

Aproveite o encanto rural e as praias com piscinas naturais desse recanto ecológico
STF ordena que São Paulo suspenda nova licitação para iluminação pública

STF ordena que São Paulo suspenda nova licitação para iluminação pública

Decisão de Flávio Dino ocorre após alerta do TCM-SP sobre prejuízos bilionários aos cofres públicos
Polícia realiza reprodução em 3D do acidente com Porsche que matou motorista de app

Polícia realiza reprodução em 3D do acidente com Porsche que matou motorista de app

Motorista do veículo de luxo estava a 136 km/h no momento da colisão
Paraguai negocia compra de seis aviões da Embraer por R$ 530 milhões

Paraguai negocia compra de seis aviões da Embraer por R$ 530 milhões

Aquisição faz parte de um conjunto de esforços do país vizinho para combater o tráfico de drogas
Sistemas do STF voltam a funcionar após apagão cibernético

Sistemas do STF voltam a funcionar após apagão cibernético

Intervenção manual em todas as estações de trabalho corrigiu problema no Supremo
Publicidade
Publicidade