Publicidade

SBT News na TV: empresários acusados de financiarem atos golpistas são presos

Trio de detidos teria financiado acampamento golpista montado em frente ao quartel-general do Exército, em Brasília

SBT News na TV: empresários acusados de financiarem atos golpistas são presos
Publicidade

Três empresários foram presos, em São Paulo e no Distrito Federal, em mais uma etapa da operação que investiga os atos antidemocráticos de 8 de janeiro de 2023. Eles são investigados por financiarem o acampamento golpista montado em frente ao quartel-general do Exército, em Brasília.

O presidente Lula disse no encerramento da viagem à guiana que o Brasil não tem e não quer conflitos com nenhum pais. Sem citar a disputa territorial entre a Venezuela e a Guiana, Lula fez um apelo para que a América do Sul siga como uma "zona de paz".

O ministro da Fazenda Fernando Haddad fez um discurso, ainda mais incisivo, sobre a taxação dos super-ricos e pediu cooperação internacional para evitar evasão fiscal. Foi o último dia de reunião dos ministros das finanças e presidentes de bancos centrais das principais economias do mundo, em São Paulo. Por divergências entre os países em citar as guerras, o encontro terminou sem um comunicado conjunto.

Com pouco menos de cinco meses, a guerra entre Israel e Hamas já deixou mais de 30 mil mortos na Faixa de Gaza. No mesmo dia, mais de 100 palestinos morreram enquanto aguardavam a distribuição de alimentos.

Esses e outros assuntos que foram noticiados ao longo do dia você confere no SBT News na TV, com apresentação de Marcelo Casagrande, ao vivo, na tela do SBT e no canal do SBT News no YouTube.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

SBT News na TV

Últimas notícias

Governo libera R$ 2,7 bilhões ao Congresso e posterga negociações às vésperas de análise de vetos

Governo libera R$ 2,7 bilhões ao Congresso e posterga negociações às vésperas de análise de vetos

Deputados e senadores vão avaliar decisões de Lula nesta quarta-feira (24); saiba o que está em jogo
Brasil Agora: Lula minimiza queda de popularidade; Câmara aprova reestruturação do Perse

Brasil Agora: Lula minimiza queda de popularidade; Câmara aprova reestruturação do Perse

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta quarta-feira (24)
INSS começa a pagar 13º salário nesta quarta-feira (24); veja quem recebe

INSS começa a pagar 13º salário nesta quarta-feira (24); veja quem recebe

Primeira parcela do benefício deve contemplar mais de 33 milhões de segurados
Moraes autoriza nova investigação da PF sobre cartão de vacina de Bolsonaro

Moraes autoriza nova investigação da PF sobre cartão de vacina de Bolsonaro

Decisão atende pedido da PGR, que apura ligação com tentativa de golpe de Estado
Polícia vai investigar morte de cachorro embarcado em voo errado da Gol

Polícia vai investigar morte de cachorro embarcado em voo errado da Gol

Cão da raça golden retriever deveria ser levado para Mato Grosso, mas foi enviado por engano para o Ceará; viagem levou 8 horas
Nova Délhi é tomada por fumaça tóxica após incêndio em lixão

Nova Délhi é tomada por fumaça tóxica após incêndio em lixão

Chamas queimam desde o último domingo (21) em um dos maiores aterros da Índia; moradores relataram dificuldade para respirar
+Milionária sorteia prêmio de R$ 176 milhões nesta quarta-feira (24)

+Milionária sorteia prêmio de R$ 176 milhões nesta quarta-feira (24)

Apostas podem ser feitas até as 19h em casas lotéricas ou pela internet
Após meses de impasse, Congresso dos EUA aprova ajuda de R$ 60 bilhões à Ucrânia

Após meses de impasse, Congresso dos EUA aprova ajuda de R$ 60 bilhões à Ucrânia

Decisão foi comemorada por Biden e Zelensky; pacote também inclui envios para Israel e parceiros no Indo-Pacífico
SBT News na TV: Gol suspende transporte de animais por 30 dias após morte de cachorro

SBT News na TV: Gol suspende transporte de animais por 30 dias após morte de cachorro

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (24); assista!
STF condena mais 11 pessoas por atos golpistas do 8/1 e total sobe para 207

STF condena mais 11 pessoas por atos golpistas do 8/1 e total sobe para 207

Penas foram fixadas entre 11 e 17 anos de prisão, além de R$ 30 milhões em danos morais coletivos
Publicidade
Publicidade