Publicidade

Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca

No México, por exemplo, mais de 22 milhões de pessoas podem ficar sem água nas próximas semanas

Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca
Diversos países do mundo sofrem com a seca | Reprodução
Publicidade

Enquanto o sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva em excesso, outras partes do mundo sofrem com a estiagem. O calor fora de época que atinge boa parte do hemisfério norte está provocando seca, apagões e mortes no México. Mais de 22 milhões de pessoas podem ficar sem água nas próximas semanas.

No país que faz fronteira com os Estados Unidos, é primavera, mas parece verão. Em quase metade dos estados a temperatura média ultrapassa os 40ºC.

E o fogo já consome as áreas verdes. Dois milhões de hectares de floresta foram queimados nos últimos anos no México, segundo dados do governo. O fogo consumiu uma área correspondente a 16 vezes o tamanho do país.

A onda de calor fora do normal provocou sete mortes no ultimo mês, segundo o governo mexicano. Mas outros casos estão sendo investigados. O país também vem sofrendo com apagões em razão da sobrecarga no sistema de energia.

Um problema semelhante é enfrentado pela Costa Rica, que desde o começo do mês passa por racionamento de energia para lidar com a seca dos reservatórios. A onda de calor extremo afeta todo o hemisfério norte.

Nos Estados Unidos, as autoridades de alguns estados já alertam a população para a onda de calor extremo que vai chegar. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças do país também disponibilizou um mapa, em tempo real, para que as pessoas consultem quando uma temperatura é considerada arriscada para a saúde.

Na Europa, a situação não é diferente.

"A Europa está aquecendo no dobro da proporção da média mundial", diz a diretora da Lancet Countdown no Reino Unido.

E a preocupação aumenta com a proximidade do verão, que, no Hemisfério Norte, começa no mês que vem. Um estudo publicado pela revista Nature, essa semana, afirma que a estação, em 2023, foi a mais quente dos últimos 2 mil anos. E 2024 tem todos os fatores para quebrar este recorde.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Mundo
clima
México

Últimas notícias

Dez trabalhadores são regatados pela PF em situação análoga a escravidão no Mato Grosso do Sul

Dez trabalhadores são regatados pela PF em situação análoga a escravidão no Mato Grosso do Sul

Ação durou pouco mais de duas semanas em propriedades rurais na região do Pantanal
Deputada cassada por fazer harmonização com dinheiro público diz que provas foram forjadas

Deputada cassada por fazer harmonização com dinheiro público diz que provas foram forjadas

Silvia Waiãpi é acusada de utilizar recursos do Fundo Campanha para pagar o procedimento. Confira entrevista ao Poder Expresso
Governo define regras mais rígidas para distribuidoras de energia

Governo define regras mais rígidas para distribuidoras de energia

Segundo as novas normas, a satisfação do consumidor será um dos critérios de avaliação
Polícia do DF prende suspeitos de chefiar quadrilha que realizava falsos sequestros

Polícia do DF prende suspeitos de chefiar quadrilha que realizava falsos sequestros

Segundo as investigações, o grupo atuava em 15 estados
Vídeo: deputada é flagrada derramando água dentro da bolsa de colega nos EUA

Vídeo: deputada é flagrada derramando água dentro da bolsa de colega nos EUA

"Por cinco meses, passei por isso", desabafou parlamentar que teve a bolsa encharcada
Polícia Federal prende quadrilha suspeita de fraudes bancárias

Polícia Federal prende quadrilha suspeita de fraudes bancárias

Prisões foram em cinco diferentes cidades do estado de São Paulo
Dólar atinge R$ 5,46, maior valor em um ano e meio

Dólar atinge R$ 5,46, maior valor em um ano e meio

Alta acontece após críticas do presidente Lula à decisão do Copom de manter taxa de juros
Idosa de 105 anos recebe seu diploma de mestrado 83 anos após iniciar os estudos

Idosa de 105 anos recebe seu diploma de mestrado 83 anos após iniciar os estudos

Virginia precisou largar os estudos para casar com seu namorado da época, que foi chamado para servir na Segunda Guerra Mundial
Ronnie Lessa passa 1ª noite em presídio de SP, onde será monitorado dia e noite

Ronnie Lessa passa 1ª noite em presídio de SP, onde será monitorado dia e noite

Assassino confesso de Marielle Franco, em 2018, foi transferido de presídio federal em MS, como benefício da delação
Toffoli abre terceira via e STF adia decisão sobre descriminalização da maconha

Toffoli abre terceira via e STF adia decisão sobre descriminalização da maconha

Para o ministro, o porte da erva para consumo próprio já não tem natureza criminal. Julgamento continua na próxima terça (26)
Publicidade
Publicidade