Publicidade

Lula alterou medida provisória que reonerava folha de pagamento, diz Padilha

Movimento mantém benefício tributário a 17 setores e municípios; outra sugestão será enviada ao Congresso Nacional

Lula alterou medida provisória que reonerava folha de pagamento, diz Padilha
Publicidade

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) confirmou que a reoneração na folha de pagamentos a setores da economia ficará de fora da medida provisória (MP). O chefe do Executivo assinou a atualização do texto, e a mudança deve ser publicada nesta quarta-feira (28).

“Vai ser publicada amanhã a retirada da medida provisória do ponto específico sobre reoneração dos setores econômicos”, declarou Padilha, nesta terça-feira (27).

+ Contra reoneração, frentes parlamentares lançam manifesto e pressionam governo

O ministro também disse que a proposta do governo seguirá para o Congresso por meio de um Projeto de Lei em regime de urgência, e que outros pontos da medida provisória seguirão no texto, como o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse).

Ainda segundo Padilha, o projeto que será enviado ao Congresso trata apenas da reoneração. O ministro também sustentou que a adequação dá espaço para diálogo com parlamentares.

A apresentação da MP pelo governo contrariou decisões de deputados e senadores, que mantiveram até 2027 a prorrogação do benefício na folha de pagamento aos 17 setores da economia que mais empregam no país.

No fim do ano passado, o Congresso aprovou um projeto e derrubou o veto de Lula ao tema. Parlamentares também teceram críticas à decisão em enviar uma proposta de reoneração gradual aos setores por meio de medida provisória - o tipo de texto tem validade imediata, mas depende dos congressistas para se tornar permanente.

No caso da reoneração, a cobrança de tributos valeria a partir de abril, e elevaria para 20% o valor cobrado de setores. Atualmente, as áreas pagam alíquotas que variam entre 1% a 4,5%. A mudança, de acordo com representantes, provocaria o desligamento de funcionários. Agora, a sugestão passará pelo rito tradicional de projetos: com discussões e votação em plenário, tanto da Câmara quanto do Senado.

+ Pressionado por Lira, Haddad recua e aceita tratar de desoneração da folha em projeto de lei

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Política

Últimas notícias

Fisiculturista alega queda, mas é preso suspeito de espancar mulher

Fisiculturista alega queda, mas é preso suspeito de espancar mulher

Homem ainda fez publicação nas redes sociais após internação; atleta levou vítima ao hospital, em Goiás
ENGANOSO: Fotos de alagamento no Maranhão são antigas e não retratam atual situação do estado

ENGANOSO: Fotos de alagamento no Maranhão são antigas e não retratam atual situação do estado

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: Lula cobra prioridades para o RS; TSE retoma julgamento de Moro

Brasil Agora: Lula cobra prioridades para o RS; TSE retoma julgamento de Moro

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta terça-feira (21)
ChatGPT: após queixa, OpenAI suspende uso de voz parecida com a de Scarlett Johansson

ChatGPT: após queixa, OpenAI suspende uso de voz parecida com a de Scarlett Johansson

Atriz disse que negou convite para participar de projeto e que ficou chocada com semelhança
Governo federal prorroga Desenrola Brasil até 19 de julho

Governo federal prorroga Desenrola Brasil até 19 de julho

Programa garante desconto médio de 83% e parcelamento especial para renegociação de dívidas; veja como aderir
Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 37 milhões nesta terça-feira (21)

Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 37 milhões nesta terça-feira (21)

Apostas podem ser feitas em casas lotéricas ou pela internet até as 19h
SP: Virada Cultura arrecada 10 toneladas de donativos para o Rio Grande do Sul

SP: Virada Cultura arrecada 10 toneladas de donativos para o Rio Grande do Sul

Itens foram levados para o Banco de Alimentos da prefeitura e devem ser enviados em breve para o estado gaúcho
Após morte do presidente, Irã marca eleições para 28 de junho

Após morte do presidente, Irã marca eleições para 28 de junho

Primeiro vice-presidente permanecerá no cargo até realização do pleito
SBT News na TV: RS confirma primeira morte por leptospirose

SBT News na TV: RS confirma primeira morte por leptospirose

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta terça-feira (21); assista!
“Faria tudo novamente”, diz adolescente que matou família por causa de celular

“Faria tudo novamente”, diz adolescente que matou família por causa de celular

Jovem foi detido após confessar o crime para a polícia; pai, mãe e irmã foram atingidos por tiros na cabeça e nuca
Publicidade
Publicidade